Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana cuja letra fala sobre esperança de Renato em se curar da AIDS

imagemMax e Iggor convidam Jairo, detonam no Rio e alfinetam: "Verdadeiro Sepultura"

imagemA lenda do Rock que se arrepende de nunca ter dormido com Jimi Hendrix

imagemTom Morello explica por que o RATM se reúne, mas não lança novas músicas

imagemPodcast diz que prática comum no black metal hoje seria "coisa de esquerdomacho"

imagemQuando Slash tentou entrar pro Kiss mas foi rejeitado por um motivo cruel

imagemNando Reis e a enigmática música que ele queria usar para seduzir Marisa Monte

imagemPink Floyd: Roger Waters relembra a última vez que viu Syd Barrett

imagemPrika explica critérios para entrar na Nervosa: "Fascista na minha banda não toca!"

imagemA sincera resposta de João Gordo para quem o acusa de ser "traidor do movimento"

imagemDez clássicos do rock e do heavy metal que não têm bateria

imagemA canção do Queen que Freddie Mercury achava ser bem melhor do que "Bohemian Rhapsody"

imagemO hit dos Engenheiros do Hawaii que faz uma dura crítica à panelinha do rock nacional

imagemEddie Munson faz metaleiros virarem novos crushes da geração TikTok, diz site

imagemLulu Santos diz que "a hora é agora" para manifestações no Rock in Rio


Dream Theater 2022

Symphony Draconis: boas idéias sem sacrificar a brutalidade

Resenha - Inside The Horned Pentagram - Symphony Draconis

Por Ben Ami Scopinho
Em 04/01/09

Gaúcho de Porto Alegre, o Symphony Draconis surgiu em 2006 tendo em sua formação Herr Amoth (voz), Thiernox (guitarra), Aym (guitarra), Flowsthaingrof (baixo) e Helrier Berzerker (bateria), cuja linha ideológica preza o verdadeiro potencial humano através de um Black Metal que procura fugir dos padrões usuais do estilo.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Tendo isso em mente, "Inside The Horned Pentagram" é seu primeiro CD-Demo – e que registro! Após uma introdução bastante sádica que mostra sua aversão por certa religião secular e dita organizada, temos... Riffs! Há apenas duas composições propriamente ditas, mas posso afirmar com orgulho que este conjunto consegue incorporar grandes idéias para a base de seu Black Metal, e sem sacrificar absolutamente nada de sua importante brutalidade!

Os músicos são excelentes, mas o trabalho das guitarras é empolgante, principalmente por incorporar boas doses de Heavy Metal Tradicional em meio ao conhecido extremismo. E isso garante um dinamismo todo especial, tanto que as faixas são relativamente longas – oscilam entre cinco e oito minutos – mas que seguram a atenção do ouvinte do começo ao fim em função de como se intercalam passagens velozes a outras mais cadenciadas.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

E todo o cuidado com os arranjos também se estende para o lado gráfico, pois a imagem da capa está toda dentro do contexto de sua proposta musical e com um resultado também espetacular – o logotipo é belíssimo, tanto que já se transformou em tatuagem de algum couro por aí!

Provavelmente, enquanto o leitor lê estas linhas, o Symphony Draconis já esteja em estúdio gravando seu próximo registro. Uma grata revelação neste final de 2008 que merece ser conhecido por qualquer um que aprecie o Heavy Metal como ele deve ser: enérgico e contestador. E que venha o sucessor de "Inside The Horned Pentagram"!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Contato:
http://www.myspace.com/symphonydraconis
[email protected]

Symphony Draconis - Inside The Horned Pentagram
(2008 / CD-Demo - nacional)

01. Intro
02. Inside The Horned Pentagram
03. The Sentence

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metal Brazuca: algumas bandas que você precisa conhecer

The Simpsons: 10 melhores aparições de roqueiros no desenho

Fotos de Infância: Red Hot Chili Peppers


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.