Matérias Mais Lidas

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemO clássico dos Paralamas que Gilberto Gil escreveu a letra e ditou pelo telefone

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemO clássico da Legião inspirado em novela da TV Globo e acusado de plagiar The Doors

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemPerformance "controversa" de Axl Rose em show viraliza no Tik Tok

imagemRitchie Blackmore em 1978 sobre o Kiss, Fleetwood Mac, Yardbirds e Led Zeppelin

imagemDepeche Mode divulga a causa oficial da morte de Andy Fletcher

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1988 é um ano inesquecível

imagemTúnel do Tempo: 25 músicas que mostram por que 1984 é um ano vital para o metal

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemQuantos discos o Guns N' Roses vendeu no Brasil e no mundo? Veja os números

imagemBob Dylan explica a diferença entre suas composições e as de Paul McCartney

imagemSlash explica por que rejeitou Corey Taylor no Velvet Revolver

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto


Acariya: fama de ser a "banda mais barulhenta ao vivo"

Resenha - Acariya - Acariya

Por Ben Ami Scopinho
Em 15/12/08

Nota: 8

Bem, desde que surgiu, o selo Hold True Recordings vem se caracterizando por ter em seu cast bandas norte-americanas da nova geração que não seguem uma linha comercial (ou anticomercial?) realmente definida. A gravadora encara de tudo: Punk, Hardcore, Heavy Metal extremo, ou tudo isso em um único grupo, mas geralmente tendo em comum as muitas melodias realmente grudentas.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

É claro que seu público-alvo tende a ser aquele mais alternativo e que não se prende aos rótulos que a mídia utiliza para definir o que aparece pelo underground mundo afora. Dito isto, a mais nova aquisição do Hold True é o Acariya, um excelente grupo de Boston (EUA), já com certa fama de ser a ‘banda mais barulhenta ao vivo’ de sua região e que agora está estreando com este EP auto-intitulado.

E, como era de se esperar, "Acariya" é um verdadeiro caos sonoro! Suas sete faixas apresentam desde os rudimentos do metal tradicional, não temem o esporrento Grind e em algumas ocasiões utilizam passagens tão quebradas que até dá para dizer que se insinuam pelo lado progressivo da coisa toda. Assim como as vocalizações, gritadas ou urradas, os arranjos nunca se abstém de cuidadosas melodias, por mais velozes que sejam.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Para situar o leitor, não seria de todo equivocado traçar um paralelo entre o Acariya e as bandas de Metalcore de seu país. A linearidade apresentada nos quase 27 minutos de audição é tal que fica complicado escolher algum destaque, as faixas são muito boas e o ouvinte, confesso, fica querendo mais. Um belo fruto do subterrâneo dos Estados Unidos, e que merece uma conferida pelos interessados no estilo.

Contato:
http://www.acariyamusic.com
http://www.myspace.com/acariya

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Formação:
Josh - voz
Adam - guitarra
Luz - guitarra
Nick - baixo
Wood - bateria

Acariya – Acariya
(2008 / Hold True Recordings – importado)

01. My Darling, My Blood
02. A Call To Arms
03. The Understanding
04. I, Believer
05. Burning The Bridges
06. Engines Of Conviction
07. A Shift Forward

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Garimpeiro das Galáxias: Beldades globais e sua paixão pelo rock


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.