Skitsystem: música mais robusta no decorrer dos anos

Resenha - Allt E Skit - Skitsystem

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Chegou a vez de "Allt E Skit" para dar sequência aos lançamentos dos discos do Skitsystem no Brasil. Os leitores que acompanharam a resenha de "Gra Varld/Svarta Tankar", publicada no Whiplash! há alguns dias, provavelmente se lembram que esta banda sueca tem como mentores Tomas Lindberg (voz e guitarra) e Adrian Erlandsson (bateria), que ficaram conhecidos pelo pioneirismo do At The Gates no Death Metal Melódico, mas que agora seguiam com uma proposta totalmente diferente, ainda que com tanto peso que conseguiram - e ainda conseguem - se destoar em relação a boa parte dos grupos que se aventuram pelo gênero.

Rachel Sheherazade: cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The NoiteFotos de Infância: Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie Paul

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Este álbum é uma espécie de compilação dos materiais liberados pela banda entre os anos 1995 e 1997, ou seja, antes de debutarem com o já citado "Gra Varld/Svarta Tankar", que saiu somente em 1999. "Allt E Skit" apresenta o EP "Profithysteri" (95), onde a banda mostrou suas primeiras composições ao público; seguido por "Ondskans Ansikte" (96), provavelmente o melhor material de todo o CD e que se caracteriza por ter sido gravado entre os intervalos das seções que geraram o cultuado "Slaughter Of The Soul", do próprio At The Gates.

A sequência fica por conta de "Levande Lik", o split de 1997 onde o Skitsystem dividia o espaço com o Wolfpack, e que foi a derradeira aparição do fundador e baterista Adrian. Foi neste mesmo ano que o Skitsystem fez suas primeiras apresentações pelos EUA e Canadá, o que fortaleceu sua condição de banda real. E a coisa toda em "Allt E Skit" não fica somente nisso. A versão verde-amarela deste álbum apresenta ainda cinco faixas capturadas ao vivo em Hultsfred (Suécia) e um encarte completíssimo, com reproduções das capas originais, letras das canções, fotografias, biografia e discografia.

Como a engenharia e mixagem de todos os registros que compõem "Allt E Skit" ficaram aos cuidados de Fredrik Nordstöm e do Skitsystem, tem-se como garantia a devida homogeneidade nos 50 minutos de audição. Tudo funciona perfeitamente e os ouvidos mais sensíveis perceberão que, mesmo sendo tudo bastante direto e violento, a banda foi tornando sua música cada vez mais robusta ao longo dos anos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Berrado em sueco e inglês, seu Hardcore/Punk é tão cru e veloz que, com certeza, chocará o público mais jovem, em especial àqueles que somente tiveram acesso ao radiofônico e animadinho 'poppy punk', que já não apresentava o tão importante senso de rebelião dos velhos tempos. Um álbum altamente recomendável, principalmente se levarmos em conta que seus registros originais somente viram a luz do dia no formato vinil.

Skitsystem - Allt E Skit
(2004 / Distortion Records - 2007 / Cut Throat Records - nacional)

"Profithysteri" EP 7" - 1995
01. Profithysteri
02. Maktens Murar Rasar
03. Revolt (Asocial)
04. Human Waste
05. Alla Jävlar Ljuger
06. Nar Skall Ni Fatta?

"Ondskans Ansikte" EP 10" - 1996
07. Jag Vagrar
08. Ondskans Ansikte
09. Profit Overshadows Need
10. Ett Liv I Frihet
11. System Collapse
12. Dödsmaskin
13. Krossa Mig
14. Allt E Skit
15. Välfard
16. Pigs

"Wolfpack Split" EP 7" - 1997
17. Civiliserad?
18. Slaves to Misery
19. Levande Lik

Live Hultsfred - 1999
20. I Skuggan Av Erat Sverige
21. Profithysteri
22. Jag Vägrar
23. Nar Skall Ni Fatta?
24. Ondskans Ansikte

Homepage: www.skitsystem.net




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Skitsystem"


Rachel Sheherazade: cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The NoiteRachel Sheherazade
Cantando Iron Maiden com o Ultraje A Rigor no The Noite

Fotos de Infância: Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie PaulFotos de Infância
Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie Paul


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280