Resenha - Anthrology: No Hit Wonders (1985-1991) - Anthrax

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Rodrigo Simas
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Junto da série de lançamentos surgidos com a reunião da formação clássica da banda, "Anthrology: No Hit Wonders" é mais um ítem obrigatório para os fãs. Caça-níqueis? Talvez, mas serve como um registro importante, reunindo todos os clipes da fase Belladona. A grande maioria das músicas, se não sua totalidade, são clássicos absolutos da época e servem para, no mínimo, uma coletânea digna do Anthrax.
426 acessosAnthrax: concerto de "Among The Kings" foi capturado para DVD5000 acessosMetal: as oito maiores tretas entre músicos do gênero

Se a fama de “engraçadinhos” já era notória, os clipes, o visual (as bermudas e bonés, contrariando totalmente a indumentária heavy metal) e o comportamento dos músicos não deixa dúvidas: eles tinham esse diferencial e levavam isso a sério. Mesmo que muitas vezes beirassem o ridículo.

Os clipes começam com uma versão ao vivo de “Metal Trashing Mad” (com Belladona nos vocais logicamente) na Alemanha, passando pelo bizarro “Madhouse”, “Indians” (já bem mais produzido – com a banda alcançando relativo sucesso depois do lançamento de “Among The Living”), “Armed and Dangerous”, “Among The Living” e Caught In a Mosh (as três gravadas no mesmo show, em Londres – já mostrava a frenética performance de todos os integrantes, principalmente os insanos Frank Bello e Scott Ian), “I am The Law” (gravada na turnê do disco “State Of Euphoria”), a divertidíssima “I’m The Man” (gravada no mesmo show de Londres, mas com som de estúdio), a socialmente politizada “Who Cares Wins”, “Belly Of The Beast” (nessa época, Scott Ian já com a cabeça raspada), “Got The Time”, “In My World” e “Bring Tha Noize” (com o Public Enemy).

Nos extras, comentários da banda, mais versões de “Madhouse” e “I’m The Man” e o excelente “personal playlist” onde você pode alterar a ordem dos clipes e assistí-los da maneira que quiser. O som, com opção de 5.1 e DTS, varia muito, principalmente nas músicas ao vivo. A imagem também não é das melhores, mas vale pela raridade dos vídeos e pelo documento da fase clássica de uma das melhores bandas de metal de todos os tempos.

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

AnthraxAnthrax
Banda está "pronta" para mais shows com o Big 4

426 acessosAnthrax: concerto de "Among The Kings" foi capturado para DVD582 acessosExodus e Anthrax: Ruindo o Muro ao som do metal1721 acessosBlend Guitar: em vídeo, as dez maiores bandas de Heavy Metal0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Anthrax"

Humor involuntárioHumor involuntário
As resenhas de discos da Rock Brigade na década de 80

Tom ArayaTom Araya
Os caras do Anthrax continuam iguais, eu não gosto de aparecer

InglaterraInglaterra
O Príncipe Harry é viciado em Thrash Metal

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Anthrax"

MetalMetal
As oito maiores tretas entre músicos do gênero

MetallicaMetallica
Se encontrar James Hetfield, não peça para bater uma foto

VocalistaVocalista
Dez razões pelas quais os demais integrantes o odeiam

5000 acessosMacabro: a maioria dos bons não morre aos 275000 acessosIgor Cavalera sobre Sepultura: "Não gosto de falar de gente morta"5000 acessosMarilyn Manson: "Sou o monstro do Lago Ness! Sou o Bicho Papão!"5000 acessosMetallica: Banda mirim destruindo em Enter Sandman5000 acessosAlice Cooper relembra contato com Syd Barrett5000 acessosIron Maiden: Confira as primeiras imagens do Eddie gigante

Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua…

Mais informações sobre Rodrigo Simas

Mais matérias de Rodrigo Simas no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online