Resenha - Sheep In Kiss Make-Up - Sack Trick

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7


Bom, a caminho um tributo ao Kiss. Aí você pensa: lá vem a velha onda, participações de músicos que não dão a mínima ao conjunto homenageado, versões estéreis em relação as originais. Porém, nada disso acontece em "Sheep In Kiss Make-Up". Desfaça-se de quaisquer preconceitos, abra a mente, e se prepare para rir e se chocar com covers totalmente inusitados de clássicos de Gene Simmons, Ace Frehley & cia.

Cults: 10 álbuns influentes que fracassaram nas vendasOzzy Osbourne: Fim do Guns foi a maior tragédia do rock

O Sack Trick é uma banda de verdade, formada por Chris Dale, Alex Dickson e Alex Elena, todos ex-membros do grupo solo de Bruce Dickinson. Além deles, uma série de convidados-fãs malucos do trio, incluindo figuras tarimbadas como Jack Endino (Skin Yard, Nirvana, Soundgarden), Pete Friesen (Alice Cooper), Doogie White (Yngwie J. Malmsteen, ex-Rainbow), Jem Davis (UFO), CJ e Jet Streatfield (The Wildhearts) e o próprio Bruce Dickinson (Iron Maiden).

Em dezenove faixas, rola literalmente de tudo. Partindo do hard rock fiel em "Shout It Out Loud", e passando por blues, country, reggae e funk. Tendo isso em vista, imagine o quão diferentes não ficaram, entre outras, "Love Gun", "Beth", "I Stole Your Love" e "War Machine". As vezes é difícil até conceber que se trata das mesmas músicas originalmente gravadas pelo Kiss. A perspectiva é completamente outra.

Felizmente a qualidade dos músicos é inegável e a liberdade é total no álbum, deixando que eles apresentem idéias nunca dantes pensadas facilmente. A quantidade de resultados positivos, alguns muito engraçados, é impressionante. No entanto, os experimentos se exacerbam e acabam não funcionando em algumas composições. "Deuce" e "Lover Her All I Can" são bons exemplos. Também, por maiores que sejam as variantes, algumas coisas se repetem, soam meio forçadas.

Avaliar um disco como esses friamente é quase impossível. Você tem que ouvir e curtir simplesmente. Há falhas e coisas até rústicas, mas numa coisa este tributo acertou como nenhum outro já feito a qualquer conjunto: capturou o espírito da banda honrada com exatidão. Como o escolhido foi o Kiss, se prepare pra muita diversão, contravenção, e festa.

Site Oficial - http://www.sacktrick.com

Material cedido por:
Hellion Records - http://www.hellionrecords.com
Rua 24 de Maio, 62 - Lojas 280 / 282 / 308 - Centro.
São Paulo - SP - BRASIL
CEP: 01041-900
Tel: (11) 5083-2727 / 5083-9797 / 5539-7415
Fax: (11) 5549-0083
Email: hellion@uol.com.br




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Sack Trick"


Cults: 10 álbuns influentes que fracassaram nas vendasCults
10 álbuns influentes que fracassaram nas vendas

Ozzy Osbourne: Fim do Guns foi a maior tragédia do rockOzzy Osbourne
Fim do Guns foi a maior tragédia do rock

Jason Becker: O mais tocante desafio do balde de geloJason Becker
O mais tocante desafio do balde de gelo

Manowar: A vida real e nada épica dos Reis do Metal?Manowar
A vida real e nada épica dos Reis do Metal?

Black Sabbath: um Tony Iommi que você não conheciaBlack Sabbath
Um Tony Iommi que você não conhecia

Black Sabbath: Os melhores e os piores discos da bandaBlack Sabbath
Os melhores e os piores discos da banda

Tracii Guns: Axl é um cara simples num mundo complicadoTracii Guns
"Axl é um cara simples num mundo complicado"


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336