Resenha - In an Outrage - Chastain

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


David Chastain está se consolidando rapidamente como uma referência no metal no tocante a guitarristas que produzem, tocam, compõe e cantam muito bem. Como Sascha Paeth, Roy Z e outros, David consegue transformar todo projeto que mete as mãos num trabalho interessante. Não seria diferente com a banda que leva seu nome. Já conhecida de longa data, a banda Chastain vivia um hiato de 7 anos desde "In Dementia". Tal hiato foi devido aos inúmeros projetos de David e a gravidez da vocalista Kate French, que o mesmo não cansou de elogiar em todas as entrevistas que concedia.

História do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões

"In an Outrage" pode ser considerado de longe o melhor cd da banda. "In a Outrage" explode em "riffs" cavalares e na voz de Kate, agressiva e ao mesmo tempo sensual. A banda investe em "riffs" tradicionais incorporando elementos mais modernos, como se pode notar em "Malicious Age", na levada (com um dedo no New Metal) de "Lucky to Be Alive" e no flerte com o "grunge" em "Bullet from a Gun".

O ponto alto deste cd é atirar em várias direções, mas mantendo sua estrutura básica intacta. Logo evita-se qualquer tipo de dificuldade na identificação da banda. Kate usa bem sua voz, seja em tons mais suaves como em "Women are Wicked", ou com mais agressividade (fortemente influenciada por Leather - ex vocalista da banda) em "Tortured Love".

Os "riffs" de David particularmente estão inspiradíssimos neste cd, beirando o metal tradicional em "New Beginnings", ou com mais melodia como na semi-balada "Rule The World". De fato, o Chastain voltou com tudo e cada vez mais forte.

O melhor cd da banda. Aproveite e confira um pouco de heavy metal com vocal feminino mas atitude de macho!

Line Up:
Kate French - Vocais
David Chastain - Guitarras
Dave Starr - Baixos
Larry Howe - Bateria.

Rock Brigade/Laser Company (2004)

Site Oficial: http://www.davidtchastain.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Chastain"


História do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatosHistória do rock
Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

Excessos: como os rockstars gastam os seus milhõesExcessos
Como os rockstars gastam os seus milhões

De AC/DC a ZZ Top: Origens dos nomes de bandas e artistas de rockDe AC/DC a ZZ Top
Origens dos nomes de bandas e artistas de rock

Sounds Entertainment: as 100 melhores músicas do Heavy MetalSounds Entertainment
As 100 melhores músicas do Heavy Metal

Contra Costa Times: Os 25 melhores guitarristas da Bay AreaContra Costa Times
Os 25 melhores guitarristas da Bay Area

Guns N' Roses: Without You, o conto de Del JamesGuns N' Roses
"Without You", o conto de Del James

Steve Terreberry: 10 guitarristas que seguram a palheta de forma bizarraSteve Terreberry
10 guitarristas que seguram a palheta de forma bizarra


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336