Resenha - Roorback - Sepultura

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ari Santa Lucia Jr.
Enviar Correções  


"Come Back Alive", que abre o novíssimo "Roorback", não está lá à toa. O título diz tudo: o Sepultura está voltando e quer recuperar o tempo perdido. Lançado na última segunda-feira apenas na Europa, o cd ainda não tem uma data para sair no Brasil, sabe-se lá porque.

Direto, sem aquelas epopéias sem fim de seus últimos discos, os mineiros fizeram um cd raivoso que lembra muito, mais muito mesmo seus álbuns dos anos 80. É sério.

publicidade

Se você é daqueles fãs de cabeça fechada, vai adorar esse cd. Se você é mais inteligente e respeita outros estilos de rock também vai adorar "Roorback". Na verdade ele é uma mistura de "Arise", "Beneath The Remains" com hardcore e umas coisinhas modernas.

Finalmente sua gravadora na Europa (a SPV) está apoiando o grupo, que voltou às páginas das revistas mais importantes do mundo e aos grandes festivais de rock. A partir do dia 31 de maio eles começam uma extensa turnê européia ao lado de grandes nomes, e maiores detalhes você encontra em www.sepultura.com.br.

publicidade

"Roorback" é o melhor disco com Derek nos vocais até agora, e mesmo sem ter uma candidata a clássico, é o álbum que vai colocar o Sepultura no rumo certo. Boas músicas não faltam, e pode delirar com as porradas "Mindwar", "Corrupted" e "Godless". Grande trabalho.


Outras resenhas de Roorback - Sepultura

Sepultura: álbum traz a banda focada em sua música

Sepultura: Roorback deve ser ouvido sem preconceitoSepultura
"Roorback" deve ser ouvido sem preconceito

Resenha - Roorback - Sepultura

Resenha - Roorback - Sepultura


WhiFin WhiFin