Edu Falaschi

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Edu Falaschi


  | Comentários:

Biografia Oficial

Edu Falaschi nasceu em 18 de maio de 1972 na cidade de São Paulo, mas quando tinha ainda um ano de idade seus pais mudaram-se para o Rio de Janeiro e lá ele viveu até os doze anos. Logo após o falecimento do seu pai, sua mãe mudou-se para São Paulo novamente e dois anos depois, para São Vicente, litoral do Estado de São Paulo.

Edu, desde pequeno, já tinha contato com a música, pois a família de seu pai era de músicos não profissionais, sendo assim, participava sempre das reuniões de família cantando com seu pai e seus tios.

Aos quatorze anos, teve sua primeira grande experiência musical quando ganhou o primeiro violão e, a partir daí, o interesse musical foi crescendo dia-a-dia.

Ironicamente, ele não gostava de cantar, preferia fazer músicas instrumentais em seu violão, e já era fã de cantores como: Ronnie James Dio e Bruce Dickinson. Edu chegou a ser baterista por 6 meses numa banda de blues formada com seus amigos, foi baixista e, em seguida, guitarrista numa banda de covers lá da baixada santista onde já dava os primeiros passos como cantor fazendo "backing vocals". No segundo semestre de 1989, foi convidado por seus amigos de escola a se juntar a uma banda para participar como vocalista no festival de música F.I.C.O., do Colégio Objetivo.

Gravaram uma demo, se classificaram e quando Edu menos esperava já estava cantando para um público de mais de 5.000 pessoas, visto que era um festival de grande porte. A banda chegou ao terceiro lugar no festival e, então, com toda a empolgação do momento, alguns membros resolveram fazer uma banda de rock com musicas próprias. Assim nasceu o MITRIUM, em 1990. Essa foi a primeira banda profissional de Edu Falaschi como vocalista, compositor e arranjador.

Por volta de 1991, gravaram a primeira "demo" com a música "Just Remember" e, em 1992, a segunda com as músicas "The Shadows" e "You Can Choose The Side of Darkness", todas de autoria de Edu Falaschi.

A banda se projetou rapidamente no cenário santista e, logo em seguida, partiram para a capital de São Paulo, onde, em 1993, assinaram com uma gravadora ARMY RECORDS (na época), que viria a lançar o que seria o primeiro registro fonográfico de Edu e sua banda Mitrium. O disco era um "split-LP" chamado "Eyes of Time" que continha 4 músicas: "Eyes of Time", "Run From The Fire", "Lives So Close" e "The Shadows". Esse disco recebeu, na época, diversos elogios da mídia especializada, proporcionando à banda o status de uma das melhores bandas de metal de São Paulo.

Com o crescimento da banda e por sua vez de Edu Falaschi, veio então, em janeiro de 1994, a oportunidade de participar do concurso para substituir Bruce Dickinson no Iron maiden. Edu, por causa da pouca experiência, manteve os pés no chão e não botava muita fé, mas surpreendentemente foi um dos selecionados no Brasil e depois no resto do mundo, chegando a manter contato com Dick Bell, diretor de produção da Iron Maiden Holding LTDA. Tudo isso ao mesmo tempo em que Edu iniciava a faculdade de PROPAGANDA & MKT.
Apesar de toda ascensão, Edu teve que deixar a banda Mitrium, precisamente no dia 5 de agosto de 1994, dedicando-se somente à faculdade.

Apesar de tudo, ainda mantinha o seu amor a música, nunca deixou de compor e sempre estava tocando por diversão com alguns amigos, chegando até a gravar um cd demo com uma banda chamada OPIUM, eram 8 músicas rock'n roll, bem simples, sem pretensões.
Já no meio de 1998, Edu Falaschi, foi convidado pelo pessoal da banda SYMBOLS OF TIME, para ser o produtor do que seria o primeiro disco deles.Quem cantava na banda era seu irmão Tito Falaschi. Antes do início da pré-produção, a banda teve a primeira mudança de formação, saindo o baterista, baixista e um dos guitarristas.Então foram convocados três novos membros para o início das gravações em julho de 1998. Enfim, Edu Falaschi além de produzir o disco acabou fazendo parte da banda, a convite dos outros membros.

Nesse meio tempo, ainda em 1998, ele arranjou, produziu as melodias de voz e cantou no cd da banda VENUS de seus amigos, chamado "Ordinary Existence". Como surgia uma formação totalmente diferente, para a banda Symbols of Time, resolveram então mudar o nome da banda para SYMBOLS. Ainda em 1998 foi lançado o primeiro disco da banda auto-intitulado "Symbols".
Mais uma vez Edu mostrava, agora para o Brasil, o seu trabalho como vocalista, compositor e arranjador profissional, o que rapidamente espalhou-se pelo circuito "Metálico", tornando o Symbols uma das principais bandas de heavy metal do Brasil.
No início de 1999, Edu dedicava-se totalmente à banda e aos seus afazeres como professor de canto.

Já no início de 2000 a banda Symbols lançou o seu segundo trabalho "Call To The End", que alcançou um grande número nas vendagens inclusive no exterior.
Ainda em 2000, mas por volta do mês de junho, a banda Angra procurava por novos integrantes e Edu já era um dos mais cotados para entrar na banda, foi quando ele recebeu um convite, no mês de agosto, para fazer alguns testes, junto com outros vocalistas.

Em janeiro de 2001 a banda Symbols viria a sofrer uma grande baixa com a triste saída de seu irmão Tito Falaschi e do guitarrista Rodrigo Arjonas.
Porém, Edu Falaschi ainda resolveu continuar na banda com seus amigos remanescentes, inclusive até já estavam compondo o material para o terceiro disco.
Porém os meses se passaram, até que finalmente Edu Falaschi recebeu a notícia de que seria definitivamente integrado a sua nova banda...o ANGRA.

Com muito trabalho, ainda em 2001, Edu Falaschi teve seu talento rápidamente reconhecido ao redor do mundo, como cantor e compositor. Logo em seu primeiro álbum lançado com o Angra, intitulado “Rebirth”, ele recebeu seu 1º disco de ouro no Brasil, com menos de 40 dias de vendagem, fato inédito na carreira da banda. Também no Japão seu nome brilha novamente, sendo premiado como 3º melhor vocalista do mundo, pela renomada e mais importante revista de rock japonesa, BURRN! Edu Falaschi teve seu nome citado em muitas revistas e sites de vários países, sempre premiado como um dos melhores vocalistas de metal da atualidade. Nesse disco Edu compôs, as já clássicas, NOVA ERA, HEROES OF SAND E BLEEDING HEART, entre outras.

Uma longa e muito bem sucedida turnê mundial se inicia no final de 2001 passando por 2002 e vai até o inicio de 2003, o Angra faz mais de 100 shows pelo mundo, em pouco mais de um ano, passando por quase todos os continentes. A voz de Edu Falaschi ecoa pelos quatro cantos do planeta, dessa forma a demanda pelos trabalhos do Angra aumentam muito, fazendo com que a banda grave rápidamente, um mini-album, chamado “Hunters and Prey”, em seguida o Angra lança seu primeiro DVD juntamente com um disco duplo ao vivo, chamado, “Rebirth World Tour – Live in São Paulo”. Todos os lançamentos foram sucesso absoluto de venda no mundo todo. Depois de uma exaustiva turnê e diversos lançamentos, o Angra resolve tirar um ano de férias, merecidas por sinal.

Mas como Edu Falaschi não consegue ficar parado e longe dos palcos ele inicia, em 2003, uma mini turnê de Workshops de canto, passando por diversas cidades do Brasil, também realizou alguns cursos de canto em São Paulo, além de fazer algumas participações em shows e discos de outros artistas, nacionais e internacionais, como convidado especial.

Mas o Angra ainda em 2003 participou de 2 Mega festivais europeus, ao lado de grandes nomes como Whitesnake, Motorhead, Saxon, etc.

Em novembro de 2003, Edu Falaschi, se reúne novamente com o Angra para iniciar a pré-produção do disco novo, “Temple of Shadows”, Edu grava os vocais na Alemanha e mais uma vez deixa sua marca. Nesse novo trabalho Edu, cantou ao lado de grandes nomes da música como Milton Nascimento, Kay Hansen (Gammaray), Hansi Kürsh (Blind Guardian). Além de dar sua contribuição como compositor fazendo 3 das principais músicas do album, sendo elas: Spread your Fire, Angels and Demons e Wishing Well.

O disco é lançado em setembro de 2004, no Japão e no Brasil. Resultado: Sucesso absoluto! Os mais importantes críticos japoneses deram as maiores notas e consideraram o álbum como o mais sofisticado da história da banda, que será um divisor de águas, um marco na história do Heavy Metal e declararam que nesse disco se encontra a melhor performance da carreira de Edu Falaschi. Como se não bastasse, “Temple of Shadows”, foi digno de mais de 50 prêmios ao redor do mundo, o mais significativo deles, para o cantor, foi o prêmio concedido pela mais importante revista de metal, a BURRN do Japão, que elegeu Edu Falaschi como 2º melhor vocalista do mundo em 2005. Desde o lançamento do TOS, Edu Falaschi fez com o Angra mais de 150 shows passando pela América do Sul, Central e do Norte, Europa, Ásia e Oceania. Foi uma longa turnê que consagrou o Angra e por sua vez Edu Falaschi, definitivamente. Além de estar extremamente ocupado com os compromissos junto ao Angra, Edu fez participações especiais em alguns discos de outros artistas, e também foi convidado pela Álamo, a gravar as versões em português das músicas de abertura e encerramento, “Pegazus Fantasy e Blue Forever”, do desenho japonês CAVALEIROS DO ZODIACO, o que se tornou um fenômeno de audiência no Brasil e no Mundo.

De Dezembro de 2005, até Abril de 2006, o cantor gravou seu primeiro projeto solo chamado ALMAH, que foi lançado em Junho de 2006. Edu pôde mostrar mais uma vez seu já reconhecido talento como cantor, compositor e arranjador, mas dessa vez foi mais além, pois também, foi responsável por toda produção do projeto, desde a composição das todas as letras e músicas, até mesmo os arranjos para orquestra, teclados, violões, bateria, guitarra, baixo, etc. E como se não bastasse, o projeto Almah é formado por diversas estrelas do Rock mundial, como Emppu Vuorinem, guitarrista do Nightwish; Lauri Porra, baixista do Stratovarius e Casey Grillo, baterista do Kamelot. O álbum também tem diversas participações especiais, dentre elas, a de Mike Stone, guitarrista do Queensryche e Edu Ardanuy, guitarrista do Dr. Sin.

Ainda em 2006, Edu Falaschi foi convidado especial do Projeto do baterista Uli Kusch (ex-Helloween), chamado “Glorious”, ao lado de grandes nomes do metal mundial. E também gravou pela segunda vez, agora a convite da Play Arte, a versão em português da música “Never”, trilha de abertura do filme “prólogo do céu” , do desenho animado CAVALEIROS DO ZODIACO, que passará nos cinemas de todo o Brasil ainda no final de 2006.

Edu Falaschi, também gravou em meados de 2006, o novo álbum de estudio do Angra, chamado Aurora Consurgens, 6º álbum da banda, que mesmo antes de seu lançamento oficial, já recebe críticas exelentes em todo o mundo, principalmente na Europa e Japão. Um longa turnê mundial se inicia em setembro de 2006 e só deve acabar em meados de 2008. Ou seja, os próximos anos serão muito promissores e com pouco tempo de descanso para o cantor, mas é isso mesmo que ele gosta de fazer, trabalhar e cantar para o mundo!

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Matérias e Biografias
Todas as matérias sobre "Edu Falaschi"
Todas as matérias sobre "Angra"

Judas Priest: Painkiller e seus diversos covers
Edu Falaschi: confira vídeos para o especial Yamaha
Edu Falaschi: vocalista fala sobre Rock In Rio e vídeo polêmico
Rafael Bittencourt: desafios e riscos com Roberto Shinyashiki
Rafael Bittencourt: cervejas em vídeo com Ardanuy e Michel Leme
Angra: conheça o Angragode e o Progpagod da Bahia
Angra: finalmente revelado o que é "Z.I.T.O."
Noturnall: Um renascimento para músicos que vieram pra ficar
Kiko Loureiro e Felipe Andreoli: Em bate-papo com fãs
Angra: Show em Rio Branco confirmado para turnê em maio
Rafael Bittencourt: presença no festival Tamo Aí na Atividade
Rafael Bittencourt: vídeo de gravação no novo álbum do Symmetrya
Angra: vídeo da entrevista na Rádio Bandeirantes
4Action: vídeo de música de DVD gravado no estúdio do Green Day
Rafael Bittencourt: terceiro Injeção na Testa com auto-entrevista

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas