Enterro e Dark Tower: resenha do evento Bacafest

Resenha - Enterro e Dark Tower (Rio de Janeiro, 21/04/2018)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por César Rezende
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O evento Bacafest é um clássico da zona sul carioca, tendo como tradição a apresentação de ótimos artistas pertencentes aos mais diversos ramos da música. Pela primeira vez ocorreu a edição do Bacafest dedicada ao metal extremo, contando com a apresentação de duas bandas do Rio de Janeiro: Dark Tower e Enterro.

Show de Rock: as diferenças entre os anos 80 e 2010Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl

O Estúdio Áudio Rebel - cuja localização no bairro de Botafogo é de ótimo bom gosto e permite o fácil acesso do público - recebeu amigos e convidados das bandas e do organizador do evento - ilustríssimo Bacalhau - além do público pagante.

Toda a parte estrutural do evento assim como a qualidade de recepção e atendimento dos profissionais envolvidos foram a cereja do bolo, completando assim com maestria o evento.

O espetáculo áudio visual iniciou-se com a banda Dark Tower. Sempre elogio os músicos não somente pelo belo trabalho musical como também pelo investimento em pinturas corporais, vestimentas e ótima presença de palco. É nítido perceber em todos os shows que os músicos da Dark Tower entram em catarse impulsionados pelo sentimento visceral que expressam ao ouvirem-se. Tal fato contagia os espectadores do show e deixa uma grande vontade de conhecer mais sobre o trabalho já produzido pelos artistas.

Saliento que os pontos altos da apresentação da banda Dark Tower foram as dobradinhas de guitarra - exatamente como bandas do NWOBHM faziam -, o vocal gutural rasgado do vocalista Flávio, a linha de contrabaixo do Rodolfo e a metranca (ou blast beat) em muitas passagens das canções, demonstrando o grande nível do baterista.

Logo em sequência, a banda Enterro subiu ao palco introduzindo o belo show que estava por vir com uma abertura em cântico gregoriano. Gerou-se uma atmosfera sombria e ao mesmo tempo lírica fazendo com que o público permanecesse em estado de atenção e expectativa.

O show inicio-se com o vocal marcante do Kaffer (timbre e técnica de vocal gutural semelhantes à utilizada por Glen Benton) acompanhado do contrabaixo, a guitarra pesada do Doneedah e as primeiras baquetadas ao vivo da recém integrante Cävaal. A banda apresentou-se com formação em power trio devido à compromisso inadiável do outro guitarrista.

Durante a apresentação foi possível deleitar-se com o estilo Black/Death Metal executado de forma maestral. O público ensandecido pela música fez até "roda punk" e bateu cabeça durante todo espetáculo.

A banda Enterro, contando com o novo baterista, demonstrou muito entrosamento e confiança.

Destaco como ponto alto do show a apresentação da nova música "Drooling Mud Gospel" que retrata problemas como mal uso religioso e debilidade de caráter de pessoas que sobrevivem e enriquecem através de extorsão e inverdades proferidas como certezas. Nada melhor do que ótima musicalidade enriquecida com mensagens de conscientização, educação e que agregam aprendizado.

O evento encerrou-se de forma tranquila, em um grande bate-papo entre os músicos e grande parte dos presentes no evento. Destaco o merch da banda Dark Tower, com especial citação à cerveja própria autointitulada Dark Tower. Vale a pena conferir e saborear!

Sinto-me ansioso para os próximos shows das duas bandas que ocorrerão em breve.

Set list da banda Dark Tower:

1) Destroy the House of Ha'shem
2) Nameless Servants of Damnation
3) Lord ov the Vastlands
4) Eight Spears
5) Dawn of Darkness Times
6) Blood Harvest

Set list da banda Enterro:

1) He Must be Killed
2) B-11
3) Earth and Worms
4) Excommunicated
5) In the Last Days
6) Drooling Mud Gospel
7) Arguments for Ignorants
8) This Land Shall Burn




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Enterro"Todas as matérias sobre "Dark Tower"


Show de Rock: as diferenças entre os anos 80 e 2010Show de Rock
As diferenças entre os anos 80 e 2010

Guns N Roses: Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com AxlGuns N Roses
Bon Jovi fez com Steven Tyler o que ele fez com Axl

Osama Bin Laden: O que havia na sua coleção de cassetes?Osama Bin Laden
O que havia na sua coleção de cassetes?

Milhões: Os eventos com maior público da história da músicaFotos de Infância: Cradle Of FilthFortuna: quem são os músicos mais ricos do Reino Unido?The Beatles: a história da música "Lucy in the sky with Diamonds"

Sobre César Rezende

César Rezende. 28 anos. Duque de Caxias - RJ.

Mais matérias de César Rezende no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336