Matérias Mais Lidas

Mamonas Assassinas: a história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloideMamonas Assassinas
A história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloide

Metal Injection: 10 álbuns que são melhores do que o mais aclamado das bandaMetal Injection
10 álbuns que são melhores do que o mais aclamado das banda

Lacuna Coil: banda fica em silêncio durante showLacuna Coil
Banda fica em silêncio durante show

Stryper: Michael Sweet diz que é questão de tempo até a Bíblia ser canceladaStryper
Michael Sweet diz que é "questão de tempo" até a Bíblia ser "cancelada"

Udo Dirkschneider: por que ele voltou atrás e seguiu cantando músicas do AcceptUdo Dirkschneider
Por que ele voltou atrás e seguiu cantando músicas do Accept

Alice Cooper: músico comentou sobre acusações contra Marilyn MansonAlice Cooper
Músico comentou sobre acusações contra Marilyn Manson

Helloween: confira trailer do vídeo de Skyfall, nova música da bandaHelloween
Confira trailer do vídeo de "Skyfall", nova música da banda

Iggor Cavalera: a música eletrônica que ele ouve é mais pesada que SlayerIggor Cavalera
A música eletrônica que ele ouve é mais pesada que Slayer

Black Sabbath: Ozzy era ótimo no que fazia mas Dio era mais envolvidoBlack Sabbath
"Ozzy era ótimo no que fazia mas Dio era mais envolvido"

Megadeth: David Ellefson diz com qual músico ele gostaria de ter tocado juntoMegadeth
David Ellefson diz com qual músico ele gostaria de ter tocado junto

Guns N' Roses: como eles dividiram ganhos em Appetite - e por que Axl levou maisGuns N' Roses
Como eles dividiram ganhos em "Appetite" - e por que Axl levou mais

Mutantes: entre os 25 melhores álbuns de rock psicodélico em lista de site gringoMutantes
Entre os 25 melhores álbuns de rock psicodélico em lista de site gringo

Slayer: Dave Lombardo conta que kits de bateria que usava com a banda foram furtadosSlayer
Dave Lombardo conta que kits de bateria que usava com a banda foram furtados

Slipknot: Nunca pesquisem Duality no YouTube, alerta fã de k-pop assustadaSlipknot
"Nunca pesquisem Duality no YouTube", alerta fã de k-pop assustada

AC/DC: Bon Scott viu Brian Johnson e ficou impressionado, mas ainda não sabia a verdadeAC/DC
Bon Scott viu Brian Johnson e ficou impressionado, mas ainda não sabia a verdade


Stamp

Andre Matos: Performance espetacular no Rio de Janeiro

Resenha - Andre Matos (Teatro Rival Petrobras, 09/10/2014)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Luiz Felipe Lima
Enviar Correções  

Posso dizer que sou uma pessoa privilegiada. Eu fui em todos dos três shows que o Andre Matos fez no Rio de Janeiro durante a turnê de comemoração do Angels Cry, incluindo aí o show do Rock In Rio. O engraçado é que os dois outros shows foram no mesmo lugar, o Teatro Rival Petrobras, o que fez com que eu tivesse uma forte sensação de déja-vu ao assistir ao show da última quinta-feira e me lembrasse a todo momento da apresentação de novembro de 2013.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Matéria originalmente publicada no site DELFOS - http://www.delfos.jor.br

O fato é que o show de 2013 não foi lá tão empolgante. Eu fiquei bem perto do palco, e a impressão que eu tive durante todo o concerto foi de que a plateia estava morta. Ao meu redor não havia mais ninguém pulando e cantando, e isso só mudou depois da segunda metade do show, com o Angels Cry na íntegra. Soma-se a isso o fato de que a guitarra do Hugo eventualmente falhava e o show, que deveria ser espetacular, foi apenas bom, o que me deixou bem frustrado - e se eu tivesse feito resenha, esta apresentação teria ganhado módicos três Alfredos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

SIM, MAS E O ÚLTIMO SHOW?

Apesar do show de 2013 ter sido levemente decepcionante, o fato é que essa resenha fala do show de 2014. E, como você já deve ter visto, este não só levou a nota máxima como também levou o todo poderoso Selo Delfiano Supremo. Mas o que será que aconteceu para, em apenas um ano, o show ter aumentado tanto a sua nota? É o que eu vou explicar nos próximos parágrafos, delfonauta ansioso.

O primeiro ponto importante é que o show começou na hora. Exatamente às 21 horas e 30 minutos, estava ecoando pelo Teatro Rival a introdução do show, que é extremamente empolgante, e dois minutos depois o maestro do Metal Nacional já desfilava seus agudos no palco. Dessa vez eu não estava perto do palco, mas estava atrás de todo o público, nas mesas. Essa visão privilegiada me permitiu ver como o público reagia às músicas, o que foi bastante curioso.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

As músicas da carreira solo do Andre são tão boas quanto as antigas, mas o fato é que o público quase não reagia às músicas novas. As únicas músicas que mexeram de fato com o público foram as antigas, como Lisbon, Living For the Night e Fairy Tale. As da carreira solo dos outros dois CDs, Rio e I Will Return tiveram uma reação moderada, enquanto as do último disco, The Turn of The Lights, praticamente não mexeram com quem estava presente. Isso é uma pena, pois não só são músicas muito boas como também compunham metade do setlist da primeira parte do show.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outra grande diferença entre este último show e o de 2013 foi o momento solo do baterista Rodrigo Silveira. No show de 2013, o solo de bateria foi absurdamente longo e chato, e ao que parece a banda percebeu como isso prejudicava o show e diminuiu a duração dele. Assim, o solo de bateria do show mais recente foi bem mais curto e por isso mais palatável.

UM ANDRE CANTA BEM, DOIS ANDRES CANTAM MUITO MAIS

No entanto, nada tornou esse show mais especial do que a performance do Andre. Ele estava cantando ainda melhor do que no show do Rock in Rio, mas, como se isso não fosse o bastante, ele ainda acrescentou um efeito na voz que tornou a experiência ainda mais interessante. O efeito a que me refiro fazia com que a voz do Andre funcionasse como um teremim, e eventualmente, quando ele dava um agudo, um outro agudo surgia, complementando o primeiro. Isso, somado ao fato da voz do Andre estar bastante encorpada e potente, dava a impressão de que estávamos presenciando a performance de dois Andres!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Eu dou bastante destaque ao fato de o Andre ter usado esse efeitos pois sei que muita gente não gosta de efeitos na voz e prefere performances em que o vocalista usa o mínimo de efeitos possível. Porém, destaco aqui que, independentemente de ele estar usando efeitos, a voz dele estava impecável – afinal de contas, você pode usar quantos efeitos quiser, se não estiver cantando bem isso ficará visível. Os efeitos que ele usou apenas incrementaram a performance e deixaram a experiência ainda melhor.

Um grande exemplo disso foi na música Stand Away. Eu vi Stand Away no show de 2013, mas mesmo sendo com o vocalista original, a performance não foi mais épica do que a do DVD do Angra.

Não achei que veria uma performance tão grandiosa quanto o dueto protagonizado por Tarja e Lione, mas vi. Nesse show, a banda conseguiu criar uma atmosfera tão impactante quanto a do Angra, e sei que grande parte disso se deve ao efeito usado. A "cereja do bolo" dessa performance foi quando, ao fim da música, Andre parou no centro do palco e meditou, repetindo o fim da For Tomorrow do DVD Ritualive. A diferença foi que não havia o fogo falso e que as luzes eram vermelhas, mas confesso que foi tão emocionante quanto.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

ANGELS CRY NA ÍNTEGRA

E, como eu já esperava, foi só com o Angels Cry na íntegra que o público foi de fato ao delírio. A performance do disco foi mesmo empolgante, e por tudo o que eu já destaquei anteriormente, ficou ainda melhor do que no show antigo. Angels Cry, Time, Evil Warning e Wuthering Heights foram as músicas que ficaram melhores.

Contudo, eu senti falta de uma iluminação mais caprichada. No show do Angra no Circo Voador, os efeitos de luz estavam muito bons, e isso fez com que eu fosse mais crítico quanto a isso nesse show do Andre. Isso foi de fato uma decepção, mas não foi tão determinante para valer uma nota mais baixa – até porque aqui a iluminação também teve os seus bons momentos, como o fim da Stand Away e também a Never Understand, que foi, de longe, a que teve a melhor iluminação.

publicidade

UM SHOW PARA SE RECORDAR

O balanço final desse show não poderia ser melhor. O show foi um espetáculo e entrou para o meu Top 5 – justamente no lugar do outro show do Andre, o do Rock in Rio. Mas é claro que o melhor ainda está por vir.

Após o show, o Andre concedeu uma entrevista ao DELFOS, que você confere amanhã, neste mesmo horário e neste mesmo site. Continue delfonado!

Setlist:

01 – Intro
02 – Liberty
03 – I Will Return
04 – Course of Life
05 – Rio
06 – The Turn of the Lights
07 – Fairy Tale
08 – Stop!
09 – Lisbon
10 – On Your Own
11 – Living For the Night
12 – Unfinished Allegro
13 – Carry On
14 – Time
15 – Angels Cry
16 – Stand Away
17 – Never Understand
18 – Wuthering Heights
19 – Streets of Tomorrow
20 – Evil Warning
21 – Lasting Child

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Flavio Maranhao
publicidade
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rodrigo Flausino: Histórias no Metal com Luis MariuttiRodrigo Flausino
Histórias no Metal com Luis Mariutti

Lendas: João Gordo compartilha bela foto ao lado do saudoso Andre MatosLendas
João Gordo compartilha bela foto ao lado do saudoso Andre Matos

Andre Matos: Meu Orkut foi Hackeado encerra temporada de Doc B-SidesAndre Matos
"Meu Orkut foi Hackeado" encerra temporada de Doc B-Sides

Shaman: quando Andre Matos desmaiou durante show em Belo Horizonte, em 2018Shaman
Quando Andre Matos desmaiou durante show em Belo Horizonte, em 2018

Eloy Casagrande: O dia em que ele teve que ir ao banheiro no meio de um show (vídeo)Eloy Casagrande
O dia em que ele teve que ir ao banheiro no meio de um show (vídeo)

Angra: Kiko Loureiro publica vídeo tocando bossa nova com Andre Matos na FrançaAngra
Kiko Loureiro publica vídeo tocando bossa nova com Andre Matos na França

Angra: Como a letra de Running Alone refletia sobre futuro sem Andre MatosAngra
Como a letra de "Running Alone" refletia sobre futuro sem Andre Matos

Andre Matos: Hugo Mariutti conta histórias inusitadas sobre medo de alturaAndre Matos
Hugo Mariutti conta histórias inusitadas sobre medo de altura

Korzus: Era muito amigo de Andre Matos e nos respeitávamos desde os anos 80Korzus
"Era muito amigo de Andre Matos e nos respeitávamos desde os anos 80"

Andre Matos: Confira imagens da biografia oficialAndre Matos
Confira imagens da biografia oficial

Andre Matos: data da morte se torna oficialmente Dia do Heavy Metal em GoiásAndre Matos
Data da morte se torna oficialmente Dia do Heavy Metal em Goiás


Heavy Metal: 50 lições para ser um vocalista brasileiro do gêneroHeavy Metal
50 lições para ser um vocalista brasileiro do gênero

Black Sabbath: ícones do metal nacional se despedem da bandaBlack Sabbath
ícones do metal nacional se despedem da banda

Andre Matos declara: O Angra tinha que acabar!Andre Matos declara
"O Angra tinha que acabar!"


Metal: Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gêneroMetal
Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gênero

Bruce Dickinson: Ele lamenta não ter dado um soco em Axl RoseBruce Dickinson
Ele lamenta não ter dado um soco em Axl Rose


Sobre Luiz Felipe Lima

Depois de ficar louco com o Ritualive do Shaman nos primórdios dos anos 2000, a sua trajetória no Metal apenas se intensificou. Fã inveterado de Pantera, aprendeu rápido que é possível achar música boa desde Death até Europe, e escreve para que cada vez mais pessoas consigam perceber que não se pode ter uma mente pequena se você quiser conhecer grandes músicas.

Mais matérias de Luiz Felipe Lima no Whiplash.Net.