Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana cuja letra fala sobre esperança de Renato em se curar da AIDS

imagemMax e Iggor convidam Jairo, detonam no Rio e alfinetam: "Verdadeiro Sepultura"

imagemA lenda do Rock que se arrepende de nunca ter dormido com Jimi Hendrix

imagemPodcast diz que prática comum no black metal hoje seria "coisa de esquerdomacho"

imagemQuando Slash tentou entrar pro Kiss mas foi rejeitado por um motivo cruel

imagemA sincera resposta de João Gordo para quem o acusa de ser "traidor do movimento"

imagemPink Floyd: Roger Waters relembra a última vez que viu Syd Barrett

imagemO hit dos Engenheiros do Hawaii que faz uma dura crítica à panelinha do rock nacional

imagemO sensato conselho que Lulu Santos deu para o novato Herbert Vianna

imagemDez clássicos do rock e do heavy metal que não têm bateria

imagemBittencourt começou a fazer tai chi chuan no camarim após beque de Mariutti bater forte

imagemPrika explica critérios para entrar na Nervosa: "Fascista na minha banda não toca!"

imagemEddie Munson faz metaleiros virarem novos crushes da geração TikTok, diz site

imagemMúsicos famosos fizeram teste para o AC/DC sem que ninguém soubesse, conta baterista

imagemNando Reis e a enigmática música que ele queria usar para seduzir Marisa Monte


Dream Theater 2022

Siege of Hate: sexta-feira de Metal Pesado em Fortaleza

Resenha - Siege of Hate (Superdrive-Órbita Bar, Fortaleza, 30/08/2013)

Por Leonardo M. Brauna
Em 02/09/13

O ‘Órbita Bar’ que fica em Fortaleza, localizado nas proximidades do ‘Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura’, perímetro turístico da Praia de Iracema, abriga o projeto ‘Superdrive’ onde desde dezembro de 2005 vem abrindo espaço todas as sextas-feiras para grupos autorais da cidade, outros estados e até do exterior. Neste dia 30 de agosto o palco recebeu a estréia de SIEGE OF HATE. Há exatos seis dias da última apresentação na Praia do Futuro (também em Fortaleza), a noite foi mais uma chance para quem não conferiu a "artilharia pesada" do S.O.H.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

FOTOS: Richarley Menescal

O lugar é rota turística para quem procura entretenimento na cidade e as noites naquela região são muito frequentadas, pois as quadras oferecem muitas opções de boates e barzinhos de música ao vivo. O Órbita que na verdade é uma dessas boates já mantém a tradição de oferecer música alternativa para seus clientes, porém chamar uma banda de som extremo como é o caso do S.O.H. foi uma manobra "ousada" dos produtores. O ótimo espaço que oferece conforto, melhores bebidas e ‘muitos extintores de incêndio’ estava para ser aprovado também pelo barulho ensurdecedor de um dos maiores expoentes do Death/Grind nacional.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

O repertório foi bem diversificado abrangendo canções de seus três lançamentos e bem similar ao executado nas areias da Praia do Futuro, no último dia 24. O show teve exatamente a duração de uma hora, que pra mim passaram-se rapidamente. 22:30h e a banda já em palco anunciava a primeira "cacetada", ‘Grinding Ages’! Uma ótima opção que vem abrindo o set do grupo desde o lançamento de ‘Animalism’, CD atual da banda, aliás, é esta também a faixa de abertura desse álbum que vem acumulando fãs desde as primeiras resenhas e audições. Foi muito interessante e até satisfatório ver aquele público de gosto musical misto (percebia-se muitas pessoas não roqueiras no local), se render aos riffs ferozes do quarteto. A sonoridade estava perfeita mesmo não havendo um esquema acústico no interior, talvez não haja mesmo a necessidade, pois a vizinhança toda é formada por casas de eventos e, ainda assim, eu teria dó dos ouvidos mais leigos caso o S.O.H. tivesse que tocar em uma "caixa de esponja".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O "terrorismo" seguiu com ‘Steamroll Democracy’, primeiro tema extraído de ‘Deathmocracy’ (2009), disco que revelou a banda para o mundo e que lhe valeu a primeira turnê européia. Durante a execução viu-se mais Bangers se aproximar à frente do palco e compartilhar com a banda muita troca de energia. As pessoas que contemplavam tomando os seus ‘drinks’ já começavam a balançar suas cabeças sem muito esforço para curtir o som. Em dado momento pude perceber, no intervalo de uma música para outra, que dois amigos comentavam sobre os artistas fazendo-os comparações com os nossos compatriotas do ‘Sepultura’. Parece que a comparação "inocente" dos dois cidadãos só mostra que na boca da pessoa comum a banda mineira serve para definir qualquer som que seja mais extremo que o Heavy Metal.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Sem estar ciente de quaisquer ligações ou adjetivos, Bruno Gabai (Guitarra, Vocal) chama a próxima execução, ‘Catharsis’, até agora a mais popular de ‘Animalism’ e que tem uma levada mais Death Metal e uma "pitada" Black Metal nas bases. Os guturais de Gabai harmonizam-se perfeitamente com os rasgados, da maneira que se ouve no CD o frontman traz para o palco com maestria, mas é importante salientar que, Lucas Gurgel (guitarra, vocal do Clamus) responde a altura com seus ‘backings’ totalmente ‘screamings’. Em baixo a galera já totalmente empolgada fazia o ritual sagrado de causar torcicolo. As luzes quando refletiam mais ao fundo do ambiente dava uma melhor noção do espaço – casa lotada! Podemos contar agora com mais um apoio para bandas de Metal? Vamos torcer.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

‘The World I Never Knew’ eu recebí como um presente, pois esse pra mim é o melhor título do novo álbum. Os seus riffs, notas de baixo e vocal me lembram muito o Napalm Death na época de ‘Harmony Corruption’. Ao vivo o S.O.H. consegue fazer uma passagem ainda mais destruidora. Esta canção também é uma das mais bem aceitas entre os fãs e, ao lado de ‘Cartharsis’ deve merecer uma versão em videoclipe para expandir mais o seu poder. Fica a dica. A primeira do debut ‘Subversive by Nature’ (2003) veio com ‘Martyr of Fools’, uma pancada Grindcore nos ouvidos seguida de ‘The Walls Built Inside Us’ do mesmo disco. A participação de Lucas desde a saída de Fábio Morcego é mais do que merecida à banda. O cara que presta apoio técnico ao grupo como ‘roadie’, mas que acima de tudo é um excelente guitarrista, movimenta-se no palco, chama a galera e executa os riffs com muita precisão. Talento esse que vem desde sua banda principal, ‘Clamus’, outro expoente local.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

‘Breeding Chaos’ e ‘Red Alert is on’ fazem sequência ao espetáculo e intensifica a agitação. Alguns mais contagiados pelo peso tentam formar algumas rodas na pista, algo que pra minha felicidade não aconteceu devido às mesas que ficavam a poucos metros do palco, mas na entrada de ‘Hypochrist’ eu mesmo tive vontade de sair "chutando o ar" participando da "selvageria". A cozinha do S.O.H. é uma das mais afinadas do Metal Extremo, Saulo Oliveira, monstruoso como nunca, alimenta uma sede de não deixar pedra sobre pedra com seus blast beats e pancadaria mortal nos dois pedais, sem falar que hora o moço só falta se arrebatar de seu kit para puxar a galera. George Frizzo, parceiro antigo de Bruno desde os tempos da ‘Insanity’, movimenta-se de um canto a outro como um colosso liberando de seu instrumento os graves que elevam mais a progressão do som. Há momentos em que o "simpático" senhor parece reger toda a fúria dos companheiros, pois é o mais "frio" em palco.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Mais uma trinca do primeiro CD com a canção título, mais ‘From the Top to the Fall’ e ‘Downfall’ a festa então seguia com o Grind "desmoronando" as estruturas. Durante o set Bruno comentava que aquele seria a última apresentação na cidade de Fortaleza, no dia sete de setembro, feriado, a banda fará o seu último show no Brasil, na cidade de Natal (RN) para então se preparar para a fase internacional da Turnê ‘Animalism Tour 2013’ – esta cumprirá datas a partir do dia três de outubro na Europa compreendendo os países: Alemanha, Holanda, Belgica, França, Espanha, Itália e Suíça. Até lá a banda ainda aguarda uma atualização de agenda para novos eventos no exterior que já estão marcados. Os cearenses terão a companhia dos cariocas do ‘Statik Majik’ ao longo da excursão. Enquanto os nossos brasileiros não alçam vôo para "pôr a baixo" o velho continente, a casa resistia bravamente o "Cerco do Ódio" que ainda fez mais cinco execuções que valeram a cada presente uma noite triunfal, ‘Beware What You Wish’ foi a última de ‘Animalism’, seguiram com ‘Say Your Prayers’, a clássica ‘God Killing God’e ‘Burn Them Down’ (ambas de ‘Deathmocracy’) para então finalizar a destruição com o petardo ‘Siege of Hate’!

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Considerações finais do frontman, a banda se despede deixando registrado mais um marco na história do underground cearense e, da casa de shows que ofereceu para um público cansado da mesmice cotidiana uma grande noite do mais puro Metal. Parabéns à equipe do ‘Órbita Bar’ pela atenção e apoio à cena Headbanger, ao produtor do projeto ‘Superdrive’, André Fernandes pela iniciativa e à banda ‘Prowler’ que seguiu com a festa fazendo o gosto dos fãs de Iron Maiden. Obrigado ao SIEGE OF HATE pelo convite da festa e que venham mais sextas-feiras de Metal Pesado no ‘Superdrive’!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Repertório:

01 - Grinding Ages;
02 - Steamroll Democracy;
03 - Catharsis;
04 - The World I Never Knew;
05 - Martyr of Fools;
06 - The Walls Built Inside Us;
07 - Breeding Chaos;
08 - Red Alert is On;
09 - Hypochrist;
10 - Subversive by Nature;
11 - From the Top to the Fall;
12 - Downfall;
13 - Beware What You Wish;
14 - Say Your Prayers;
15 - God Killing God;
16 - Burn Them Down;
17 - Siege of Hate.

Contatos:

http://www.facebook.com/siegeofhate
[email protected]

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Leonardo M. Brauna

Leonardo M. Brauna é cearense de Maracanaú e desde adolescente vive a cultura do Rock/Metal. Além do Whiplash, o redator escreve para a revista Roadie Crew e é assessor de imprensa da Roadie Metal. A sua dedicação se define na busca constante por boas novidades e tesouros ainda obscuros.

Mais matérias de Leonardo M. Brauna.