RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemO grande amor de Renato Russo que durou pouco mas marcou sua vida para sempre

imagemMax Cavalera escolhe seus álbuns "não metal" preferidos

imagemSite chileno cita data do Iron Maiden no país e medalhões como possíveis bandas de abertura

imagemZakk Wylde tira o corpo fora ao ser questionado sobre cancelamento de shows do Pantera

imagemRamones: C.J. conta que Johnny se recusou a visitar Joey em seu leito de morte

imagemA inesperada opinião de Bell Marques (ex-Chiclete com Banana) sobre o rock progressivo

imagemAngra anuncia sua turnê "The Best Of 30 Years" com setlist renovado

imagemA icônica reportagem de Glória Maria em que Raul Seixas disse que foi atropelado por onda

imagemO clássico da banda Evanescence que a vocalista Amy Lee odiava

imagemThiago Bianchi explica sucessão de problemas durante show de Paul Di'Anno

imagemOzzy Osbourne aparece em público pela primeira vez após anunciar aposentadoria das turnês

imagemO dia que João Gordo xingou Ayrton Senna por piloto se recusar a dar entrevista a ele

imagemA inesperada banda brasileira que não sai dos ouvidos de Jeff Scott Soto

imagemManowar no Brasil? Banda posta bandeira brasileira e fãs ficam empolgados

imagemMustaine tentou fazer hit radiofônico e acabou escrevendo a "música mais idiota" do Megadeth


Stamp

O Metallica não tem mais o que provar, muito menos algo novo para oferecer

Por Mateus Ribeiro
Postado em 05 de dezembro de 2022

O mundo da música pesada foi pego de surpresa no final de novembro, por conta do Metallica. O grupo liderado por James Hetfield e Lars Ulrich presenteou seus fiéis seguidores com o lançamento de "Lux Aeterna", faixa de "72 Seasons", o novo álbum da banda, que será lançado em abril de 2023.

Como era de se imaginar, a música nova do Metallica causou diferentes reações: enquanto uns gostaram da canção, outros não se empolgaram. Ainda há espaço para quem espera que o quarteto volte a ser o que foi nos anos 1980 (o que é um tremendo delírio).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Goste ou não de "Lux Aeterna", fato é que o Metallica já não precisa provar mais nada para ninguém. Em seus 40 anos de trajetória, o grupo gravou discos que mudaram para sempre a história do metal e também deu algumas escorregadas gigantescas. E nos dois casos, a banda fez o que deu na telha.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Seja fazendo clássicos como "Master Of Puppets" ou desgraceiras como a versão acústica de "Blackened", os caras sempre fizeram o que tiveram vontade e aparentemente, não ligam muito para a opinião dos fãs. E aqui cabe dizer que realizar os próprios desejos é um prazer que artistas gigantes podem desfrutar sem a mínima culpa.

Se por um lado o Metallica não tem mais nada o que provar, por outro, não tem mais nada de novo para oferecer, como pode ser ouvido no single mais recente. Embora não seja uma música horrorosa, é necessário muito esforço e uma dose gigante de boa vontade para se empolgar com "Lux Aeterna", que mais se parece uma sobra do álbum de covers "Garage Inc.".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

É claro, óbvio e evidente que esperar que o Metallica lance um clássico em 2022 não faz o mínimo sentido. Também não dá para imaginar que nessas alturas do campeonato, o conjunto milionário vá se preocupar em reinventar a roda e adotar uma fórmula diferente da que foi usada em seu antecessor, o chato "Hardwired… To Self-Destruct". Porém, depois do horrível "St. Anger", James e seus camaradas se especializaram em escrever músicas que não fazem e não saem da moita. Esse é o caso de "Lux Aeterna" e provavelmente, das outras faixas do aguardado "72 Seasons".

Não é de hoje que o Metallica empolga tanto quanto uma cerimônia de batismo. Os últimos vinte anos da história da banda não apagam as duas primeiras décadas, tampouco diminuem os feitos alcançados pelos quatro cavaleiros. Mas não dá para esperar mais nada de novo do grupo que no início de sua carreira, revolucionou para sempre o heavy metal e que hoje não precisa provar mais nada para ninguém, muito menos para este humilde redator.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Exilio Angel


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Mateus Ribeiro

Fã de Ramones, In Flames e Soilwork. Ouve (quase) tudo, desde rock clássico até black metal.
Mais matérias de Mateus Ribeiro.