Estilo: Rock é coisa de cabeludo (a)? Não é bem assim

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nos últimos dias, muita gente ficou chocada com a mudança no visual de Axl Rose, que cortou seu cabelo e ficou com uma aparência diferente da apresentada em suas últimas aparições. É óbvio que o que mais chamou a atenção na mudança foi o corte de cabelo de Axl, que sempre chamou a atenção pelas longas madeixas.

Guns N' Roses: Axl Rose estreia novo visual no primeiro show de 2019Guns N' Roses
Axl Rose estreia novo visual no primeiro show de 2019

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Isso me fez lembrar que quando estava começando a caminhar no universo headbanger, uma das coisas que eu mais queria era deixar meu cabelo crescer. Quer dizer, praticamente todo aspirante a ROCKEIRO DO MAL queria deixar o cabelo crescer, em sinal de rebeldia, ou apenas por questão estética.

Passados alguns anos e tentativas frustradas, notei que o tamanho do cabelo não faria a mínima diferença na aquisição da minha CNH (Carteirinha Nacional do Headbanger) e deixei essa ideia pra lá. Apesar de um pouco chateado por não ser competente e cuidadoso o suficiente para ter um cabelo grande, um dia liguei a TV em uma finada emissora que passava alguns clips. Assisti um e fiquei chocado por duas razões: Metallica passando na TV aberta e OS CARAS TINHAM CORTADO O CABELO!

Na época, eu era fanático por Metallica, o que serviu como uma muleta para meu cabelo curto: "se até os caras que eu idolatro possuem cabelos curtos, eu também posso".

Tempos depois, quando eu já havia ligado o "foda-se" para a cartilha do metal, comecei a notar que o visual era uma das coisas menos importantes e mais estapafúrdias para um fã de qualquer estilo de música pesada. Alguns músicos, de tempos pra cá, parece que também aderiram ao modelo do cabelo curto, seja por questão de estilo, seja pelo fato do tempo ser implicável. Confira abaixo algumas provas de que rock não é apenas para cabeludo (a).

- Essa alternativa já bastaria para acabar com a conversa: Rob Halford é careca. E dificilmente existe alguém no mundo mais "metal" que ele.

- Já faz um tempo que um dos guitarristas mais insanos do mundo, o monstruoso Scott Ian, tem mais barba do que cabelo.

- A Joan Jett também já teve o cabelo curto. E certamente, ela tem mais atitude do que muito fã por aí.

- Lzzy Hale, líder do Halestorm, também abandonou o telhado comprido.

- O que falta de cabelo sobra em voz para Michael Kiske, e não é de hoje.

- O mesmo vale para Geoff Tate e seu visual de tiozão hipster.

- Kerry King é careca faz um bom tempo.

- Bruce Dickinson teve cabelo curto durante grande parte de sua carreira.

- Para finalizar, o Frank Aguiar e o Wesley Safadão eram cabeludos até dia desses...




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Opiniões

Rock: as dez lendas mais macabras do gêneroRock
As dez lendas mais macabras do gênero

Cenografia: os pedestais mais bizarros do Rock e MetalCenografia
Os pedestais mais bizarros do Rock e Metal


Sobre Mateus Ribeiro

Fanático por Ramones, In Flames e Soilwork. Limeirense com muito orgulho (e sotaque).

Mais matérias de Mateus Ribeiro no Whiplash.Net.

Goo336x280