Axl usa máscara de oxigênio em shows na Europa

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Maurício Dehò, Fonte: Gigwise
Enviar Correções  

Segundo os jornais de Budapeste na Hungria, onde o GUNS N' ROSES se apresentou há poucos dias, o vocalista Axl Rose utilizou tanques de oxigênio para garantir as suas performances no show que contou com um público de mais 13 mil pessoas.

Guns N' Roses: Buckethead foi orientado por Josh Freese a não entrar para a banda

Pink Floyd: a história por trás de "Animals"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A máscara de oxigênio é instalada no camarim do vocalista de 44 anos que, ainda segundo os jornais, corria em cada intervalo entre as músicas para recuperar o fôlego. Ele ainda teria atrasado o show em três horas para se certificar que a sua máscara estava posicionada corretamente nos correspondentes tanques.

Os técnicos que trabalham com a banda teriam admitido que Axl estava cansado após outros shows da turnê européia. Outro jornal, o inglês "The Sun", publicou que além do oxigênio extra, uma ambulância estava a postos no show para prevenir qualquer mal-estar do rockstar.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Guns N' Roses: Buckethead foi orientado por Josh Freese a não entrar para a bandaGuns N' Roses
Buckethead foi orientado por Josh Freese a não entrar para a banda

Rodrigo Flausino: em vídeo, bandas com líderes ditadoresRodrigo Flausino
Em vídeo, bandas com líderes ditadores

Slash: quando Ximbinha entrevistou o guitarrista no Altas HorasSlash
Quando Ximbinha "entrevistou" o guitarrista no "Altas Horas"

Chadwick Boseman: Mick Jagger, Slash e outros músicos lamentam morte do atorChadwick Boseman
Mick Jagger, Slash e outros músicos lamentam morte do ator

Guns N' Roses: vídeo pro-shot traz Coma, This I Love e mais em shows de 2016Guns N' Roses
Vídeo pro-shot traz "Coma", "This I Love" e mais em shows de 2016

Guns N' Roses: quando fãs piraram com música desconhecida abrindo Rock in Rio 1991Guns N' Roses
Quando fãs piraram com música desconhecida abrindo Rock in Rio 1991

Guns N' Roses: a importância de Izzy Stradlin nas composições, segundo Matt SorumGuns N' Roses
A importância de Izzy Stradlin nas composições, segundo Matt Sorum

Axl Rose: jornalistas que o entrevistassem só podiam publicar o que ele aprovasseAxl Rose
Jornalistas que o entrevistassem só podiam publicar o que ele aprovasse

Guns N' Roses: a magia de tocar Pink Floyd com um gênio como SlashGuns N' Roses
A magia de tocar Pink Floyd com um gênio como Slash

Lista: 50 músicas para ouvir e não enjoarLista
50 músicas para ouvir e não enjoar


Guns N' Roses: Duff McKagan conta como conheceu Axl RoseGuns N' Roses
Duff McKagan conta como conheceu Axl Rose

Gusttavo Lima: Deep Purple, Guns N' Roses e outros solosGusttavo Lima
Deep Purple, Guns N' Roses e outros solos


Pink Floyd: a história por trás de AnimalsPink Floyd
A história por trás de "Animals"

Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola


Sobre Maurício Dehò

Nascido em 1986, é mais um "maidenmaníaco". Iniciou-se no metal ao som da chuva e dos sinos de "Black Sabbath", aos 11 anos, em Jundiaí/SP. Hoje morando em São Paulo, formou-se em jornalismo pela PUC e é repórter de esportes, sem deixar de lado o amor pela música (e tentando fazer dela um segundo emprego!). Desde meados de 2007, também colabora para a Roadie Crew. Tratando-se do duo rock/metal, é eclético, ouvindo do hard rock ao metal mais extremo: Maiden, Sabbath, Kiss, Bon Jovi, Sepultura, Dimmu Borgir, Megadeth, Slayer e muitas, muitas outras. E é de um quarteto básico que espera viver: jornalismo, esporte, música e amor (da eterna namorada Carol).

Mais matérias de Maurício Dehò no Whiplash.Net.

Cli336x280