Rob Zombie: "Estava apenas cansado da música"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Rangel, Fonte: Appleton Post-Crescent
Enviar correções  |  Ver Acessos

Allan Sculley do Appleton Post-Crescent recentemente entrevistou Rob Zombie. Alguns trechos da entrevista seguem abaixo:

Iron Maiden: Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre ele saber que sua série de álbuns de platina estava chegando ao fim há um ano atrás, por causa de sua carreira como diretor de filmes que estava prevista para decolar com um novo projeto, "The Devil's Rejects".

Basicamente eu estava apenas cansado de música. Eu tinha acabado a turnê do "The Sinister Urge" (CD de 2001) e os caras da banda não estavam se dando bem. Isso realmente não era muito divertido. Era um saco e eu estava cansado daquilo. Então eu caí fora para fazer o "The Devil's Rejects", e foi uma ótima experiência, 100% maravilhoso. Quando eu terminei eu estava tipo, 'Será que eu realmente quero voltar a fazer música?' porque eu não estava mais sentindo vontade de voltar a fazer aquilo.

Sobre deixar de lado a parte visual do show ao vivo do ROB ZOMBIE:

Eu senti que nas últimas turnês, para mim, o show realmente ficou grande demais e um pouco ridículo. Meio que parou de parecer uma banda, parecia mais algo como um desses espetáculos 'Disney on Ice'. Então eu deixei isso um pouco de lado. Ainda é um grande show de rock, mas eu queria ter certeza que não iríamos nos perder na maluquice.

Sobre o próximo lançamento de Zombie, o seu primeiro filme animado, "El Superbeasto", que é baseado numa série de história em quadrinhos, "The Haunted World of El Superbeasto":

'El Superbeasto' é do tipo de personagem que é metade herói metade monstro. Não é como um filme de ação. É muito mais como uma estranha comédia de super herói, com monstros e sexo.

Sobre ser diretor de filme pro resto da vida:

Com o seu primeiro filme, as pessoas não sabem se, 'Oh, é apenas um filme. Ele está só de brincadeira. Ele está falando sério? Será apenas um projeto para encher o seu ego?' Qualquer um que faz filmes sabe que esse não é o caso porque é muito trabalho para ser feito. Mas as pessoas que não fazem filmes não sabem isso, então elas pensam, 'Oh, ele apenas quer colocar o nome dele em todos os cantos.' Mas com o passar do tempo você faz um segundo filme e um terceiro, e as pessoas acabam sabendo que você está falando sério, assim como todo mundo.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Rob Zombie"


Rob Zombie: vovô de 82 anos agora manda Dragula em programa de TVRob Zombie
Vovô de 82 anos agora manda "Dragula" em programa de TV

Skid Row: ninguém sabia, mas John 5 apareceu em um clipe delesSkid Row
Ninguém sabia, mas John 5 apareceu em um clipe deles


Iron Maiden: Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993Iron Maiden
Steve Harris pensou em acabar com a banda em 1993

Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUATúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA


Sobre Vitor Rangel

Um carioca apaixonado pela boa música que no momento está cursando o 5º período de Publicidade na PUC-Rio. Teve seu primeiro contato com o rock ainda na infância, quando sua irmã colocava os discos de Iron Maiden e Pantera no toca-fitas de sua casa. Nos últimos anos, tem se dedicado inteiramente à música e à guitarra. Sua banda favorita é Metallica e também é fã incondicional de Zakk Wylde, Steve Vai e John Petrucci. Escuta de tudo um pouco, desde Madonna até Sepultura. Espera que um dia o Metallica ainda venha fazer um show no Brasil e não tem vergonha em dizer que chorou no show do Black Sabbath, em 2004, no Ozzfest.

Mais matérias de Vitor Rangel no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336