Vinny Appice: "estou muito empolgado"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nelson Arakaki Jr, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 25/02/07. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

VINNY APPICE, do HEAVEN AND HELL, fala sobre as novas músicas do SABBATH e da turnê que está por vir.

619 acessosBlack Sabbath: Ward está vendendo mais de 200 peças de equipamento5000 acessosOut: os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revista

Debby Rao, do KNAC.COM, recentemente entrevistou o lendário baterista de Heavy Metal Vinny Appice [HEAVEN AND HELL, BLACK SABBATH, DIO]. Alguns trechos da conversa você acompanha a seguir:

KNAC.COM: Como surgiu a idéia do HEAVEN AND HELL? Você recebeu uma ligação telefônica do Ronnie [James Dio]?

Appice: "Eu recebi uma ligação da empresária do Ronnie, Wendy Dio. Isso foi em novembro. Eu fiquei sabendo desse projeto logo após o Verão. Ouvi dizer que o Bill Ward estava envolvido, e que eles fariam alguma coisa do tipo ‘A Era Dio’. Então eu achei curioso que o Bill estivesse fazendo isso, porque na verdade eu toquei mais coisa com o Ronnie no SABBATH do que o Bill. Então eu disse: 'Vamos ver o que acontece'. Foi então que a Wendy me ligou em novembro, e disse: 'o Bill não estará envolvido, você quer participar?' Eu disse: 'claro'. Eu voei para a Inglaterra no dia seguinte e fui tocar em três novas músicas que estão incluídas no novo álbum do BLACK SABBATH, 'The Dio Years'. Então foi como um grande reencontro quando eu cheguei lá. Obviamente nós não nos víamos há um bom tempo. Foi muito legal".

KNAC.COM: Como é que foi a sensação assim que você entrou no estúdio e viu o Ronnie, Tony [Iommi] e o Geezer [Butler] novamente? Deve ter sido realmente muito legal.

Appice: "Bem, quando eu ia entrando eu pude ouvir o Ronnie fazendo os vocais, e aquilo trouxe as memórias à tona, e eu disse: 'É, eu me lembro disso' [Risos]. Ronnie terminou, então ele saiu e nós nos abraçamos. Começamos a conversar e então o Tony e o Geezer entraram e fizeram a mesma coisa. Foi como uma grande reunião de família. Eu conheço esses caras há mais de 25 anos".

KNAC.COM: Então você foi para a Inglaterra para gravar as três novas trilhas de bateria para o próximo lançamento do BLACK SABBATH. Fale um pouco sobre elas, no que diferem do SABBATH antigo?

Appice: "Obviamente, em relação ao material antigo, elas são um pouco mais polidas. Existe mais qualidade na parte de produção. As músicas em si contém riffs bem pesados. Tem duas canções que estão num compasso mais lento, ficando mais características do SABBATH. Soa como uma mistura entre 'Heaven And Hell' e 'Dehumanizer'. Ronnie está cantando pra cacete e Tony e Geezer estão tocando demais. É realmente muito legal. Estou muito empolgado".

KNAC.COM: Vamos falar sobre a turnê do HEAVEN AND HELL que está por vir. Existe apenas uma data agendada nos EUA até o momento. A banda se apresentará em Nova York no Radio City Music Hall dia 30 de março. Porque vocês escolheram este lugar para a estréia nos Estados Unidos?

Appice: "Bom, na verdade nós decidimos agendar apenas uma data nos EUA porque aí nós poderíamos dizer que a turnê inteira ficou com ingressos esgotados. [Risos] Estou brincando".

KNAC.COM: "Ok. Na verdade os ingressos do show no Radio City Music Hall se esgotaram em 45 minutos. Qual foi a sensação ao saber disso?"

Appice: "Sim, esgotaram em 45 minutos. Eu não sei quem escolheu aquele local. Eu acho que agora eles estão fazendo shows de rock lá. [ROCK STAR] SUPERNOVA tocou lá há pouco tempo. Eu estive lá em dezembro; eu fui assistir um dos shows de Natal. É muito legal lá dentro, eu ficava olhando e pensava 'uau, nós vamos tocar aqui'. É realmente ótimo que eles estejam fazendo shows de rock naquele lugar tão legal. Então estão fazendo shows lá agora, e esse foi o local escolhido. Daí nós voltaremos em abril por um mês e faremos mais shows nos EUA, e então um mês após para mais algumas datas".

KNAC.COM: Então podemos esperar ter o HEAVEN AND HELL tocando em todas as principais cidades americanas de costa à costa em breve.

Appice: "Sim, provavelmente em duas etapas diferentes, em duas turnês distintas".

KNAC.COM: O que os fãs podem esperar ouvir nessa turnê?

Appice: "Nós estivemos ensaiando. Ontem, nós tocamos 17 músicas, o que é bastante. Não será um show com 17 músicas, mas será um set bem longo, provavelmente maior que o habitual de uma hora e vinte minutos. Vai depender de como iremos formatar a coisa. Serão todas as músicas clássicas, que nós não havíamos tocado muito ao vivo na verdade. Mais umas duas das novas, será um ótimo setlist".

Leia a entrevista original na íntegra em www.knac.com/article.asp?ArticleID=5339.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Black SabbathBlack Sabbath
Ward está vendendo mais de 200 peças de equipamento

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Sexo e SatãSexo e Satã
As mensagens subliminares em capas de Rock

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi conta como quase matou Bill Ward

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"Eu detesto a expressão Heavy Metal!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"0 acessosTodas as matérias sobre "Heaven And Hell"

OutOut
Os 100 álbuns mais gays segundo a revista

Legião UrbanaLegião Urbana
Ex-baixista Renato Rocha é encontrado morto.

A História Impopular dos Rolling StonesA História Impopular dos Rolling Stones
Livro 2 - Mick Taylor

5000 acessosMetallica: as extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio5000 acessosTreta: Zakk Wylde cuspiu cerveja em James Hetfield?5000 acessosGuitarra: os melhores solos da história segundo a Guitar World4127 acessosAC/DC: Uma performance impressionante por escocês de 12 anos5000 acessosGrand Funk Railroad: A Maior Potência do Hard Norte-Americano4754 acessosMetal SP: documentário sobre Heavy Metal em São Paulo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Nelson Arakaki Jr

Médico cirurgião, nascido em 1974, morador do Rio de Janeiro e aluno do Guitar Club de Ipanema. Seu gosto pela música vem desde os anos 80, começando por Led Zeppelin, Pink Floyd, Rolling Stones e Beatles, influenciado por seu pai. Passou então a se interessar mais pelo Hard Rock, Blues e especialmente pelo universo do Heavy Metal, tendo sempre como base as grandes bandas clássicas do gênero, como Black Sabbath e Iron Maiden. É fã de Arch Enemy, Carcass, Hendrix, Ozzy, Hibria, Atlântida, Endless, Scelerata, Fates Prophecy, Michael Amott, Zakk Wylde, Richie Kotzen, Jimmy Page, Doug Aldrich, Yngwie Malmsteen, Angra, Dr. Sin, Shaaman, Whitesnake, Guns n' Roses, Skid Row [antigo], Allman Brothers, Gov't Mule, Muddy Waters, Lynyrd Skynyrd e recentemente, Dream Theater.

Mais matérias de Nelson Arakaki Jr no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online