Motley Crue: "Nos entendemos muito melhor agora!"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Daniel Cruz dos Santos Villela, Fonte: Beat Magazine, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nick Snelling da Beat magazine da Austrália conduziu recentemente uma entrevista com o guitarrista do MÖTLEY CRÜE, Mick Mars.

Steel Panther: "se pudesse ressuscitar um músico, seria Vince Neil", diz Michael StarrBatom, laquê...: Como formar uma banda de Hard Rock em 69 lições

Sobre como "Saints Of Los Angeles" está à frente dos trabalhos anteriores da banda:

"A maior parte dele eu realmente gosto. Têm algumas músicas ali, como em qualquer álbum que nós já fizemos, que eu chamo de 'fillers' (nota do tradutor: músicas que servem apenas para encher espaço). Mas na maioria, eu acho que tem uma direção muito boa."

Sobre o processo de composição e gravação de "Saints Of Los Angeles":

"Foi basicamente construído em estúdio já que alguns dos outros caras tinham compromissos prioritários para fazer outras coisas, então Nikki [Sixx, baixo] e eu compusemos muito, junto com James Michael e DJ Ashba (parceiros de Sixx no projeto SIXX:A.M.), usando ProTools. Significou que nós exploramos nossas idéias sem qualquer limitação. Nos velhos tempos, nós iríamos praticar e então gravar aquilo, e se nós por um acaso 'oh, eu queria saber como soaria se nós colocássemos o chorus onde o verso está' então nós teríamos que gravar de novo. Hoje em dia, você pode simplesmente cortar isto, mover para outro lugar, ouvir e pensar 'ah não, isso está horrível' ou 'assim, isto funciona', sabe? Nos deu muito mais liberdade."

Sobre a longevidade do MÖTLEY CRÜE:

"Eu acho que no começo, mesmo no início dos anos 80, nós éramos muito ingênuos, nosso objetivo era sermos como os STONES e continuarmos juntos. Mas o que nós não sabíamos era sobre todas as dificuldades que se encontram no caminho; drogas, abuso de álcool, problemas com ego... mas agora nós chegamos em um lugar em que nós quatro sabemos onde nosso lar é - e é o MÖTLEY CRÜE. Eu acho que nós todos dividimos esse objetivo agora, e também está tudo bem para nós sairmos e fazermos outras coisas, experimentar, ter projetos solos. Mas tem sempre algo nas nossas cabeças dizendo 'este é nosso trabalho, aqui mesmo'.

Sobre as brigas ocasionais entre os membros da banda:

"Eu acho que não tem nada de errado. Todo mundo é humano e há dias que nós estamos um saco, tendo um dia ruim ou seja lá o que for. Mas nós aprendemos a conviver com isto, porque todos nós nos conhecemos muito bem. Nós ainda erramos, mas no final nós nos entendemos muito melhor do que antes"

Sobre o fato de que ele não mais se diverte em festas como antes:

"Os outros caras se divertem, mas Nikki e eu temos namoradas que nós realmente amamos, e embora isto pareça ser 'fraco', é o que escolhemos. Veja dessa forma, eu tenho coisas que gosto de pensar mais do que em me sentir mal no dia seguinte após ficar alto."

Se ele já considerou retornar para suas raízes e fazer um álbum de blues:

"Absolutely, and I am going to do that. My plans are a little different from what the other guys in the band have done with their solo stuff. Have you heard the albums 'Pet Sounds' by the BEACH BOYS, or THE BEATLES' 'Sergeant Peppers' or 'Electric Ladyland' by JIMI HENDRIX? Those albums have something more to them that just the music, something special that stands out. What I wanna do is record with a lot of my friends who I've met over the years, a bunch of really different talented musicians, to all come in and do something. Different singers, guitar players, bass players from all types of bands - kinda like what HENDRIX did on 'Electric Ladyland' - and then I'm gonna record it at Electric Ladyland studios, and you can only get it on vinyl. I've got it all worked out."

"Sem dúvida, e eu vou fazer isso. Meus planos são um pouco diferente do que os outros caras da banda fizeram com os seus projetos solos. Você já ouviu os álbuns 'Pet Sounds' dos BEACH BOYS', ou 'Sgt Peppers' dos BEATLES ou 'Electric Ladyland' do JIMI HENDRIX? Esses álbuns têm algo a mais do que apenas a música, algo especial que se sobressai. O que eu quero fazer é gravar com muitos dos meus amigos que eu conheci durante os anos, um monte de músicos talentosos e diferentes, para todos virem e fazerem algo. Diferentes vocalistas, guitarristas, baixistas de todos os tipos de bandas - parecido com o que HENDRIX fez em 'Electric Ladyland' - e então eu vou gravar nos estúdios Electric Ladyland, e só terá em vinil. Eu já tenho tudo planejado."

Leia a entrevista completa no link abaixo.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Motley Crue"Todas as matérias sobre "Mick Mars"


Steel Panther: se pudesse ressuscitar um músico, seria Vince Neil, diz Michael StarrSteel Panther
"se pudesse ressuscitar um músico, seria Vince Neil", diz Michael Starr

Mötley Crüe: veja clipe de "Same Ol' Situation (S.O.S.)" com cenas de "The Dirt"Mötley Crüe: Vince Neil toca clássicos da banda em show nos EUA; assista

Mötley Crüe: The Dirt salvou amizade entre membros da banda, afirma Nikki SixxMötley Crüe
The Dirt salvou amizade entre membros da banda, afirma Nikki Sixx

Mötley Crüe: Tommy Lee posta vídeo com pênis como filtro em seu InstagramMötley Crüe
Tommy Lee posta vídeo com pênis como filtro em seu Instagram

Mötley Crüe: Vince Neil toca clássicos da banda em show nos EUA; vejaRodz Online: Os dois dias de Rock N' Roll do Moscow Music Peace Festival (vídeo)Mötley Crüe: edição de 30 anos de Dr. Feelgood será lançada

Mötley Crüe: Tommy Lee tira uma com a cara de Donald TrumpMötley Crüe
Tommy Lee tira uma com a cara de Donald Trump

Bruce Dickinson: autobiografia não parece em nada com a do Motley CrueBruce Dickinson
Autobiografia não parece em nada com a do Motley Crue

Esquisitices: algumas exigências bizarras para showsEsquisitices
Algumas exigências bizarras para shows

Sexo: os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal HammerSexo
Os clipes mais sensuais do Metal segundo a Metal Hammer


Batom, laquê...: Como formar uma banda de Hard Rock em 69 liçõesBatom, laquê...
Como formar uma banda de Hard Rock em 69 lições

Notas altas: as dez mais impressionantes do Heavy MetalNotas altas
As dez mais impressionantes do Heavy Metal

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1991Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1991

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1986Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1986

Postura: 12 coisas que você nunca deve dizer a um músicoPostura
12 coisas que você nunca deve dizer a um músico

Joe Satriani: era o professor de guitarra mais sortudo de todosJoe Satriani
"era o professor de guitarra mais sortudo de todos"

Rock e metal: o outro lado das capas de discosRock e metal
O outro lado das capas de discos


Sobre Daniel Cruz dos Santos Villela

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Daniel Cruz dos Santos Villela no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336