Psycho Dolls: grupo performático retoma atividades em POA

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Emanuel Seagal, Fonte: Psycho Dolls @ Orkut
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 07/02/09. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

A festa Psycho Dolls, que voltou a ativa em janeiro deste ano trazendo o melhor do rock e do pop japonês para o público gaúcho, terá sua próxima edição, a ser realizada no dia 14 de março em Porto Alegre, marcada pelo retorno do grupo PSYCHO DOLLS, que realiza performances únicas no Brasil. Confira abaixo o release do grupo:

5000 acessosSarcófago: Wagner fala da banda, radicalismo, Ghost e muito mais5000 acessosGhost: De quais bandas brasileiras eles gostam?

Psycho Dolls é um grupo performático de natureza romântica. Que aborda o romantismo na forma de liberdade de criação, emoção, valorização do individuo, o sofrimento amoroso, a religiosidade, a natureza, metáforas e morte. Com performances coreografadas e teatrais, o grupo utiliza indumentárias, acessórios e efeitos de iluminação para deixar o público cada vez mais envolvido pelas atuações. Com isso, ressaltando a finalidade da peça e mostrando os integrantes e suas características próprias bem definidas e diferenciadas.

Em todas apresentações do grupo predominam os assuntos de natureza romântica de segunda geração (chamada de ultra-romantismo, caracterizada pelo mal do século, pessimismo, existencialismo, morbidez, fantasioso, sentimentos acima do racionalismo), recorrentes das obras de Lord Byron, Charles Baudelaire, Marquês De Sade e autores e diretores de livros e filmes japoneses, ligados indiretamente ao gênero, mas diretamente a temática da festa e sua música.

As indumentárias inspiram-se igualmente nos períodos românticos, como a era Vitoriana ou a Belle Epoque, além de outros elementos como o fetichismo, a moidez, terror e o Visual Kei – conceito já sólido no Japão em referência ao estilo de música e visual. As músicas são quase sempre japonesas, pertencentes ao J-rock e/ou Visual Kei (mais ligadas ao gótico, romantismo, etc.), porém variando com música clássica e eletrônica.

O tipo de performance realizada pelo grupo Psycho Dolls é único no Brasil. A mensagem que o grupo deseja passar, é que os shows do Psycho Dolls são como um carrossel, onde música, iluminação e visual combinam-se em um efeito que, por alguns minutos, pode levar o expectador para mundos secretos de fantasia, magia e medo.

Na próxima festa, de mesmo nome, que terá como tema os filmes de terror japoneses, a grande atração da noite será a presença da menina "Samara" (Sadako, no filme japonês), que após sofrer nas mãos de quem achava ser sua mãe, buscará na platéia alguém que queira receber um presente de suas mãos sangrentas e gélidas que, em troca será chamada de "Mommy", enquanto ao fundo uma música mórbida será ouvida.

Para saber mais informações tanto do grupo como da festa Psycho Dolls, acesse a comunidade no Orkut.

Confira abaixo duas performances do grupo Psycho Dolls:
­
Psycho Dolls - "Vampire Ecstasy" - Gravado no "Alive", durante a J-Night
­

Psycho Dolls - "Syunikiss" - Gravado no Club NEO
­

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Psycho Dolls"

SarcófagoSarcófago
Wagner fala da banda, radicalismo, Ghost e muito mais

GhostGhost
De quais bandas brasileiras eles gostam?

Débil MetalDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

5000 acessosJared Leto: a reação ao se ver no papel do Coringa5000 acessosElectra Mustaine: a linda filha do Sr. Dave Mustaine5000 acessosNamore um cara que goste de Metal4960 acessosGuns N' Roses: reunião não aconteceu por dinheiro, diz guitarrista5000 acessosAndreas Kisser: Max e Igor hoje são "pessoas totalmente diferentes"5000 acessosJudas Priest: As 10 melhores músicas segundo o Loudwire

Sobre Emanuel Seagal

Descobriu o metal com clássicos como Iron Maiden e Black Sabbath. Hoje em dia, entre outros gêneros musicais, e sem se limitar a rótulos, ouve principalmente doom, viking e folk metal. Sempre que possível está em busca de novas bandas que tenham algo a transmitir alem de clichês, e mesmo em meio a tantas novidades não dispensa pérolas como o bom e velho Candlemass. Acompanha o Whiplash! desde os primórdios, tendo iniciado sua vida de internauta no mesmo ano de criação do site (1996). Há algum tempo está envolvido com metal, seja trabalhando com eventos, bandas, gravadoras ou imprensa, na tentativa de contribuir de alguma forma para o crescimento desse que é um dos segmentos mais apaixonantes da música, o metal.

Mais informações sobre Emanuel Seagal

Mais matérias de Emanuel Seagal no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online