Axl Rose: "profissional incompreendido que trabalhou muito"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Tavares, Fonte: Here Today...Gone to Hell!, Tradução
Enviar Correções  

De acordo com pessoas ligadas à indústria musical, Axl Rose planeja seguir o lançamento do "Chinese Democracy", feito em novembro passado, com uma turnê mundial do GUNS N’ ROSES, a ser realizada em estádios neste verão (hemisfério norte). Se isso acontecer, esta seria a primeira turnê americana em estádios desta nova formação do Guns — suas turnês de 2002 e 2006-’07 foram feitas basicamente em arenas, com alguns shows em estádios (e, ao contrário de um persistente rumor online, a banda não tem absolutamente nenhum plano em tocar no Kobetasonik Festival, Espanha, em junho).

Silverchair: a história por trás da capa de Freak Show

E-Farsas: Papa Francisco era fã do Black Sabbath?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Enquanto isso, o manager do Guns, Irving Azoff, diz à Rolling Stone que a banda tem grandes planos para este ano. "Axl se manteve basicamente quieto, se mantendo fora dos holofotes pelos últimos 15 anos. As pessoas acham que o conhecem mas elas só sabem o que tem sido dito a seu respeito por pessoas questionáveis", Azoff diz. "Ele é um cara legal e frequentemente incompreendido — ele é um profissional que trabalhou muito para construir e manter um alto padrão de criatividade para o Guns n’ Roses, o qual eu apóio. Nós temos algumas coisas excitantes sendo trabalhadas este ano para o Gn’R, estou ansioso para isso".




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Silverchair: a história por trás da capa de Freak ShowSilverchair
A história por trás da capa de Freak Show

E-Farsas: Papa Francisco era fã do Black Sabbath?E-Farsas
Papa Francisco era fã do Black Sabbath?


Sobre Rafael Tavares

Nascido em 1987, descobri o rock and roll já cedo, aos 6 anos de idade, quando ouvi "I Don't Care About You" com o Guns N' Roses em algum momento de 1993. De lá pra cá minha paixão pela música pesada e, especialmente pelo Guns N' Roses (que estará para sempre marcado em minha pele, alma e coração) cresceu exponencialmente. Sebastian Bach me fez querer virar cantor e o resto é história. Produtor fonográfico, formado em Letras e professor. Tão diversificado quanto o Rock and Roll, essa é minha vida, esse é meu clube. =D

Mais informações sobre Rafael Tavares

Mais matérias de Rafael Tavares no Whiplash.Net.

Cli336x280