Kiss: realizando o sonho de paciente com câncer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ricardo Stephansson, Fonte: Kentucky Enquirer, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 16/07/09. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Critter Smith viajou de avião pela primeira vez em 27 de junho. "Foi muito legal decolar e ver pela janela a altura em que estávamos", disse ele. Mas isso não foi nada comparado com o que estava por vir, após Critter e sua mãe, Carol, aterrissarem em Milwaukee. Eles voaram para lá como convidados do KISS, uma das bandas de rock mais famosas do mundo, para um show naquela noite.

530 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão5000 acessosMetal Extremo: algumas bandas que você precisa ouvir

Critter teve a oportunidade de conhecer a banda – Gene Simmons, Paul Stanley, Eric Singer e Tommy Thayer – antes do show, e tirar fotos durante a apresentação. Além disso, o garoto voltou para casa carregado de itens do grupo.

"Quando Tommy estava no palco, ele desceu e me deu sua palheta", disse Critter. "E Eric veio até mim e me deu suas baquetas. Foi super bacana." Eles também lhe deram uma enorme quantidade de itens de merchandise do KISS, incluindo cadernos, lápis, cartões de colecionar, bonecos e... "Olha só, eles me deram uma escova de dente do KISS que toca 'Rock and Roll All Nite' quando você escova os dentes", disse Critter com um enorme sorriso.

O garoto de 11 anos foi diagnosticado em Julho de 2007 com leucemia linfoblástica aguda, um tipo de câncer que ataca as células brancas do sangue. Nos cinco meses que se seguiram ele passou por cinco sessões de quimioterapia e uma de radiação.

Em nove de novembro de 2007 Critter recebeu um transplante de medula e passou seis semanas no hospital. Então retornou à escola de ensino fundamental Fourth Street e ficou bem por 15 meses, até janeiro passado.

Critter vem sendo tratado com quimioterapia desde o início do ano e passa bem novamente. Ele continuará com seus tratamentos por mais três anos e depois terá que esperar mais cinco até que se possa atestar sua cura.

Quando o nky.com publicou uma matéria sobre Critter em março mencionando o quanto ele gostava da banda, a história passou a circular entre fãs até finalmente chegar aos ouvidos de Keith Leroux, administrador do site e do merchandising do KISS. Leroux então entrou em contato com a banda, que estava na América do Sul ensaiando para sua atual turnê.

No dia seguinte, num hospital infantil de Cincinnati, Critter recebeu duas ligações – uma de Stanley e outra de Singer. Eles lhe deram palavras de apoio e o convidaram para um show.

"Eu sabia que eles haviam dito que fariam algo por ele, mas jamais esperava por isso", disse Carol Smith sobre a viagem com todas as despesas pagas. "Acho que eu nunca tinha visto Critter tão feliz. Era como se ele estivesse no topo do mundo."

Critter (cujo nome verdadeiro é Christopher) disse que a banda estava usando a maquiagem completa quando os encontrou nos bastidores antes do show. "Paul entrou e falou 'Ei Gene, esse é o Chris'", disse Critter. "Foi tão legal o Paul saber quem eu era."

Critter disse que Simmons era "um cara bem grande, e um cara bem legal". "Ele me disse... bem, na verdade não consigo lembrar o que ele falou", disse Critter. "Eu estava tão maravilhado."

Leroux afirmou que a banda faz coisas desse tipo com freqüência, mas é bastante humilde com relação a seus atos de beneficência. "Eles fazem muito e doam bastante, mas não gostam de levar crédito", disse Leroux. "São pessoas muito boas."

Stan Smith, o pai de Critter, disse que a generosidade da banda fez um bem enorme a seu filho. "É muito legal da parte deles fazer isso por ele", disse Smith.

A próxima sessão de quimioterapia de Critter será na terça-feira. Ele afirmou detestar a experiência cada vez que tem de passar por ela, mas o KISS lhe dá forças para encará-la. "Eles realmente me ajudam", disse o garoto. "A música do KISS realmente me deixa feliz."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Paul StanleyPaul Stanley
"Guitarristas não aprendem a fazer base"

530 acessosMarcos de Ros: Gene Simmons, o Capitalista Malvadão493 acessosAce Frehley: "Anomaly" ganha versão deluxe; ouça música inédita765 acessosKiss: bicicleta de triathlon em edição limitada0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Kiss"

KissKiss
Faixas essenciais para entender a banda

Carnaval 2016Carnaval 2016
Angra, Sepultura e Carlinhos Brown tocando Kiss

KissKiss
Comercial inédito e esquecido de Paul Stanley surge na web

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Kiss"

Metal ExtremoMetal Extremo
Algumas bandas que você precisa ouvir!

Simone SimonsSimone Simons
"Rammstein me faz querer mexer a bunda"

A História Impopular dos Rolling StonesA História Impopular dos Rolling Stones
Livro 2 - Mick Taylor

5000 acessosBlack Sabbath: About.com elege os 5 melhores álbuns da banda5000 acessosMetromix: a lista dos vocalistas mais irritantes do rock5000 acessosMegadeth: uma voz escondida em música de 2004 previa a entrada de Kiko na banda?5000 acessosEm 19/03/1982: Randy Rhoads morre em um acidente de avião5000 acessosGhost: bem confortável com a ideia de não ser mais anônimos5000 acessosSlayer: maluco encara furacão na Flórida ao som da banda

Sobre Ricardo Stephansson

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online