Rock In Rio: Rock in Rio Card se esgotou em 52 minutos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Andre Smirnoff, Fonte: X-PressON!, Press-Release
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 30/10/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


443 acessosBob's no Rock in Rio: Supla em campanha e no canal de Felipe Neto5000 acessosDeep Purple: a contestada entrevista na Globo em 2006

Lote com 80 mil entradas encerrou em tempo recorde. Organização reforça que venda oficial de ingressos começará em abril de 2013 e apresenta nova Rock Street, inspirada na Grã-Bretanha e Irlanda!

O Rock in Rio confirma seu enorme sucesso com o público brasileiro mais uma vez. No mesmo dia em que apresentou as imagens da nova Rock Street, que em 2013 será inspirada na Grã-Bretanha e Irlanda, a venda do Rock in Rio Card, que iniciou no primeiro minuto de hoje (dia 30 de outubro), esgotou em apenas 52 minutos. Em 2011, a venda antecipada de 100 mil ingressos encerrou em três semanas. Ao todo, foram vendidos 80 mil Rock in Rio Cards, cartão que equivale a um ingresso antecipado, no qual o público garante sua entrada no evento antes mesmo da confirmação de todas as bandas e atrações.

Assim como na edição de 2011, quando o cartão foi vendido pela primeira vez no Brasil, o fã que adquiriu o produto pode escolher em qual data pretenderá usá-lo, antes que a venda oficial de ingressos seja aberta ao público em geral — a escolha poderá ser feita de 1º de fevereiro até 1º de abril de 2013.

ROCK IN RIO CARD ESGOTA EM APENAS 52 MINUTOS

“Estamos muito felizes e queremos agradecer ao público por essa adesão única ao Rock in Rio. A nossa responsabilidade só cresce para entregar o melhor Rock in Rio de todos os tempos em 2013″, garante Roberto Medina, presidente e idealizador do Rock in Rio.

A compra de Rock in Rio Card, exclusiva para o território brasileiro, foi feita por 27 estados, sendo que 54% foram realizadas por fãs do Rio de Janeiro, 14% de São Paulo, e 11% de Minas Gerais. Para quem não conseguiu comprar, a organização do Rock in Rio reforça que a venda oficial de ingressos começará em abril de 2013.

Na pré-venda, a organização do Rock in Rio limitou a compra para até quatro ingressos, sendo uma meia-entrada, por CPF para evitar compras irregulares. A venda foi feita pelo site oficial do festival (www.rockinrio.com.br), por meio da Ingresso.com. Para a edição do Rock in Rio 2013, tanto o Rock in Rio Card como o ingresso tem o valor de R$260 (inteira) e R$130 (meia-entrada), e não houve (nem haverá) cobrança de taxa de conveniência.

Os clientes que adquirirem meia-entrada terão que enviar pelo próprio site, antes da escolha do dia, a cópia do comprovante que garante a meia-entrada. Também será necessário mostrá-lo no dia do festival para entrar no Parque dos Atletas Cidade do Rock.

O Rock in Rio já tem data marcada e será realizado nos dias 13, 14, 15, 19, 20, 21 e 22 de setembro, na Cidade do Rock (Parque dos Atletas Cidade do Rock Av. Salvador Allende, s/n).

CLIENTES ITAÚ TIVERAM 15% DE DESCONTO

Os clientes Itaú, empresa patrocinadora máster do Rock in Rio, tiveram direito a 15% de desconto em até quatro entradas inteiras e parcelamento em até seis vezes sem juros — exclusivo para pagamento com cartões de crédito Itaucard emitidos pelo Banco Itaucard S.A., cartões Itaú Personnalité, Cartões Itaú Uniclass, United Mileage Plus, Unicard Série Platinum, Unicard Série Premium e cartões Fininvest. O mesmo se aplicará para a venda oficial de ingressos, em abril.

ROCK STREET VOLTA INSPIRADA NA GRÃ-BRETANHA E IRLANDA PARA O ROCK IN RIO 2013

Grande novidade do Rock in Rio 2011, a Rock Street estará de volta à programação do festival em 2013. A novidade é que, para o Rock in Rio 2013, a rua será inspirada na Grã-Bretanha e Irlanda. O público se sentirá viajando pelo exótico bairro londrino Camden Town e o irlandês Grafton Street, com artistas de rua também imersos nesta temática.

Dessa vez, quem passar pela Rock Street encontrará John Lennon, incorporado por uma estátua viva, músicos interpretando clássicos do rock inglês, bandas de música irlandesas e malabaristas punk, assim como outras figuras presentes na última edição: caricaturista, acrobatas, mágico, cartomantes… Tudo no característico clima descontraído, envolvente e espontâneo da Rock Street. As lojas, bares e restaurantes terão cenografia desenhada por João Uchoa e serão ambientados nos pubs ingleses e nas ruas de Dublin.

A Rock Street terá uma programação com novos nomes do rock inspirados pelas bandas inglesas. Todos os dias haverá a Rock Street Big Band tocando Beatles. Com uma pegada jazzística e arranjos inéditos, a Big Band terá participação especial de renomados artistas brasileiros. A Rock Street acolherá também apresentações diárias de companhias de danças irlandesas, que se caracterizam pela explosão de ânimo e força.

Em 2013, o palco da Rock Street será maior: com cerca de 13 metros de largura e 3,5 metros de altura, a apenas um metro do chão, muito próximo ao público. A rua contará com 20 contêineres-loja e estrutura em fibra de vidro (material sustentável e de fácil reutilização).

“A Rock Street é um lugar de interação e de inclusão, onde o público se sente parte do cenário e participa do espetáculo. Nossa rua foge da tradicional separação palco-público. Na Rock Street, o público está dentro do palco. O inesperado acontece a qualquer momento e procuramos incentivar o improviso”, explica Bruce Henri, diretor artístico do espaço.

O americano radicado no Brasil desde o final dos anos 1960 recebeu o convite para desenvolver e implementar a primeira Rock Street na edição de 2011 por seu trabalho como músico e conhecimento técnico. Como instrumentista, Bruce coleciona em seu currículo sete álbuns e um EP autorais, participações ao lado de nomes como Gilberto Gil, Gal Costa, Ney Matogrosso, Jards Macalé, Fafá de Belém, Fagner e Joyce, além de trilhas sonoras para filmes, peças de teatro, e danças. Já na área de produção de espetáculos e eventos, Henri trabalhou como stage manager do Palco Mundo do Rock in Rio Lisboa em 2006, 2008 e 2010, e do Rock in Rio Madrid 2010, além de shows no Brasil do Black Eyed Peas, Air, The Police, New Order, Eric Clapton, a lendária apresentação dos Rolling Stones na Praia de Copacabana em 2006, e muitos outros.

Idealizada por Roberto Medina, presidente e criador do Rock in Rio, a Rock Street nasceu a partir da ideia de criar um espaço lúdico, aberto a diversas manifestações artísticas, aliada à oportunidade de aproveitar da melhor maneira possível um trecho estreito do terreno da nova Cidade do Rock (Parque dos Atletas). Em sua primeira edição, a Rock Street homenageou Nova Orleans (EUA), trazendo para o festival o clima de descontração, o ritmo e a magia do quarteirão francês da cidade do jazz.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 30 de outubro de 2012

Rock in RioRock in Rio
Mulher recebe pulseira e coloca no braço três meses antes

443 acessosBob's no Rock in Rio: Supla em campanha e no canal de Felipe Neto342 acessosLoja de Discos do Cassio: Aerosmith no Rock in Rio0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Rock In Rio"

Rock in RioRock in Rio
Fim do mistério, The Rolling Stones em Lisboa

MetallicaMetallica
Rock In Rio explica pane que ocorreu durante o show

Rock in RioRock in Rio
Brasileiro é o artista que mais tocou no evento

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Rock In Rio"

Deep PurpleDeep Purple
A contestada entrevista na Globo em 2006

Ratos de PorãoRatos de Porão
João Gordo crente? Vai tomar no cu quem tá acreditando!

SlipknotSlipknot
Joey Jordison revela o verdadeiro motivo de sua saída

5000 acessosSeparados no nascimento: Bruce Dickinson e Leopoldo Pacheco5000 acessosOs dez maiores picaretas da música internacional5000 acessosFrances Bean Cobain: assustada com tatuagem de fã5000 acessosLed Zeppelin: as misteriosas viagens à Índia2510 acessosChristiane F.: dezenove anos, gravada e produzida5000 acessosPearl Jam: Loudwire escolhe as dez melhores músicas

Sobre Andre Smirnoff

Fotógrafo oficial e CEO Marketing da Rock Brigade e X-Press ON! - Agência de Notícias e Assessoria de Imprensa.

Mais matérias de Andre Smirnoff no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online