Arch Enemy: "sem chance para uma diva numa banda de metal"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Costábile Salzano Jr, Fonte: The Ultimate Music - Press, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Angela Gossow, vocalista do Arch Enemy, recentemente concedeu entrevista exclusiva ao jornalista e critico musical Costábile Salzano Jr, do portal Combate Rock/Estadão.

Sasha Grey: sua real paixão pela música de atitude e sua coleção de vinilSeparados no nascimento: Sebastian Bach e Fernanda Lima

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em um bate-papo descontraido, a frontwoman expressou com todas as letras o que pensa sobre a questão das musas do metal.

Como você vê a questão das mulheres perante a sociedade atual? Muitas mulheres hoje dominam e estão em destaque no cenário do metal vide os casos de Cristina Scabbia (Lacuna Coil), Doro Pesch, Dani Nolden (Shadowside), Anneke van Giersbergen (Agua de Annique), Tarja Turunen, Amy Lee (Evanescence) e claro, você, Angela?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Angela Gossow: Bem, igualdade sexual ainda varia muito de país para país. As mulheres tem um padrão muito forte no leste europeu, chances iguais no mundo dos negócios e na política. Na maioria dos outros lugares, elas ainda precisam lutar pelos seus direitos. Acredito que a cena metal está se corrigindo progressivamente, existem muitas mulheres hoje em dia e a tendência é que também passem a ser julgadas primeiro enquanto músicos e depois como "objetos sexuais". O talento acima do sexo. Pelo menos é por isso que lutamos. É preciso forca e perseverança para estar numa banda de metal. Eu sou uma mulher forte e não levo desaforo para casa de ninguém, não sou uma diva, não existe chance para ser uma diva numa banda de metal - o estilo de vida é tudo, mas glorioso - e eu levo isso para todas as mulheres no metal, quem quer ficar precisa de uma boa dose de determinação também.

Ela também falou da expectativa dos suecos para reencontrar seus apaixonados fãs brasileiros para a gravação de um futuro DVD, a repercussão do novo álbum e revelou que, apesar da pausa nas atividades após esta tour pela América Latina, eles já estão pensando no próximo disco.

O Arch Enemy faz única apresentação no Brasil, no próximo da 25 de novembro, no Carioca Club, em São Paulo. O shows faz parte da turnê mundial do novo álbum "Khaos Legion" lançado pela gravadora Century Media.

Confira a entrevista na integra em
http://blogs.estadao.com.br/combate_rock/nao-existe-chance-para-uma-diva-numa-banda-de-metal-vocifera-a-voz-do-arch-enemy/




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Arch Enemy"


The Agonist: Alissa descreve demissão como pior traição da vidaThe Agonist
Alissa descreve demissão como "pior traição da vida"

Arch Enemy: Antes da fama, Alissa teve talento questionado no ÍdolosArch Enemy
Antes da fama, Alissa teve talento questionado no Ídolos


Sasha Grey: sua real paixão pela música de atitude e sua coleção de vinilSasha Grey
Sua real paixão pela música de atitude e sua coleção de vinil

Separados no nascimento: Sebastian Bach e Fernanda LimaSeparados no nascimento
Sebastian Bach e Fernanda Lima


Sobre Costábile Salzano Jr

Jornalista diplomado, assessor de imprensa, crítico musical, entende tudo de futebol. Torcedor fanático da Juventus de Turim!

Mais matérias de Costábile Salzano Jr no Whiplash.Net.

adGoo336