Machine Head: "jamais comprarei um CD novamente", diz Robb Flynn

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 


721 acessosRobb Flynn: tocando Linkin Park, Temple Of The Dog e mais5000 acessosIron Maiden: "se as bandas de metal mandassem no mundo..."

Quando foi a última vez que você comprou um CD no formato físico?

As mídias físicas, no geral, ficaram tecnologicamente obsoletas. Elas ocupam espaço demais para quem consome música com certa voracidade. O frontman do MACHINE HEAD, ROBB FLYNN, certamente corrobora com isso.

Em um post épico no website oficial do grupo em janeiro de 2013, Flynn admitiu que não compra um CD já faz um tempo e planeja nunca mais fazê-lo.

Alguns trechos traduzidos do manifesto de Robb:

[...] “Nós não precisamos de 19 faixas e 72 minutos de música em um CD. E onde é que você compraria a maioria dos CDs hoje em dia? Entre meu iPhone, iTunes e Spotify, eu simplesmente os baixo ou os ouço via streaming, é fácil demais. Eu posso dizer sem nenhuma dúvida que eu nunca mais comprarei um CD físico novamente. Jamais.”

[...] “Eu descobri tantas bandas novas no iTunes e no Spotify [eu uso a versão Premium de 9 dólares por mês], é absolutamente incrível. Toda a história da música gravada está na ponta dos seus dedos, a qualquer momento. Claro, há algumas exclusões, mas todos estarão nessa até o fim do ano.”

[...] “Até o METALLICA embarcou no trem do Spotify. O mundo escolheu o streaming. É fácil demais. Porra, eu descobri mais bandas novas E VELHAS no YouTube só navegando de bobeira do que jamais fiz indo a lojas de discos.”

[…] “E então, como banda, nós nos perguntamos muitas questões peculiares sobre o que deveríamos fazer. Eu com certeza não estou interessado em vender CDs na primeira semana de lançamento a $16, $17 ou $18 Dólares/Euros/Libras.”

[…] “Não estou interessado em vender CDs de jeito nenhum, honestamente, apesar de eu me dar conta que as pessoas ainda os compram e gostam deles… mas hey, a mudança é inevitável, especialmente nesse ramo. Tal como as fitas cassete se tornaram obsoletas, tal como as embalagens long box de CDs se tornaram obsoletas.”

Ainda dentro do mesmo post, o músico discorre sobre como a banda comercializará sua obra no futuro:

[…] “Achamos modos de gerar receita para pagar as pessoas que nos emprestaram o dinheiro para fazer o disco, para re-investir em nossa banda, para fazer discos melhores, para dar melhores shows, para ter um sistema de som melhor, para manter as luzes acesas no Machine Head, para viver nossas vidas, de modo que possamos fazer mais música.”

[…] “Não queremos nos envolver com um bando de patrocinadores corporativos, já nos metemos com isso e é um pesadelo, pior do que as gravadoras. Quem sabe, talvez acabemos assinando com uma gravadora tradicional no fim das contas, porque há MUITA coisa que simplesmente não estamos interessados em fazer. Talvez façamos algo radical ao invés disso, eu ouvi muitas coisas sobre esses projetos do Kickstarter, Amanda Palmer, em particular, fez algo incrível…” […]

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 25 de janeiro de 2013

721 acessosRobb Flynn: tocando Linkin Park, Temple Of The Dog e mais527 acessosMachine Head: trabalhando em novas músicas0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Machine Head"

Machine HeadMachine Head
A incrível experiência de excursionar com o Metallica

Machine HeadMachine Head
A tarefa inglória de abrir pro Slayer

MetalMetal
As oito maiores tretas entre músicos do gênero

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Machine Head"

Iron MaidenIron Maiden
"Se as bandas de Metal mandassem no mundo..."

Iron MaidenIron Maiden
A concepção original e os primórdios do mascote Eddie

Iron MaidenIron Maiden
Conheça a equipe e família que viaja com a banda

5000 acessosExcessos: como os rockstars gastam os seus milhões5000 acessosEm 10/08/1993: Euronymous é assassinado por Varg Vikernes5000 acessosThe Voice Kids: garotinha canta Led Zeppelin e conquista todos5000 acessosLauren Harris: Como é ser filha do baixista do Iron Maiden5000 acessosBlaze Bayley: "Não tinha comida. Tive que esmolar."5000 acessosNick Jonas: ele tentou fazer um solo e virou um meme de Internet

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online