Yngwie Malmsteen: uma biografia não autorizada e uma oficial

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ivan Jones, Fonte: Site Metal4all, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

A versão em inglês da biografia não autorizada do jornalista sueco Anders Tengner sobre o ás da guitarra Yngwie J. Malmsteen, "Såsom I Himmelen, SA Ock På Jorden" (tradução em inglês: "As Above, So Below"), foi lançada em 6 de maio.

Refrãos: alguns dos mais marcantes do Rock/MetalPlanet Rock: as maiores vozes da história do rock

Capa da versão em inglês
Capa da versão em inglês

"Såsom I Himmelen, SA Ock På Jorden" foi lançado na Suécia em outubro passado. O livro de 350 páginas é baseado em mais de 50 entrevistas com pessoas que estavam realmente próximas de Yngwie durante sua vida. Ele dá uma visão única e sensível para a vida de fúria do deus da guitarra. É uma homenagem ao maior astro de rock da Suécia, mas um tributo que não ignora as dificuldades e os tempos de loucura.

"Såsom I Himmelen, SA Ock På Jorden" contém 64 fotos tiradas por alguns dos maiores fotógrafos de rock do mundo, bem como fotos originais e privadas.

De acordo com um comunicado de imprensa, "Este é provavelmente o mais perto que você pode chegar de Yngwie: a solidão, paixão, traições, escândalos, violência doméstica, drogas, sexo e, claro, a música que compõem a sua vida"

O prefácio do livro foi escrito pelo lendário cantor Joe Lynn Turner (Rainbow, Deep Purple), que já tocou com Malmsteen.

Um preview do livro (arquivo PDF em inglês) pode ser conferido no link abaixo.
https://www.dropbox.com/sh/gkh4fg7fol1cie3/3lIRtvUffd

Anders Tengner é descrito em um comunicado de imprensa como "de longe, o jornalista de música mais famoso da Suécia. Começando como um crítico musical na revista de celebridades sueca Okej nos anos 80, ele logo teve a oportunidade de trabalhar com os seus próprios programas de TV. Se você não conhecesse Anders, não havia nenhuma outra maneira de vender sua música na Suécia. Literalmente cada estrela do rock parou para uma entrevista, uma conversa amigável e uma sessão de fotos. Ele também contribuiu para a Kerrang! e Burrn!, entre outras revistas."

No dia em que "Såsom I Himmelen, SA Ock På Jorden" foi lançado, Yngwie anunciou que estava trabalhando em sua autobiografia. Descrita como "a única história real e verdadeira escrita pelo próprio Malmsteen", "Relentless: A Memoir" foi lançado em 15 de abril.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Yngwie Malmsteen"


Barry Levine: Yngwie Malmsteen é um idiota!Barry Levine
"Yngwie Malmsteen é um idiota!"

Yngwie Malmsteen: Guitarrista se defende da pecha de arroganteYngwie Malmsteen
Guitarrista se defende da pecha de arrogante

Yngwie Malmsteen: humilde, ele diz que seu primeiro disco salvou a FenderYngwie Malmsteen
Humilde, ele diz que seu primeiro disco salvou a Fender


Refrãos: alguns dos mais marcantes do Rock/MetalRefrãos
Alguns dos mais marcantes do Rock/Metal

Planet Rock: as maiores vozes da história do rockPlanet Rock
As maiores vozes da história do rock

Loudwire: as 10 melhores músicas do Slipknot segundo o siteLoudwire
As 10 melhores músicas do Slipknot segundo o site

Slayer: Raining Blood é brutal, mesmo com a bateria da BarbieSlayer
"Raining Blood" é brutal, mesmo com a bateria da Barbie

Rockstars: Tatuagens que possivelmente geram arrependimentoRockstars
Tatuagens que possivelmente geram arrependimento

Mike Portnoy: meu problema é que me importo demaisMike Portnoy
"meu problema é que me importo demais"

Metallica: Um tributo shred por Michael Angelo BatioMetallica
Um tributo shred por Michael Angelo Batio


Sobre Ivan Jones

42 anos, curto ROCK desde 1980 e possuo uma coleção de mais de 3500 cds e cerca de 600 lps (fora as fitas cassetes, VHS, DVDs e Blu-Rays). Toco violão e guitarra e estou começando a dedilhar um teclado.

Mais matérias de Ivan Jones no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336