Matérias Mais Lidas


Prostitutas revelam as esquisitices de Phil Rudd, baterista do AC/DC

Por João Paulo Andrade
Fonte: Daily Mail
Postado em 08 de novembro de 2014

Um amigo e sócio de Phil Rudd, possivelmente envolvido com as acusações de ameaça de morte envolvendo o baterista do AC/DC, comentou em 2014 sobre o vício de Rudd por sexo pago, e problemas com os empresários do ramo, como alguns dos possíveis problemas que teriam gerado todos os atritos que culminaram nos problemas legais que Rudd enfrentou.

AC/DC - Mais Novidades

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

O tablóide Daily Mail Australia aproveitou o ensejo para entrevistar algumas das profissionais contratadas por Phil Rudd durante os últimos anos de esbórnia. Elas informam que ele por vezes age de forma incoerente, gosta de ser chamado de "babe", gosta de sexo grupal, mas não gosta de usar preservativos, não gosta que brinquem com seu cachorrinho e, grande pecado entre os citados, não gosta de pagar quando cobrado.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

Seguem depoimentos de algumas das contratadas de Rudd:

"Eu nunca iria lá de novo, nem que me pagassem um milhão de dólares por semana. Ele frequentemente contrata uma garota, às vezes até cinco. Ele é um doente que tenta manter a sua imagem."

"Eu fiquei lá desde a noite até o dia seguinte. Eu sou uma mulher madura e ele queria que eu me juntasse a outras garotas. E eu disse não. Eu não faço nada com outras mulheres. E ele queria que eu fizesse."

"Algo que eu não gosto nele é que ele não gosta de usar preservativos. Eu não faço sexo sem proteção. A quantidade de mulheres com que ele fica, é muito arriscado."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

"Havia quatro garotas uma das vezes que estive lá. Ele separava as garotas. No seu barco, ele colocava cada uma em um dos aposentos. E ia aleatoriamente a cada aposento."

"Ele não gostava que brincássemos com seu cachorrinho. Ele o levava em uma gaiola e nós achamos curioso. Ele brigou conosco quando brincamos com o cachorro."

Uma das garotas informou ainda que por vezes Phil Rudd soava incoerente ao ponto de não ser possível entender o que ele falava. "Ele falava bobagens. Não conseguíamos entendê-lo."

Apesar de Rudd pagar valores que podiam chegar a US$1500 por períodos de 8 a 10 horas, algumas garotas preferiam não arriscar devido a fama de cliente difícil do baterista. "Quando ele gostava de uma garota, ele pagava caro e gostava de ter relações com ela na frente de outras pessoas. Algumas garotas fazem qualquer coisa porque ele é um grande cliente - mesmo que elas não se sintam confortáveis."

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4

"Algumas vezes ele se irritava ao discutir os pagamentos. Ele podia ficar muito nervoso muito rápido. É um cara muito volátil. Ele é estranho. É difícil ficar com ele porque não dá para entendê-lo. Se ele não come, você não come, se ele não toma banho, você não toma banho. Ele não permite celulares e não permite bolsas porque tem medo de ser roubado. É embaraçoso e idiota. Uma vez ele me deixou no barco sozinha sem ter como sair."

Segundo depoimentos a paranoia de Rudd chegava ao ponto de exigir que algumas das acompanhantes fossem revistadas por seus seguranças.

Algumas das garotas confirmam que Rudd deve dinheiro a elas e a seus empresários e que nem todas transavam com ele, algumas servindo apenas de companhia ou passando horas e horas observando. Já aquelas de quem ele gostava mais e exigia trabalho completo e durante mais tempo chegavam a ganhar muito, até 40 mil dólares.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 5

AC/DC - A Prisão de Phil Rudd

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps




publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre João Paulo Andrade

Sempre quis viver de Rock e/ou Heavy Metal. Tentou tocar baixo mas era tremendamente incompetente no instrumento. Em 1996 criou o site Whiplash.Net e hoje vive do seu sonho. :-)
Mais matérias de João Paulo Andrade.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS