Paul McCartney: assassino de John Lennon é "o babaca dos babacas"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: Metal da Ilha
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 08/12/14. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Enquanto nos aproximamos do 34º aniversário do assassinato de John Lennon, aqueles que o conheciam estão sendo convidados a recordar o dia trágico quando ouviram a notícia. Um deles, Paul McCartney, discutiu isso em uma entrevista que foi ao ar na noite de sábado na ITV da Grã-Bretanha (06 de dezembro).

1324 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify5000 acessosPlanet Rock: As músicas com os melhores solos de guitarra

Falando com Jonathan Ross, Paul recordou (via The Mirror), "Eu estava em casa quando ele morreu. Eu recebi um telefonema. Foi tão horrível. Eu não podia acreditar no jeito que ele se foi. Foi um choque muito grande. Eu estava tão triste pois eu nunca mais o veria novamente. E o cara que fez isso foi o babaca dos babacas. Ele não foi politicamente motivado".

O assassino de John Lennon, Mark David Chapman, teve seu pedido de liberdade condicional novamente negado neste verão. Ainda assim, McCartney observou que as tensões entre os dois, que levou à separação dos BEATLES em 1970, havia diminuído pelo tempo de vida de Lennon, que lhe foi tirado.

"Houve uma animosidade nos Beatles", acrescentou. "Mas quando ele foi morto éramos amigos. Nós costumávamos convidar um ao outro para trocar receitas de pão".

Fonte original desta matéria:
http://ultimateclassicrock.com/paul-mccartney-john-lennon-ki...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 08 de dezembro de 2014

VinilVinil
Os dez discos mais vendidos nos EUA em 2017

1324 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify392 acessosRingo Starr: novo álbum sai em setembro, e traz Paul McCartney1342 acessosBeatles: Paul McCartney fecha acordo sobre direitos autorais313 acessosSgt. Pepper's: entrevista exclusiva com o Sargento Pimenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

MilionáriosMilionários
Os músicos mais ricos do Reino Unido

Músicas com nome de mulheresMúsicas com nome de mulheres
Histórias por trás da inspiração

Ted NugentTed Nugent
"Impossível competir com McCartney em número de mortes!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "John Lennon"0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"0 acessosTodas as matérias sobre "Paul McCartney"

News.com.auNews.com.au
Guns, Floyd, Lynyrd e Van Halen são os melhores solos?

Cultura inútilCultura inútil
Em quantas músicas Coverdale utilizou a palavra "love"

NoisecreepNoisecreep
Os 10 clipes mais assustadores do Heavy Metal

5000 acessosFree: a paixão de Dave Murray por Paul Kossoff5000 acessos20 Filmes Mais Punk: "Rock N Roll High School" em primeiro5000 acessosA polêmica origem do termo Heavy Metal5000 acessosJack Black: "Dio era meu vocalista de Heavy Metal favorito"5000 acessosEurope: toco de Lemmy, pito de Freddie, mijada com Axl Rose5000 acessosMetallica: Lars Ulrich explica porque não tem tatuagem

Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online