Dream Theater: Jordan Rudess quase tocou no The Wall, do Pink Floyd

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruce William, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em entrevista para a revista Prog britânica, Jordan Rudess, do Dream Theater, revelou que por pouco ele participou do clássico álbum "The Wall", lançado pelo Pink Floyd em 1979: "Há muitos anos eu tinha um amigo que atendia pelo estranho nome de Blue Ocean (Oceano Azul). Ele era um excelente baterista; acho que ele fez algo em estúdio para The Monkees, e tocava com eles por trás das cortinas, coisa assim. Bem, ele foi contratado para montar uma banda que iria tocar na música 'Bring The Boys Back Home'. E um dia ele me disse 'Vamos lá cara, vamos ao estúdio ver a gravação. Você pode até fazer parte dela'. Bem, eu não era um baterista - eu já tinha 18 anos e decidira que minha vida seria dedicada aos teclados - mas tinha tocado bateria bem simples quando estava na escola. Então fui com ele até a sessão de gravação".

Anette Olzon: "Eu fui demitida exatamente como Tarja também foi"Porta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Entrei, me deram umas baquetas e mostraram a bateria. Daí estou eu tocando e me divertindo, mas de repente percebi que o produtor Bob Ezrin me olhava com as sobrancelhas um pouco levantadas, e finalmente ele disse: 'acho que não rola'".

"Depois que ele me dispensou, fiquei na sala de controle e muito antes de todos, pudemos ouvir um playback da canção que, é claro, não fazíamos a mínima ideia como seria encaixada no quebra-cabeça que era um álbum do Pink Floyd".

"Fiquei de boa com a decisão de Bob, eu era um baterista muito limitado. Mas ainda há uma parte de mim que gostaria de ter tocado no 'The Wall', seria fantástico".




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Dream Theater"Todas as matérias sobre "Jordan Rudess"


Mike Portnoy: lista pessoal dos melhores de 2015Mike Portnoy
Lista pessoal dos melhores de 2015

James LaBrie: comeu camarões em Cuba, passou mal e quase pôs tudo a perderJames LaBrie
Comeu camarões em Cuba, passou mal e quase pôs tudo a perder


Anette Olzon: Eu fui demitida exatamente como Tarja também foiAnette Olzon
"Eu fui demitida exatamente como Tarja também foi"

Porta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleirosPorta dos Fundos
Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros


Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Goo336x280