Mercado: venda digital supera com folga venda física no Brasil

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mário Pescada, Fonte: Folha de São Paulo
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em reportagem publicada nessa terça-feira (23/05), a reportagem da Folha de São Paulo mostra como que a parte física vem perdendo espaço ano após ano para o mercado digital (streaming e downloads).

Rock e Metal: todo artista tem uma fase vergonhosaSteve Perry: 5 fatos curiosos sobre o ex-vocalista do Journey

Segundo a Federação Internacional da Indústria Fonográfica (IFPI em inglês), o consumo digital de música no mundo está em 50%, sobretudo ao forte crescimento de 60,4% do formato streaming (Spotify, Deezer, Youtube) em relação a 2015. Porém, o download apresentou queda de 20,5% no mesmo período.

Aqui no Brasil o crescimento digital também foi forte, com 52,4% de crescimento do streaming. Hoje, o mercado digital nacional já representa 48,6% do faturamento. O restante está dividido entre execução pública com 36,6% e formato físico (cd e dvd) com apenas 14,4%.

O país contribuiu com US$ 230 milhões ou apenas 1,5% da receita total mundial de US$ 15,7 bilhões da indústria fonográfica. Uma das causas que chamam a atenção é a brusca queda nas vendas de cd's que chegou a impressionante 43,2% em relação a 2015.

Confira a reportagem completa e gráficos interativos do mercado nacional e mundial no link abaixo
http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2017/05/1886612-consu...




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Notícias

Rock e Metal: todo artista tem uma fase vergonhosaRock e Metal
Todo artista tem uma fase vergonhosa

Steve Perry: 5 fatos curiosos sobre o ex-vocalista do JourneySteve Perry
5 fatos curiosos sobre o ex-vocalista do Journey


Sobre Mário Pescada

Mineiro, leitor compulsivo, ouvinte de todas as vertentes do rock - do blues ao grindcore. Valoriza mais a honestidade e entrega em cima do palco do que a técnica. Guarda os flyers dos shows que vai como se fossem relíquias.

Mais matérias de Mário Pescada no Whiplash.Net.

adGooILQ