Evanescence: Amy Lee tem orgulho do sucesso que a banda conquistou

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: RTBF / Blabbermouth
Enviar correções  |  Ver Acessos

A vocalista Amy Lee disse, em entrevista ao RTBF (transcrição via Blabbermouth), que tem orgulho do sucesso conquistado pelo Evanescence. A banda despontou para o mundo logo com seu primeiro álbum, "Fallen" (2003), e manteve o êxito comercial com o disco sucessor, "The Open Door" (2006).

Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff HannemanFotos de Infância: Slayer

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Eu me sinto orgulhosa quando olho para trás. Olho para o passado e vejo meu rosto, especialmente em uma entrevista antiga ou em um show na turnê do 'Fallen', e me vejo como uma criança. Havia morado fora da casa dos meus pais por uns quatro anos. Então vejo e penso: 'uau, foi uma coisa incrivelmente louca de se acontecer'", afirmou.

Amy Lee destacou que estava fazendo bastante "malabarismo" para poder lidar com a fama ainda tão jovem - ela tinha 21 anos quando "Fallen" foi lançado. "Estava me ajustando emocionalmente, tentando manter a banda junta e toda a maluquice que acompanha isso", disse.

O passado do Evanescence já foi retratado no box set "The Ultimate Collection" e, mais recente, com o registro orquestrado "Synthesis". "É uma bela reflexão da nossa música ao longo da minha carreira, com alguns novos elementos adicionados", disse, sobre "Synthesis".

Assista à entrevista abaixo (em inglês, sem legendas).




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Evanescence"


Evanescence: mãe de Amy Lee pensou em levá-la ao psiquiatraEvanescence
Mãe de Amy Lee pensou em levá-la ao psiquiatra

Evanescence: Majura pega pesado com Phil após episódio racistaEvanescence
Majura pega pesado com Phil após episódio racista


Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff HannemanSlayer
A trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman

Fotos de Infância: SlayerFotos de Infância
Slayer


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor