Matérias Mais Lidas

Guns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito melhor vocalistaGuns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito "melhor vocalista"

Adrian Smith: quando Roy Z o chamou na xinxa para apontar falta de técnica na guitarraAdrian Smith: quando Roy Z o chamou na xinxa para apontar falta de técnica na guitarra

Machine Gun Kelly: a bizarra frase que ele disse à namorada Megan Fox em 1º encontroMachine Gun Kelly: a bizarra frase que ele disse à namorada Megan Fox em 1º encontro

After Forever: Há chance de retorno? Floor Jansen comenta e alfinetaAfter Forever: Há chance de retorno? Floor Jansen comenta e alfineta

Legião Urbana: série da Globo sobre a banda é cancelada e motivo irrita músicosLegião Urbana: série da Globo sobre a banda é cancelada e motivo irrita músicos

David Ellefson: Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do MustaineDavid Ellefson: "Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do Mustaine"

Capital Inicial: a razão curiosa pela qual Dinho Ouro Preto ficou viciado em drogasCapital Inicial: a razão curiosa pela qual Dinho Ouro Preto ficou viciado em drogas

Iron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivoIron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivo

Guns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explicaGuns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explica

Eddie Van Halen: Os bastidores de uma vida extraordináriaEddie Van Halen: Os bastidores de uma vida extraordinária

Keith Richards: por que ele odeia heavy metal e acha Metallica e Sabbath piadasKeith Richards: por que ele odeia heavy metal e acha Metallica e Sabbath "piadas"

Eric Clapton: This Has Gotta Stop é exemplo de que a música está acima da políticaEric Clapton: " This Has Gotta Stop" é exemplo de que a música está acima da política

Bruce Dickinson: em vídeo ele promete noite fabulosa em homenagem à Jon LordBruce Dickinson: em vídeo ele promete noite fabulosa em homenagem à Jon Lord

Mayhem: fique longe das redes sociais, aconselha NecrobutcherMayhem: "fique longe das redes sociais", aconselha Necrobutcher

Skank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de LeoniSkank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de Leoni


Tunecore 2

Tudo no Shuffle: 3 álbuns novos para conhecer

Por Guilherme Cardoso
Fonte: Tudo no Shuffle
Em 01/10/18

Selecionamos 3 álbuns interessantes lançados recentemente ou que ainda serão lançados em Setembro, de duas bandas de metal e uma de rock.

Confira todas os nossos destaques de 2018 e outras listas em:
https://tudonoshuffle.blogspot.com/

No spotify, temos uma playlist com todas as bandas citadas e outras mais:

Banda: Dirty Streets
Álbum: Distractions

Lançamento: 14 de Setembro
Gênero: Rock'n'Roll/Blues Rock
Para fãs de: The Black Keys, Humble Pie, Trapeze

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O terceiro álbum do Dirty Streets, power trio norte-americano de Memphis inaugura a lista de hoje. Como os dois outros álbuns do grupo, Distractions soa como um álbum descomprometido no melhor sentido possível, a banda parece se divertir e todos os instrumentos fluem naturalmente. A faixa de abertura é um rockão daqueles que Justin Toland conduz com sua voz ao mesmo tempo potente e deliciosamente relaxada. É ele mesmo quem toca guitarra sem se cansar de tocar riffs cheios de balanço, licks de blues e solos cheio de wah-wah ao longo das 10 músicas. Alguns momentos menos "boogie" ou animados do álbum são a sossegada "Dream", um dos destaques com um delicado slide guitar, e "On the Way", que é levada preguiçosamente apenas na voz e violão.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Banda: Ferus Din
Álbum: The Great Dying

Lançamento: 18 de Junho
Gênero: Progressive Black Metal/Folk Metal
Para fãs de: Enslaved, Immortal, Moonsorrow

"The Great Dying" é apenas o primeiro álbum de Ferus Din, banda norte-americana formada em 2016. E, para um primeiro álbum, a banda impressiona em vários aspectos, a começar pela excelente produção que capta todos os detalhes das longas músicas (a mais curta tem 6 minutos), diferente de vários álbuns de black metal com produções propositalmente cruas e sujas. O outro (e mais importante) aspecto é o nível de composição das músicas, muita coisa acontece ao longo de cada faixa. As guitarras são capazes disparar riffs tremolos de black metal clássico mas também de solos altamente técnicos e de riffs mais atmosféricos e melódicos, sem cair na mesmice do black metal atual em que as músicas longas consistem em repetir cada riff por 3 minutos e inserir alguns trechos calmos. Os vocais alternam-se entre o típico vocal do gênero e guturais mais de Death Metal. O detalhe é que os ótimos vocais de black metal ficam a cargo de uma mulher, Allana Sturm, algo que ouvintes desavisados (como eu) talvez nem percebam à primeira ouvida. Para finalizar, a própria Allana Sturm toca também flauta, uma parte fundamental da sonoridade da banda. As melodias de flauta conseguem dar um clima ainda mais sombrio às músicas mas também um toque medieval e clássico. A faixa "Dissolution in the Spirit Pool" é a melhor demonstração do enorme potencial da banda, tudo acontece nela: uma passagem instrumental soturna, sweeps pirotécnicos, muito peso em riffs quase de thrash e outros de black metal, blast beats e aparições certeiras da flauta.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Banda: Revocation
Álbum: The Outer Ones

Lançamento: 28 de Setembro
Gênero: Technical Death Metal/Thrash Metal

Para fãs de: Death, Job for a Cowboy, Rivers of Nihil
A banda liderada pelo exímio guitarrista David Davidson lança no dia 28/09 seu sétimo álbum "The Outer Ones". O novo álbum deve seguir a linha de sempre do grupo, ou seja, uma mistura de Death e Thrash Metal tocado com técnica apuradíssima. O diferencial da banda está em David Davidson, dono de um estilo próprio de tocar guitarra, que foi moldado em grande parte por sua formação na Berklee College of Music, onde ele focou seus estudos na polirritma do jazz. Assim, as músicas do Revocation combinam riffs e vocais devastadores de Death/Thrash com tempos complexos (o baterista Ash Pearson é outro que chama atenção) e solos virtuosos sem cair no mero exibicionismo técnico. As influências da banda vão desde bandas clássicas de Thrash Metal como Megadeth e Exodus até bandas de Death/Melo-death/Tech-death como Pestilence, Children of Bodom e Atheist.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Slipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy MetalSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

Anthrax: Scott Ian apresenta a solução para o Phil AnselmoAnthrax
Scott Ian apresenta a solução para o Phil Anselmo