Soundgarden: Kerrang elege os dez melhores vídeos produzidos pela banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Mateus Ribeiro, Fonte: Kerrang!, Tradução
Enviar Correções  

Apesar de ser um dos maiores fenômenos do grunge, o Soundgarden sempre foi relutante quanto ao título de astros do rock, e não gostavam de "jogar o jogo" da MTV. Eles frequentemente resmungavam sobre a maneira como os seus vídeos saíam e muitos de seus clipes promocionais mostravam basicamente a banda parecendo mal-humorada e tocando a música. De qualquer forma, por vezes, os visual dos vídeos combinavam com a genialidade das músicas do grupo.

publicidade

A revista Kerrang! elegeu os dez melhores vídeos produzidos pela banda. Confira a lista abaixo!

10 - "Black Rain" (2010)

Black Rain foi escrita em grande parte durante as sessões de "Badmotorfinger", no início dos anos 90, mas não viu a luz do dia até a compilação "Telephantasm de 2010", com uma aparição simultânea no "Guitar Hero: Warriors Of Rock".

publicidade

Foi o primeiro lançamento em mais de uma década e contou com um vídeo inteiramente animado do criador do Metalocalypse, Brendon Small, além de contar com gigantescos bugs espaciais e uma participação especial da banda virtual de metal Dethklok.

publicidade

9 - "Burden In My Hand" (1996)

"Siga-me para o deserto", sussurra Chris Cornell na linha de abertura e o diretor de vídeo aceita sua palavra. Não há nada particularmente complexo acontecendo aqui, mas há algumas cenas impressionantes, como a banda andando através do deserto de Mojave com árvores em chamas e tempestades elétricas como pano de fundo. É simples, mas eficaz e dramático, muito parecido com a música em si.

publicidade

publicidade

8 - "Flower" (1989)

Este foi o primeiro single e vídeo da banda e é adequadamente cru e corajoso. Filmado em preto e branco, não é o momento visual mais grandioso deles, mas ganhou força no segmento mais underground da MTV, ajudando a construir o momento para uma cena de rock ainda nascente em Seattle.

publicidade

7 - "Spoonman" (1994)

O centro das atenções é o artista de rua Artis The SpoonMan, conhecido por utilizar colheres como instrumentos musicais. É um momento estranho, peculiar e carinhosamente humano.

publicidade

6 - "The Day I Tried To Live" (1994)

Muitas das músicas do Soundgarden e pelo menos alguns de seus vídeos gganharam uma interpretação diferente após a morte de Chris Cornell. O falecido vocalista disse à Rolling Stone na época que "The Day I Tried To Live" tinha sido "mal interpretado como uma canção de nota de suicídio". No entanto, a letra trata de temas como isolamento, isolamento e ansiedade. "Trata-se de tentar deixar de ser padronizado, fechado e recluso, coisas que eu sempre tive problemas", acrescentou Chris.

5 - "Pretty Noose" (1996)

O vídeo original de Pretty Noose foi banido pela MTV, pois terminou com Cornell, desesperado, aparentemente tendo cometido um assassinato. Antes desse desfecho, o vídeo passa por uma série de cenas psicodélicas, com bicicletas, estúdios de tatuagem e dançarinas vestidas como demônios. Havia uma versão alternativa que apenas apresentava a banda tocando em um estúdio com alguns visuais interessantes por trás deles. Vale a pena notar que, apesar do título, essa não é uma música sobre suicídio. Questionado pela MTV sobre o que a "armadilha bonita" (tradução do título da música) representou, ele disse: "É uma espécie de ideia ruim atraente, basicamente, algo que parece ótimo no começo e depois volta para te morder".

4 - "Blow Up The Outside World" (1996)

Este é um vídeo para os aficionados por filmes, já que ele faz referência e combina tanto "A Laranja Mecânica" quanto o clássico da teoria da conspiração "The Parallax View" ("A Trama" no Brasil). Chris é amarrado em uma cadeira muito parecida com Alex do filme de ficção científica distópica de Stanley Kubrick, e forçado a assistir a um filme que é claramente baseado na montagem de lavagem cerebral do "The Parallax View". A banda também pode ser vista tocando em uma câmara que explode nas cenas climáticas finais do vídeo.

3 - "Jesus Chris Pose" (1991)

Jesus Christ Pose foi outro vídeo que foi proibido pela MTV, além de receber críticas e ameaças de morte de alguns órgãos mais religiosos, apesar de não ser uma música anti religião.
No entanto, o vídeo certamente flertou com a religião, começando com uma faixa de diálogo que dizia: "E o Soundgarden tão amado por Deus deu-lhes sua única canção". Então tudo fica bem em um rápido diorama de crucificações, cyborgs ao estilo Terminator, cruzes invertidas e visuais estranhos. Ainda é impressionante quase três décadas depois.

2 - "By Crocked Steps" (2012)

No vídeo, o Soundgarden retrata uma gangue malvada e mal humorada de motociclistas jogando poker. Porém, o clipe (dirigido por Dave Grohl) é hilário, e os veículos dos integrantes da banda são na verdade patinetes (o que não impede que sejam perseguidos pela polícia).

1 - "Black Hole Sun" (1994)

Surreal, perturbador e bastante, muito brilhante, o visual do diretor britânico Howard Greenhalgh em um dos melhores momentos musicais do Soundgarden, sem dúvida, produziu seu vídeo mais memorável. Os rostos distorcidos e vislumbres de pesadelo sob a fachada rachada do subúrbio constroem lentamente um clímax verdadeiramente apocalíptico enquanto a cidade é destruída pelo "Buraco Negro" do título. O guitarrista Kim Thayil disse uma vez à Guitar Magazine: "Ficamos desapontados com a maioria de nossos vídeos", mas acrescentou que eles estavam "muito satisfeitos" com o "Black Hole Sun", que é o mais próximo que você recebe do grande elogio que este vídeo merece.

E você, acha que algum vídeo ficou de fora?

Deixe sua opinião nos comentários!

publicidade


WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin