Ozzy Osbourne: "Se Trump diz algo, eu faço o oposto do que ele falou"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O vocalista Ozzy Osbourne voltou a se posicionar contra o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Desta vez, ele falou sobre o político em questão durante um episódio do programa "Ozzy Speaks", na rádio SiriusXM.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em meio ao bate-papo com o co-apresentador Billy Morrison, Ozzy tocou no assunto da pandemia do novo coronavírus. O cantor lembrou que o público precisa usar máscaras e praticar o distanciamento social.

Foi aí que o Madman fez uma crítica a Donald Trump, conforme transcrito pelo site Blabbermouth. "Goste ou não do governo, tanto faz. Os médicos nos dizem o que fazer: use máscara, lave as mãos, distanciamento social... não vou a lugar algum. Se o presidente diz algo, eu faço o oposto do que ele falou. Ele muda de ideia toda hora", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em seguida, Ozzy destacou que é importante ter alguém próximo para que se possa desabafar em meio ao momento difícil que atravessamos. "As pessoas precisam aprender a compartilhar seus sentimentos com alguém de confiança, pois as pessoas que estão trancadas e preocupadas com a pandemia precisam descarregar. Se você não fizer isso, ficará deprimido, e quem sabe o que vai acontecer se você se deprimir?", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O cantor pontuou que as pessoas não precisam ter medo de compartilhar seus sentimentos. "Todos estamos no buraco agora. Estamos todos em um ambiente onde não queríamos estar. Se estou sozinho, é algo ruim. Minha cabeça nunca me diz para fazer algo que seja bom", concluiu.

Para Ozzy, Trump "age como idiota"

Recentemente, em entrevista à Rolling Stone, Ozzy Osbourne fez uma série de críticas a Donald Trump. "Se eu disputasse a presidência, tentaria aprender um pouco sobre política, porque a p*rra do cara que está lá não sabe muito sobre isso. A Constituição diz que todos podem ser presidentes, mas não é como se qualquer um pudesse se tornar um cirurgião e chegasse com um bisturi. Você precisa saber o que está fazendo", afirmou, inicialmente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ozzy se recusou a escolher seu nome preferido para as próximas eleições nos Estados Unidos. Porém, ele não escondeu sua decepção com Trump, especialmente no que diz respeito à forma como o presidente americano lidou com a pandemia do novo coronavírus.

"Na minha vida toda, nunca vi algo assim. Está piorando, não melhorando. E esse cara age como um idiota. Não gosto de falar de política, mas preciso dizer o que sinto com esse cara. Não há muita esperança. Talvez ele tenha uma carta na manga e nos surpreenda, e espero que tenha. Mais de mil pessoas morreram no país em um dia recentemente. Isso é insano. Pessoas precisam lidar com o distanciamento e o uso de máscaras, senão nunca vai acabar", declarou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ozzy Osbourne: para ele, Trump não sabe nada de política e age como idiota na pandemiaOzzy Osbourne
Para ele, Trump não sabe nada de política e age como idiota na pandemia

Proibição de uso de músicas

Ozzy e sua esposa e empresária, Sharon Osbourne, proibiram Donald Trump de usar as músicas do Madman em eventos políticos em junho de 2019. Na época, o casal ainda provocou o presidente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Tenho uma sugestão para o sr. Trump: talvez ele deveria procurar alguns de seus amigos músicos. Talvez Kanye West ('Gold Digger'), Kid Rock ('I Am The Bullgod') ou Ted Nugent ('Stranglehold') permitam o uso de suas músicas", dizia a nota, citando apoiadores de Trump.

Ozzy Osbourne: Trump é proibido de usar música dele em campanhaOzzy Osbourne
Trump é proibido de usar música dele em campanha

Diversos outros músicos do rock também proibiram o uso de suas canções por parte de Donald Trump. Entre eles, estão Guns N' Roses, Aerosmith, Linkin Park, Twisted Sister, R.E.M. e Neil Young.

No fim do último mês de julho, vários artistas de rock e outros estilos divulgaram uma carta aberta exigindo que políticos dos Estados Unidos passem a pedir autorização antes de utilizar suas músicas em eventos nesse sentido - neste caso, não direcionado apenas a Donald Trump, mas a todos os gestores públicos. A iniciativa foi mobilizada pela organização sem fins lucrativos Artist Rights Alliance (ARA).

Nomes como Mick Jagger e Keith Richards (ambos Rolling Stones), Steven Tyler e Joe Perry (ambos Aerosmith), Elton John, Lionel Richie, R.E.M., Green Day, Panic! at the Disco, Blondie, Linkin Park, Sheryl Crow, Sia, Lorde, Elvis Costello e Cyndi Lauper, entre outros, assinaram o texto feito pela ARA. São mais de 50 artistas e bandas solicitando atenção neste ponto.

Carta aberta: músicos exigem que políticos peçam autorização antes de usar cançõesCarta aberta
Músicos exigem que políticos peçam autorização antes de usar canções

Veja, abaixo, alguns artistas que já se posicionaram contra o uso de músicas em eventos políticos de Donald Trump:

Rolling Stones: ameaçando processar Donald Trump após uso de música em campanhaRolling Stones
Ameaçando processar Donald Trump após uso de música em campanha

Guns N' Roses: Axl Rose reclama do uso de músicas em comícios de TrumpGuns N' Roses
Axl Rose reclama do uso de músicas em comícios de Trump

Steven Tyler: pedindo para Trump não usar músicas do Aerosmith em comíciosSteven Tyler
Pedindo para Trump não usar músicas do Aerosmith em comícios

Twisted Sister: o motivo pelo qual recusaram música a Donald TrumpTwisted Sister
O motivo pelo qual recusaram música a Donald Trump

Tom Petty: família notifica Trump e o critica por usar música em comícioTom Petty
Família notifica Trump e o critica por usar música em comício

Lista: artistas e bandas que proibiram Trump de usar suas músicasLista
Artistas e bandas que proibiram Trump de usar suas músicas

Donald Trump: a história do presidente dos EUA com o rockDonald Trump
A história do presidente dos EUA com o rock

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Gustavo Carmo: brasileiro lança EP com Rudy Sarzo, Derek Sherinian e Brian Tichy

Jake E. Lee: por que o ex-guitarrista de Ozzy sumiu por tanto tempoJake E. Lee
Por que o ex-guitarrista de Ozzy sumiu por tanto tempo

Ozzy Osbourne: Madman vai fazer shows em 2022, afirma SharonOzzy Osbourne
Madman vai fazer shows em 2022, afirma Sharon

Ozzy Osbourne: A porra do COVID-19 não é uma conspiração e pode te matarOzzy Osbourne
A porra do COVID-19 não é uma conspiração e pode te matar

Ozzy Osbourne: Não seja estúpido, Covid não é uma conspiração, alerta o MadmanOzzy Osbourne
"Não seja estúpido, Covid não é uma conspiração", alerta o Madman

Eddie Van Halen: A gente se vê do outro lado, meu amigo, diz Ozzy OsbourneEddie Van Halen
"A gente se vê do outro lado, meu amigo", diz Ozzy Osbourne

Ozzy Osbourne: filmagens de Live & Loud são disponibilizadas no YoutubeOzzy Osbourne
Filmagens de Live & Loud são disponibilizadas no Youtube

Ozzy Osbourne: em 1982, Randy Rhoads contou por que não curtia Diary of a MadmanOzzy Osbourne
Em 1982, Randy Rhoads contou por que não curtia "Diary of a Madman"

Ozzy Osbourne: todas as faixas de abertura, da mais xarope para a mais legalOzzy Osbourne
Todas as faixas de abertura, da mais xarope para a mais legal

Ozzy Osbourne: Madman confirma que está trabalhando em novo álbum de estúdioOzzy Osbourne
Madman confirma que está trabalhando em novo álbum de estúdio


Ozzy Osbourne: nunca deixarei de ser o que souOzzy Osbourne
"nunca deixarei de ser o que sou"

Coisa de Nerd: Os 5 games mais TruesCoisa de Nerd
Os 5 games mais "Trues"


Heavy Metal: as 10 introduções mais matadoras do estiloHeavy Metal
As 10 introduções mais matadoras do estilo

James Hetfield: O equilíbrio entre Metallica e vida familiarJames Hetfield
O equilíbrio entre Metallica e vida familiar


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336 GooAdHor Goo336 Cli336 Goo336 Goo336 Cli336 Goo336