Rush: o segredo para durarem tanto sem mudar de formação, segundo Geddy Lee

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O Rush foi uma das bandas de rock com formação mais duradoura até hoje. O grupo foi criado em 1968, mas estabeleceu-se em 1974 com a configuração que trouxe Geddy Lee no vocal e baixo, Alex Lifeson na guitarra e Neil Peart na bateria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Peart, aliás, foi o último a entrar, na vaga deixada por John Rutsey. Desde então, o trio nunca mais se separou - até 2015, quando realizaram sua última turnê. O grupo não se apresentou mais, já que o baterista, com problemas físicos, optou por se aposentar da música. Ele acabou falecendo em 7 de janeiro de 2020, vítima de câncer no cérebro.

Como o Rush conseguiu ficar junto, por mais de 40 anos, sem mudanças de formação? Em entrevista ao National Post, Geddy Lee refletiu sobre o assunto e revelou qual é o maior segredo da longevidade na banda, em sua visão.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Sempre seguimos nosso próprio caminho, não tínhamos medo de rir de nós mesmos. Esse senso de humor foi, definitivamente, algo que achávamos que deveria estar presente em nossos shows", afirmou Lee, inicialmente.

O frontman do Rush completou: "Nós éramos amigos muito próximos. Alex e eu ainda somos. Acho que isso deixou muitos fãs impressionados. Pessoas gostam de ver casamentos e relacionamentos duradouros, pessoas que trabalham juntas sem acrimônia. Manter essa civilidade e amizade - acho que isso apelou às pessoas, pois todos desejam estar em uma situação assim".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda durante o bate-papo, Geddy Lee foi perguntado sobre seu único álbum solo, "My Favorite Headache" (2000), que foi relançado recentemente. "Tenho orgulho desse disco, é muito intrincado, profundo, e tem muito amor e paixão. Isso me fez pensar que eu gostaria de levar esse álbum para uma turnê algum dia, então, nunca se sabe, mas não tenho planos de fazer nada por agora. Não é o momento de planos", disse, em menção à pandemia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O músico destacou que segue tocando baixo regularmente "para manter os dedos ativos", mas não vai além. Todavia, ele complementa que o tempo "passa rápido demais". "Muita coisa aconteceu em minha vida e tenho sorte, mas não dá para ficar olhando para trás. Ainda tenho minha vida e coisas novas para fazer. Como um amigo costumava dizer, está na hora de cometer novos erros", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rush: Ouça o baixo isolado de Geddy Lee no clássico Tom SawyerRush
Ouça o baixo isolado de Geddy Lee no clássico "Tom Sawyer"

Rush: Geddy Lee explica por que eles não tem músicas inéditasRush
Geddy Lee explica por que eles não tem músicas inéditas

Neil Peart: eleito melhor músico Prog de todos os tempos em votação recordeNeil Peart
Eleito melhor músico Prog de todos os tempos em votação recorde

Rush: Uma das melhores biografia finalmente será lançada no Brasil

Rush: Geddy Lee escolhe melhor e pior álbum da bandaRush
Geddy Lee escolhe melhor e pior álbum da banda

Lars Ulrich: quem foi melhor, John Bonham ou Neil Peart?Lars Ulrich
Quem foi melhor, John Bonham ou Neil Peart?

Rush: em raras entrevistas, os 3 falam sobre a quase rejeitada Tom SawyerRush
Em raras entrevistas, os 3 falam sobre a quase rejeitada "Tom Sawyer"

Rush: A banda em 20 músicas definitivas segundo o site uDiscover MusicRush
A banda em 20 músicas definitivas segundo o site uDiscover Music

Rush: perfis da banda e de Geddy Lee homenageiam sorriso magnético de Neil PeartRush
Perfis da banda e de Geddy Lee homenageiam sorriso magnético de Neil Peart

Neil Peart: show-tributo será transmitido com Chad Smith, Mike Portnoy e maisNeil Peart
Show-tributo será transmitido com Chad Smith, Mike Portnoy e mais


Rush: Análise vocal de Geddy LeeRush
Análise vocal de Geddy Lee

Regis Tadeu: Cinco legados do gênio Neil Peart (vídeo)Regis Tadeu
Cinco legados do gênio Neil Peart (vídeo)


G.G. Allin: o extremo dos extremosG.G. Allin
O extremo dos extremos

Rob Halford: Ninguém escolhe ser GayRob Halford
"Ninguém escolhe ser Gay"


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Goo336 GooAdHor Cli336 Goo336 Goo336 Cli336