RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemCinco músicos que nunca voltarão para as bandas que os consagraram

imagemCinco curiosidades sobre "72 Seasons", o novo álbum do Metallica

imagemTitãs e o integrante que era visto como um líder mas saiu por estar em outra

imagemO dia que Cazuza pagou justo esporro para Sandra de Sá ao ver atitude da cantora em festa

imagemRingo Starr recorda assédio a Yoko Ono após assassinato de John Lennon

imagemLed Zeppelin e a fala que Robert Plant tem vergonha mas não tem como apagar da história

imagemO dia que Ozzy Osbourne perguntou se Rafael Bittencourt estava chapado

imagemMetallica: "A gente achava que essa coisa iria vazar. Não vazou, porra!"

imagemO motivo pelo qual Steven Tyler disse que "daria na cara" de Elvis Presley

imagemRafael Bittencourt revela qual será temática principal das letras do novo álbum do Angra

imagemBandas de rock que lançaram poucos discos, mas continuam fazendo muito sucesso

imagemMetallica anuncia novo álbum, "72 Seasons", nova turnê e libera uma música nova

imagemDe passagem por BH, David Vincent mostra seu reconhecimento pela Cogumelo Records

imagemMetallica anuncia turnê mundial com Pantera, Architects, Five Finger Death Punch e outros

imagemOzzy Osbourne: a chocante e nojenta cena mostrada no filme do Motley Crue


Stamp
Summer Breeze

Gary Moore queria se livrar da imagem de guitarrista de rock pesado nos anos 80

Por André Garcia
Postado em 03 de novembro de 2022

[an error occurred while processing this directive]

Gary Moore é lembrado como o maior guitar hero irlandês desde os anos 70, tanto por sua carreira solo quanto por suas passagens por uma das mais influentes bandas do hardão setentista: o Thin Lizzy.

Foto: Reprodução capa Wild Frontier
Foto: Reprodução capa Wild Frontier

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ele, que já havia tocado com Phil Lynott em uma banda chamada Skid Row (sem relação com a banda de Sebastian Bach e companhia), se juntou ao Thin Lizzy em 1974. No entanto, foi apenas para cobrir a saída de Eric Bell e concluir a turnê.

Em 1977, ele retornou quando Brian Robertson machucou a mão em uma briga de bar, mas recusou se tornar um membro permanente. Embora tenha gravado o bem-sucedido álbum "Black Rose: A Rock Legend", sua passagem acabou mal, com ele abandonando a banda no meio de uma turnê nos Estados Unidos.

Dessa forma, Moore chegou aos anos 80 conhecido como um guitar hero do rock pesado, imagem essa que, conforme entrevista disponível no YouTube, ele buscou desconstruir.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Entrevistadora: "Você diria que está se afastando cada vez mais da imagem de um guitar hero do rock pesado?"

Gary Moore: "Espero que sim [risos]!"

Entrevistadora: "Sério?"

Gary Moore: "Sim. Bem, essa coisa típica de guitar hero do heavy metal para mim é tão datada. Toda a ideia do típico cara no palco com um cabelo chegando no chão devorando as pessoas enquanto toca... isso não me atrai. Para mim o importante é a música, acho que tem muita banda de rock por aí precisando seguir em frente, ou então vão ficar entediados com isso. Acho que até o público vai ficar entediado de ouvir sempre a mesma coisa o tempo todo."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nos anos 80 Gary Moore ainda flertou com hard rock e heavy metal no álbum "Victims of the Future" (1983). Mas na maior parte da década ele deixou o som pauleira de lado para se focar em outras sonoridades, como baladas, blues, adult contemporary e até mesmo música celta, como no álbum "Wild Frontier" (1987).

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Siga Whiplash.Net: Facebook | Instagram | Twitter | YouTube

Receba as novidades do Whiplash.Net por WhatsApp


Samael Hypocrisy


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rory Gallagher fez Gary Moore acreditar que podia viver da carreira de guitarrista

Gary Moore sobre composição de "Still Got The Blues": "Simplesmente saiu!"

Gary Moore queria se livrar da imagem de guitarrista de rock pesado nos anos 80

A opinião do guitarrista Gary Moore sobre a queda do nu metal

Gary Moore: de Albert King, o melhor conselho sobre música que ele já recebeu

Helloween: "I Want Out" teria sido inspirada por Gary Moore?

Os 20 maiores solos de guitarra de todos os tempos, segundo os leitores da Guitar Player

Nightwish: Tarja Turunen fala sobre sua demissão da banda

Megadeth: os 10 bens mais preciosos de Dave Mustaine


Sobre André Garcia

Sou redator e tradutor freelancer e escritor, autor do livro de contos Liber IMP. Ouço rock desde pequeno, leio coisas sobre bandas desde sempre e escrevo sobre ela já tem anos. Cresci como fã de Iron Maiden e paladino do rock, mas já me tratei. Hoje sou fã de nomes como Beatles, David Bowie, The Cure, Kraftwerk e Velvet Underground, e de cenas como a Londres psicodélica, a Nova Iorque proto-punk e a Manchester pós-punk. Escrevo notas e notícias rápidas para o Whiplash.Net visando compartilhar conteúdo relevante sobre música e cultura pop.

Mais matérias de André Garcia.