Hangar: Leia entrevista ao site Road To Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Garcia, Fonte: site Road to Metal
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em entrevista ao site Road to Metal, o baterista e líder do Hangar Aquiles Priester comentou a respeito dos lançamentos da banda em 2016, o excelente "Stronger Than Ever", mais novo álbum do grupo, e o DVD "Live in Brusque", os quais receberam, segundo as palavras do mesmo (e opinião de muitos críticos e fãs também), a melhor produção que o Hangar já teve, com o CD sendo lançado na Europa e Japão.

Hangar: A história de um serial killer e os devaneios de sua menteGuitar World: revista elege os 50 guitarristas mais rápidos

Porém, nem tudo são flores, pois apesar da qualidade de composição e de produção, o retorno foi aquém do esperado, com o grupo praticamente não fazendo shows após o da gravação do DVD, e a expectativa de uma tour não foi concretizada até o momento, trazendo certa decepção para Aquiles e seu companheiros.

Confira alguns trechos da entrevista:

RtM: Falando sobre o DVD "Live in Brusque", como que foi que surgiu essa oportunidade, que viabilizou finalmente o tão esperado DVD "plugado"? Vejo também que vocês, que sempre primaram pela qualidade, esperaram a oportunidade com paciência, para que tivessem condições que permitissem lançar um produto de alto nível. Teve outros fatores mais que tenham impedido desse DVD ter saído antes? Pessoalmente, eu acho que esse DVD veio em um excelente momento, vocês tendo um grande álbum como "Stronger Than Ever" recém lançado.

AP - Precisávamos de uma estrutura como a que nos foi oferecida pela Secretaria de Cultura de Brusque para nos motivarmos. Na verdade a gente achava que o CD e o DVD lançados num espaço curto de tempo iria nos dar maior exposição e com isso viriam as possibilidades de mais shows e consequentemente uma tour propriamente dita, mas não aconteceu isso.

RtM: O DVD foi lançado oficialmente esta semana na Expo Music. Conte um pouco como foram as primeiras reações do pessoal que pode conferir o trabalho, e como você está sentindo a repercussão nestes primeiros dias.

AP - As vendas foram muito boas para um lançamento dentro do nosso estilo na atual situação financeira do Brasil. As pessoas estão comentando sobre a qualidade do DVD e principalmente sobre a boa escolha do repertório. Infelizmente na hora do show tivemos que cortar as músicas, "Dreaming of Black Waves", "Let me Know Who I Am" e "Some Light to Find my Way", pois a polícia já estava na área e o show atrasou 20 minutos para começar por problemas técnicos e isso custou a execução dessas três músicas para a banda. Com elas, o repertório ficaria ainda mais completo e perfeito.

RtM: O álbum "Stronger Than Ever" sairá também em alguns países da Europa e no Japão. E para o DVD? Você já tem algum contato a respeito? E como está a repercussão lá fora? Você está vendo chances concretas da banda tocar em algum desses países também?

AP - Se no Brasil está difícil, imagina fora do País onde a banda não é conhecida? Nada de concreto no momento.

RtM: Uma questão que vi que você comentou na mídia especializada, é que parece que muitos tem medo de dar o devido valor a um trabalho de banda nacional, e muitas vezes vemos trabalhos medianos de bandas do exterior que possuem um selo de maior porte por trás, uma divulgação maior, recebendo mais atenção e melhores notas. Gostaria que você comentasse mais a respeito, e se isso, uma quase "síndrome de vira-lata" por parte de imprensa e de artistas, é um dos fatores que impedem a nossa cena nacional de ter maior repercussão e retorno?

AP - Se o "Stronger than Ever" fosse de uma banda internacional, com certeza o resultado seria outro. Mas a gente não vai ficar só reclamando da cena que não existe. Estamos fazendo a nossa parte, mas se a gente não conseguir ver que existe mercado num futuro próximo, é muito pouco provável que a gente lance qualquer coisa nova. Esse será o legado da banda.

RtM: Aproveitando toda essa bagagem que você reuniu tocando com diversos músicos e bandas, em vários cantos do mundo, como você vê o mercado para o Metal hoje, principalmente aqui no Brasil, e o que seriam para você características imprescindíveis para ter um destaque no cenário e uma longevidade?

AP - Não existe mais esse cenário no Brasil. Eu consigo manter uma boa agenda de workshops o ano todo, mas shows não estão acontecendo, pois a crise afetou tudo e todo mundo corta em primeiro lugar o entretenimento. Nós estamos sofrendo por ter lançado um CD de um DVD e agora não conseguimos aproveitar a novidade desse material e poder tocar ao vivo.

Confira a entrevista na íntegra no link abaixo, no site Road to Metal:

http://roadtometal.com.br/2016/12/hangar-e-preciso-ser-mais-...

Comente: Você concorda que não existe de fato uma "cena metal" no Brasil?




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Hangar"Todas as matérias sobre "Aquiles Priester"


Hangar: A história de um serial killer e os devaneios de sua mente

Aquiles Priester: vídeo mostrando um resumo de toda sua carreiraAquiles Priester
Vídeo mostrando um resumo de toda sua carreira

Aquiles Priester: 50 discos essenciais na vida do bateristaAquiles Priester
50 discos essenciais na vida do baterista

Aquiles Priester: Leitura obrigatória para quem curte músicaAquiles Priester
Leitura obrigatória para quem curte música


Guitar World: revista elege os 50 guitarristas mais rápidosGuitar World
Revista elege os 50 guitarristas mais rápidos

Top 5 Pantera: About.com elege os cinco melhores álbuns da bandaTop 5 Pantera
About.com elege os cinco melhores álbuns da banda

Olavo de Carvalho: Segundo ele, o Heavy Metal emburreceOlavo de Carvalho
Segundo ele, o Heavy Metal emburrece

David Bowie: a última foto pública e a última foto privadaDavid Bowie
A última foto pública e a última foto privada

Chris Cornell: relatório policial descreve últimas horas e morteChris Cornell
Relatório policial descreve últimas horas e morte

Golpe Baixo: Queen + Adam Lambert ao som de Robocop GayGolpe Baixo
Queen + Adam Lambert ao som de "Robocop Gay"

Steve Vai: Kurt Cobain foi um mestre na guitarraSteve Vai
Kurt Cobain foi um mestre na guitarra


Sobre Carlos Garcia

Antes de tudo sou um colecionador, que começou a cair de cabeça no Metal e Classic Rock quando o Kiss esteve no Brasil em 1983, a partir daí não parei mais. Criei fanzines, como o Zine Barulho, além de colaborar com outros zines e depois web zines e sites, como os saudosos Metal Attack e All the Bangers. Atualmente sou um dos editores e redator do Road to Metal. O melhor de tudo são as amizades que fazemos, além do contato e até amizade com alguns de nossos heróis.

Mais matérias de Carlos Garcia no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336