Finally Doomsday: um cara sem ego, exceção entre bandas gringas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renato Sanson, Fonte: Heavy And Hell Press, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Prestes a abrir o show do TOXIC HOLOCAUST em São Leopoldo/RS, conversamos com o baterista do tanque de guerra FINALLY DOOMSDAY. Para quem não conhece Márcio Jameson é o idealizador do FD, além de já ter tocado com Bestial e Hateworks e ser proprietário de uma das lojas mais conceituadas do Rock/Metal no Rio Grande do Sul, a Aplace Artigos de Rock.

Megadeth: Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu GomesHumor: oito razões pra dormir com um baterista

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Nesse papo intimista Márcio fala das influencias da banda, planos futuros e o que podemos esperar do show ao lado do TOXIC HOLOCAUST.

Confira agora mesmo:

O Finally Doomsday é formado por grandes nomes do Metal (Sebastian Carsin (Ossuary) e Flávio Soares (Leviaethan)) e com influencias distintas. Como surgiu este projeto?

Márcio Jameson: Acho que o projeto nasceu por minha vontade e do Seba Carsin (Ossuary) de mesmo sem tempo, continuar a fazer o que sempre fizemos em nossas vidas, música extrema underground, como já tocamos em bandas anteriormente que faziam turnês, tinham uma agenda cheia, e todas as preocupações que são típicas de uma banda, queríamos algo despretensioso e sem compromisso, só fazer música pelo prazer de fazer música, nada de estratégias de dominação hehehe! Assim funciona o FD, inclusive no som, começamos a compor e as duas primeiras músicas saiu isso aí, um Death Metal Hardcore, ou sei lá o que, a gente só faz o som, não temos rótulo, a maioria chamou de Death/Grind, por mim... Pode ter Doom no meio, Grind, o espírito é fazer o som e tocar pouco, no intervalo de nossos trampos com o estúdio Hurricane, a loja Aplace e nossas famílias, que toma a maior parte de nosso tempo.

Logo quando foi formada em 2010 automaticamente já foi lançada a primeira demo "Post Nuclear Armageddon", como foi o processo de gravação da mesma, o saldo final foi satisfatório? E teremos algum material novo da FD em breve?

Márcio Jameson: A produção ficou por conta do Sebastian no Hurricane, fizemos tudo como deve ser com amplis tinindo, batera valendo, só optamos por descartar qualquer perfeccionismo, gravamos a moda old school, sem metrônomo, tudo valendo, takes quase de primeira, mixagem em um dia, preferimos deixar um som bem apocalíptico, acho que os timbres passam isso, e ouvindo com um mínimo de atenção, percebesse o clima de ao vivo, percebesse até alguma ou outra imperfeição, mas tudo foi feito de forma muito honesta. Mesmo assim sempre aparece um filho da puta pra perguntar se a caixa foi acelerada no computador. O plano é gravar um disco inteiro, talvez saia logo, talvez não saia nunca! Hehehe, vai saber...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em outubro vocês farão a abertura do show dos americanos do Toxic Holocaust. Qual a expectativa de tocarem com um dos grandes nomes do estilo atualmente?

Márcio Jameson: Tocar com esses caras vai ser bem legal, porque tanto o nosso estilo quanto o deles, é bem na vibe "united forces" como diria o S.O.D. Mais os thrashers do Decimator, vai ser um tal de punks, headbangers... Acho que vai ser bom, além do mais é sabido que o Joãozinho Grind é um cara sem ego, meio que uma exceção entre as bandas gringas, a maioria a gente não deve mostrar muito os dentes, mas o TH eu sei que são diferentes.

E como surgiu o convite para tal oportunidade?

Márcio Jameson: O convite acho que foi meio por acaso, como a Aplace iria vender ingressos, e o Finally Doomsday faz pouquíssimos shows, o Leonardo comentou que seria legal, aí como já disse antes, achamos legal as bandas terem algumas similaridades, e aceitamos com muito gosto.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O cenário nacional vem sendo consumido por shows gringos e muitas bandas locais não recebem a oportunidade de abrirem os eventos. Porém essa união da MAKBO Produções e Storm Festival está mudando o rumo das coisas, pois seus eventos sempre contam com bandas locais, valorizando de fato o que é do Brasil. O que vocês pensam a respeito?

Márcio Jameson: Cara, como já estamos há tantos anos nesse querido underground, nem esperamos mais boa coisa, mas no caso deles, eu trampei lá no show do Deicide e fiquei bem impressionado, organização, equipamentos, tratamento das bandas locais, tem muita gente por aí que deveria aprender com eles.

O que podemos esperar da FD no show ao lado do Toxic Holocaust?

Márcio Jameson: Podem esperar a detonação de um show nível colete de patches, cintos de bala! A gente demora a ligar o tanque, mas quando liga é pra meter ele na guerra!

Para finalizar contem-nos quais são as principais influencias da banda e quais os planos para 2015.

Márcio Jameson: Nossas influências acho que é tudo que vemos acontecendo nesse mundo de merda junto com tudo que ouvimos desde o final dos anos oitenta, miséria, devastação do meio ambiente, degradação da raça humana, intolerâncias, corrupção, violência, só coisinha boa junto com Napalm Death, Terrorizer, Bolt Thrower, GBH, Venom, Motörhead, Death, DRI, Suffocation, RDP, Nasum, Exploited, Carcass, e todo tipo de Thrash, HC, Death Metal, Punk, se ficar citando influência vamos até amanhã. Em 2015 faço promessa de político que teremos um disco completo lançado! Valeu a força de todos, e fico ao som do Defecation!!!

https://www.facebook.com/pages/Finally-Doomsday/179583072111999?fref=ts

http://www.myspace.com/finallydoomsday




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Finally Doomsday"


Megadeth: Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu GomesMegadeth
Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu Gomes

Humor: oito razões pra dormir com um bateristaHumor
Oito razões pra dormir com um baterista


Sobre Renato Sanson

Renato Sanson é gaúcho, dono do blog Heavy And Hell, redator e editor do site Road to Metal, fãnatico por Iron Maiden e também fãnatico por Thrash Metal, dentre suas atividades já foi colaborador do site Arena Heavy e vem somando em seu currículo diversas entrevistas internacionais e nacionais e com um objetivo trassado, unir o Metal nacional e mostrar a todos que temos a melhor cena do mundo. Siga Renato Sanson no Twitter: @RenatoSanson e conheça seus dois veículos de comunicação: Heavy And Hell / Road to Metal.

Mais matérias de Renato Sanson no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280