Ratos de Porão: entrevista curta com João Gordo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A., Fonte: Som Extremo
Enviar correções  |  Comentários  | 


JOÃO GORDO. Todo mundo que conhece o lendário vocalista do RATOS DE PORÃO sabe das loucuras pelas quais já passou e tudo mais. Mas o tempo voa, e agora, tornou-se um pai de família e tanto. É nesse clima que o músico concedeu uma entrevista por e-mail ao Som Extremo, em que falou da esposa e filhos, letras de música, o reconhecimento da banda lá fora, seu futuro e o do RDP, entre outros assuntos. É claro que o cara não poderia deixar de lado suas críticas ácidas, brincadeiras e ironias. E a entrevista foi como a música do Ratos: curta, direta e agressiva.
337 acessosPanelaço do João Gordo: tortilha espanhola com Sorin e chef Diana5000 acessosTrues quase infartaram: Obituary mitou ao lado de Joelma e Chimbinha

Som Extremo: Como foi a recente turnê pela Europa?
JOÃO GORDO: Foi lindo! Tocar com o Voivod no Barroselas, em Portugal, já valeu o rolê todo!

Som Extremo: Casado e pai de família, o que mudou no seu jeito de compor, e mesmo ver a vida?
JOÃO GORDO: Quando se tem família e filhos sob sua responsabilidade e não se é um canalha, você tem que passar por cima de uma pá de convicções que, a essa altura do campeonato, está cagando e andando. Na minha cabeça de meio século de vida, o que interessa é que meus filhos, eu, minha esposa e meus cachorros tenham uma vida tranquila. Se você nega isso a eles por ideologia barata, é egoísmo e você pode se arrepender amargamente no futuro. Apesar dessa “caretiada” geral, meu modo ácido de ver a vida continua o mesmo.

Som Extremo: Na época do lançamento do álbum “Just Another Crime... in Massacreland”, você disse que “Suposicollor” era sua letra mais forte. Alguma outra já superou essa?
JOÃO GORDO: Tenho muitas letras boas e outras tantas bem idiotas também. Letras como “Testemunhas do Apocalipse”, “Pedofilia Santa”, e as três do SPLIT novo são bem interessantes e mostram bem o “modus operandis” do meu pensar.

Som Extremo: Em 2011, a RDP está fazendo 30 anos. Como será a comemoração?
JOÃO GORDO: Talvez um showzinho de merda qualquer.

Som Extremo: “Guidable” saiu no ano passado. De lá para cá, além do lançamento do DVD “Ao vivo no Circo Voador” e do split com a banda Looking for an Answer, houve mais algum fato que já mereceria estar em um novo capítulo da “Verdadeira História do RATOS DE PORÃO”?
JOÃO GORDO: Nada muito interessante. Bom, o fato de eu ter parado de fumar maconha depois de mais de 30 anos de fumaceira ininterrupta é digno de um novo capitulo no DVD.

Som Extremo: E falando no split, o RDP talvez tenha registrado nele suas músicas mais violentas da carreira, com levadas menos punk e mais crust/hardcore. Concorda? A intenção era só fazer sons porrada, ou tudo saiu naturalmente?
JOÃO GORDO: É tudo muito natural, quase natureba... temos dificuldade para fazer o próximo LP. Queria fazer grind, mas não conseguimos tocar isso.

Som Extremo: O reconhecimento de vocês lá fora, especialmente na Europa, parece ser até maior do que aqui no Brasil. Afinal de contas, a que você acha que isso se deve?
JOÃO GORDO: “Casa de espeto, ferreiro de pau”... somos gigantes em países de língua latina. Portugal é foda. Cantamos na língua deles. Somos deuses. Na Espanha, França, ou na Itália, nego me reconhece na rua. No Leste europeu, puta público foda! No México e América “Latrina” também. Aqui é uma bosta. Temos nossos fãs, mas nego quer nos ver pelas costas... estou acostumado.

Som Extremo: O que vem pela frente com o RDP, além da comemoração das três décadas?
JOÃO GORDO: Sei lá... talvez uma hérnia de disco, um esporão calcâneo ou uma bursite.

Som Extremo: Você faz parte do elenco de “Legendários”. Até que ponto conseguiu levar sua influência como músico para o programa de TV, e vice-versa?
JOÃO GORDO: É como óleo e água: são duas coisas completamente diferentes que não se misturam. Estou lá com a cara de pau mais deslavada do mundo e foda-se. Enquanto estiver fácil e lucrativo, estamos aí. Vamos ver até onde vai isso.

Som Extremo: Sua carreira na TV começou de forma não planejada, mas deu muito certo. Se você não cantasse no RDP e nem fosse apresentador, que profissão acha que teria hoje?
JOÃO GORDO: Talvez teria embarcado dessa, de tão gordo, ou na cracolândia como farrapo humano. Talvez seria PM... quem sabe torneiro mecânico, que é minha profissão. Vai saber.

Som Extremo: Como você se vê daqui uns 20 anos?
JOÃO GORDO: TIOZASSO!!! Será que chego aos 70?????

Som Extremo: Uma tarefa difícil: consegue fazer um top 5 de seus álbuns favoritos?
JOÃO GORDO: SLAYER - RAINING BLOOD
RAMONES - ROCKET TO RUSSIA
KISS – DESTROYER
AC/DC - LET THERE BE ROCK
NAPALM DEATH - SCUM

Som Extremo: João, o blog Som Extremo agradece imensamente a entrevista. Deixe um xingamento final para os fãs, pode ser?
JOÃO GORDO: BARULHO, PORRAAAAAAAAA!!!!!!

http://www.myspace.com/ratos
http://www.ratosdeporao.com

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Heavy MetalHeavy Metal
As dez melhores bandas sul-americanas do gênero

337 acessosPanelaço do João Gordo: tortilha espanhola com Sorin e chef Diana426 acessosRatos de Porão: "Onisciente Coletivo" sairá em box set vinil 4x7"183 acessosPanelaço do João Gordo: Baião de dois com Nina Rosa e Alan Chaves644 acessosRatos de Porão: veja making of do inédito DVD de 30 Anos da banda417 acessosPanelaço do João Gordo: Jaca atolada com Ice Blue0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ratos De Porao"

Ratos x MaidenRatos x Maiden
Resposta de Jão à entrevista de Bruce Dickinson

Ratos de PorãoRatos de Porão
Jão desmente informação da Veja

NirvanaNirvana
"O show no Brasil foi uma merda, e a culpa é minha"

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Ratos De Porao"

Trues quase infartaramTrues quase infartaram
Obituary mitou ao lado de Joelma e Chimbinha

Bandas extremasBandas extremas
10 álbuns que causaram surpresa

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi explica a diferença entre Dio e Ozzy Osbourne

5000 acessosMulheres no Rock: as mais importantes segundo rádio inglesa5000 acessosRatos de Porão: O elogio de João Gordo aos garotos do Restart5000 acessosMetal: nomes do gênero que assumiram ser cristãos5000 acessosBlack e Death Metal: foto inspira criação de logotipos de bandas5000 acessosZakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músico5000 acessosJeff Hanneman: A experiência com cocaína do lendário guitarrista

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online