Marilyn Manson: "acredito na espiritualidade e em um Deus"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por José Leonardo, Fonte: Mansombr, Tradução
Enviar Correções  

A nota abaixo foi publicada originalmente no Noisecreep:

Taylander8: O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)Metallica: os fantasticos carros de James Hetfield

MARILYN MANSON estava em um hotel de Hollywood – o Sunset Marquis, caso você seja um GPS humano querendo saber seu paradeiro há algumas semanas atrás – quando ele reservou algum tempo para uma entrevista ao site Noisecreep. Na verdade, ele estava tocando piano, e disse, "Eu quero tocar melhor do que isso ou tocar como Billy Joel ou Elton John. Apenas vou fazer soar assustador."

Manson realmente falou um bocado, mas e daí? Ele pode; como o moderno rei do Shock Rock, o novo Alice Cooper, com um toque muito mais perverso. Mas Mr Manson foi, decididamente, maduro enquanto falava sobre seu novo álbum "The High End of Low." Sua leveza de humor foi sem dúvida reforçada pelo seu trabalho com os dois velhos e grandes amigos.

"Chris Vrenna foi o terceiro elemento no álbum", disse Marilyn Manson ao Noisecreep, referindo-se ao seu tecladista. "Ele interpretou o papel do maduro e ajudou a desenrolar o caos de nós dois", Esse "nós dois", Manson está se referindo a ele mesmo e seu velho amigo, o baixista Twiggy Ramirez, que retornou à família Manson para o novo álbum, que foi um esforço sistemático para o cantor. "As músicas aparecem na ordem na qual eu as cantei, e elas ganham força com sarcasmo, comigo recuperando a minha personalidade, tornando-me amargo e, em seguida, confiante" Manson revelou.

"Qualquer pessoa que ouvir o álbum pode relacionar-se, desde que eu não quis um álbum sobre os meus problemas apenas e como eu os encaro. Pessoas podem se relacionar com essas músicas, que é o que eu amo em outros artistas que fizeram meus álbuns favoritos, como ‘Diamond Dogs’ [David Bowie] ou ‘Wish You Were Here.’ [Pink Floyd]

Manson também fez outra chocante reclamação – ele afirmou que ele acredita em espiritualidade, ou pelo menos a noção de espiritualidade! "Eu sei que conservadores censuraram a palavra ‘God’ (Deus) em ‘Goddamn’" (maldito) Manson ri. "Nós ainda somos controlados pela religião em uma época atéia. Eu compreendo que esta afirmação que fiz vem de alguém que é visto como imoral e Satânico, mas eu acredito na espiritualidade e em um Deus."



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Taylander8: O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)Taylander8
O triste fim do polêmico Marilyn Manson (vídeo)


Marilyn Manson: The Beautiful People ao vivo com Johnny DeppMarilyn Manson
"The Beautiful People" ao vivo com Johnny Depp

Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo


Metallica: os fantasticos carros de James HetfieldMetallica
Os fantasticos carros de James Hetfield

Memoráveis como a música: os 25 melhores logos de bandasMemoráveis como a música
Os 25 melhores logos de bandas


Sobre José Leonardo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin