Black Sabbath: Tony Iommi é entrevistado pela Guitar World

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Rívia Coimbra, Fonte: Guitar World, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Chris Gill, da Guitar World, conduziu uma entrevista com Tony Iommi, guitarrista do BLACK SABBATH, que foi utilizada como matéria de capa para a publicação da edição comemorativa da revista.

238 acessosBlack Sabbath: a segunda parte da história por Gastão e Clemente5000 acessosIron Maiden: conheça parte da equipe e dos parentes

Guitar World: Quantos anos você tinha quando começou a tocar?

Iommi: "Eu tinha cerca de 12 anos. Eu tocava acordeão antes disso. Todos na minha família tocavam acordeão, então eu ganhei um também. Naqueles tempos você simplesmente sentava no seu quarto e não sabia o que fazer, então eu aprendi a tocar acordeão. Daí eu migrei para instrumentos diferentes, e eventualmente eu descobri a guitarra".

Guitar World: Foi um desafio encontrar uma guitarra decente para canhoto?

Iommi: "Era um desafio achar qualquer guitarra decente, independente de ser para canhoto. Na Inglaterra, as únicas que você conseguia achar eram muito baratas. Se você quisesse uma guitarra para canhotos, você tinha que encomendar de um catálogo e esperar três meses para que ela aparecesse. Poucos anos depois que eu comecei a tocar, eu fui sortudo o suficiente para cruzar com uma Fender Stratocaster para canhotos que uma pessoa que trabalhava em uma loja descolou e depois me contou sobre ela".

Guitar World: É fascinante como o acidente na fábrica te levou a aumentar a distorção da sua guitarra para que ficasse mais confortável para tocar, mas ao mesmo tempo também fez com o que você tocasse na guitarra soasse mais pesado.

Iommi: "Tudo o que eu fiz foi tornar mais confortável pra mim, em primeiro e último lugar. Eu costumava me machucar bastante, porque as pontas dos meus dedos eram muito sensíveis. Se meus dedais de plásticos caíssem, o que aconteceu uma vez, meus dedos se cortavam nas cordas e era sangue para todos os lados. Eu realmente tive que trabalhar com os recursos da minha guitarra para conseguir tocar. Havia algumas limitações, mas eu tinha que tentar superá-las. E assim eu testei todas as outras coisas, tais como guitarra de 24 trastes e cordas mais leves, para que eu pudesse fazer mais. Mas isso realmente nos ajudou a criar o som que queríamos".

A matéria completa (em inglês) está no link abaixo.

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

EstreiasEstreias
20 ótimas músicas que abrem discografias

238 acessosBlack Sabbath: a segunda parte da história por Gastão e Clemente502 acessosShow do Tiago: o chimarrão do Black Sabbath251 acessosBlend Guitar: em vídeo, Top 10 Heavy Metal Bands2467 acessosZakk Sabbath: banda de Zakk Wylde lança EP em junho0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Metal HammerMetal Hammer
As dez piores capas de 2012 eleitas pela revista

Dimebag DarrellDimebag Darrell
Em 1993, citando suas 12 músicas favoritas

Bill WardBill Ward
Baterista original do Sabbath se declara fã do Krisiun

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Entrevistas0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"

Iron MaidenIron Maiden
Conheça a equipe e família que viaja com a banda

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Ainda sentindo os efeitos do excesso de LSD?

Guns N RosesGuns N' Roses
Em vídeo, o momento em que Steven Adler tem que sair do palco

5000 acessosIron Maiden: as 20 melhores músicas da "Era de Ouro"5000 acessosDuff McKagan: "Justin Bieber é um roqueiro de verdade!"5000 acessosA história do thrash metal contada pelos próprios músicos5000 acessosNightwish: "Floor é uma profissional de alto nível"5000 acessosGN'R: Site diz que Axl já recusou centenas de milhões por reunião5000 acessosStone Temple Pilots: as dez mais de Scott Weiland

Sobre Rívia Coimbra

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Mais matérias de Rívia Coimbra no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online