The Who: Townshend assume ter copiado movimento giratório de Keith Richards

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Leonardo Daniel Tavares da Silva, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar Correções  

Pete Townshend é inegavelmente um dos mais dinâmicos performers do rock. O guitarrista do THE WHO tem sido sempre notável por sua enérgica presença de palco, particularmente por seu movimento característico "windmill", que consiste em Townshend girando seu braço antes de atacar poderosamente para soar acordes poderosos em sua guitarra. Em uma entrevista com David Letterman, o músico diz que o movimento que é sua marca registrada foi inspirado pelo colega também ícone do rock Keith Richards.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"O THE WHO abriu para os STONES em dois shows", disse Townshend. "Eles eram jovens, eles eram novos em folha e eles tinham um hit, com uma canção do CHUCK BERRY chamada ‘Come On’. Eu os encontrei antes no palco e eles eram todos muito charmosos.

"Quando as cortinas abriram, Keith Richards estava fazendo isso", o guitarrista relata, ficando em pé e fazendo o movimento do windmill. "Eu estava pensando: ‘Uau, que manero!’ Eu pensei que era parte das coisas dele. Algumas semanas depois, nós abrimos pra eles outra vez em um clube ao sul de Londres. Eu reparei novamente cuidadosamente, esperando, e ele não fez aquilo".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Intrigado, o jovem Townshend perguntou ao guitarrista dos STONES por que ele não fez o moinho de vento. "Ele disse: 'O quê?'", Lembra Townshend. "Eu não posso te dizer o que exatamente o que ele disse, mas a inferência foi: 'Eu sou Keith Richards. Você realmente acha que eu vou fazer balé? "Essa foi a inferência."

É claro, isso pegou tão bem para Townshend, que passou a fazer do movimento sua característica de vez. O guitarrista está agora fazendo seu moinho de vento por todos os Estados Unidos na turnê ‘Quadrophenia and More’ com o THE WHO, e acabou de lançar sua autobiografia, entitulada ‘Who Am I’ (Quem sou eu).




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metallica: a lista de exigências da banda em 1983Metallica
A lista de exigências da banda em 1983

Zakk Wylde: foto do arsenal de guitarras do músicoZakk Wylde
Foto do arsenal de guitarras do músico


Sobre Leonardo Daniel Tavares da Silva

Daniel Tavares nasceu quando as melhores bandas estavam sobre a Terra (os anos 70), não sabe tocar nenhum instrumento (com exceção de batucar os dedos na mesa do computador ou os pés no chão) e nem sabe que a próxima nota depois do Dó é o Ré, mas é consumidor voraz de música desde quando o cão era menino. Quando adolescente, voltava a pé da escola, economizando o dinheiro para comprar fitas e gravar nelas os seus discos favoritos de metal. Aprendeu a falar inglês pra saber o que o Axl Rose dizia quando sua banda era boa. Gosta de falar dos discos que escuta e procura em seus textos apoiar a cena musical de Fortaleza, cidade onde mora. É apaixonado pela Sílvia Amora (com quem casou após levar fora dela por 13 anos) e pai do João Daniel, de 1 ano (que gosta de dormir ouvindo Iron Maiden).

Mais matérias de Leonardo Daniel Tavares da Silva no Whiplash.Net.

Goo336 Goo336 CliIL