[an error occurred while processing this directive]

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Avalon: trilogia de Timo Tolkki se encerra com seu melhor álbum

Resenha - Return to Eden - Avalon

Por Victor de Andrade Lopes
Postado em 24 de julho de 2019

Nota: 8

Foi cheio de preconceitos que eu recebi a notícia de que Timo Tolkki, lendário guitarrista finlandês com passagens pelo Stratovarius, pelo Symfonia e pelo Revolution Renaissance, saiu repentinamente de seu novo isolamento para lançar a terceira e última parte de sua metal opera, Avalon.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Afinal, após dois álbuns medianos (The Land of New Hope e Angels of the Apocalypse), não havia motivos para esperar que Return to Eden, a terceira e última parte da trilogia que vem sendo lançada de trás pra frente em termos cronológicos, fosse superar suas duas antecessoras. Especialmente diante de um time de convidados que pouco impressiona.

Mas... Timo conseguiu o "inconseguível" e pariu o melhor disco do Avalon. Eu diria que a combinação dos sonhos seria a força e a inspiração deste trabalho somadas ao time de estrelas do The Land of New Hope.

Não que os convidados de Return to Eden façam feio. Não são estrelas consagradas, mas com certeza têm bagagem para merecer um espaço aqui. Estamos falando, no caso, de Anneke Van Giersbergen (The Gathering, The Gentle Storm), Eduard Hovinga (Elegy), Mariangela Demurtas (Tristania), Todd Michael Hall (Riot V) e Zachary Stevens (Savatage).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O álbum já começa a milhão com "Promises" (se não contarmos a abertura "Enlighten") e logo nos leva à faixa título, que já entrega aqueles elementos folk que toda metal opera costuma trazer. "Hear My Call" permite a Anekke van Giersbergen fazer o que faz de melhor: arrepiar-nos com sua voz penetrante. O mesmo acontece em "We Are the Ones", na qual ela retorna para sua segunda e última participação.

A velocidade e agressividade que se espera de um lançamento de power metal de grosso calibre voltam, em menor e maior grau, em peças como "Now and Forever", "Limits", "Give Me Hope" e "Guiding Star"; estas contrastam com momentos mais esquecíveis como "Miles Away" e "Wasted Dreams". Há de se mencionar também a balada "Godsend", que recebeu uma poderosa versão orquestral como faixa bônus da edição japonesa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quanto à equipe instrumental, temos uma trupe de ilustríssimos desconhecidos. Além de Timo comandando as guitarras e o baixo (como sempre), temos Andrea Buratto (Eternal Idol, Hell in the Club, Secret Sphere) como segundo baixista (embora mal se dê para notar o baixo principal, imagine um adicional) e Aldo Lonobile (Death SS, Edge of Forever, Secret Sphere) e Santtu Lehtiniemi como guitarristas adicionais - embora seja difícil perceber que três guitarristas passaram por aqui.

Completam o time o tecladista Antonio Agate (Odd Dimension, Secret Sphere; este sim com papel mais proeminente), o baterista e tecladista Giulio Capone (5th Element, Asidie, Betoken, Moonlight Haze) e o baterista Jami Huovinen (Allen - Lande, Ring of Fire, Sentiment, Chaos Magic).

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Não dá para passar panos quentes na história do Avalon e fingir que a trilogia como um todo não ficou muito aquém do que se esperava dela, considerando os músicos envolvidos desde o início. Mas colocar este disco no topo do pódio das três obras que compõem a história criada por Timo chega a ser praticamente uma obrigação, dada a qualidade e a força de composição que nos é apresentada, mesmo com um time de semi-estrelas. Não queria repetir um clichê que já usei em outras resenhas por aqui, mas... às vezes, menos pode ser mais.

Abaixo, o vídeo de "Promises":

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Track-list:
1. "Enlighten"
2. "Promises"
3. "Return to Eden"
4. "Hear My Call"
5. "Now and Forever"
6. "Miles Away"
7. "Limits"
8. "We Are the Ones"
9. "Godsend"
10. "Give Me Hope"
11. "Wasted Dreams"
12. "Guiding Star"
13. "Godsend (Orchestral Version)" (faixa bônus da edição japonesa)

Fonte: Sinfonia de Ideias
http://bit.ly/timotolkkisavalon

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Sentença de Morte: Death Metal para quem curte Death Metal bem executado

Triumph Of Death, projeto de Tom Warrior, resgata ao vivo parte do passado do Hellhammer

Spiritual Cramp acerta a fórmula, mas álbum satura em 26 minutos

Estreia do Superbloom traz de volta o grunge protagonista dos anos 1990

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Death Magnetic - Metallica


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 77507/SP) formado pela PUC-SP com extensões em Introdução à História da Música e Arte Como Interpretação do Brasil, ambas pela FESPSP, e estudante de Sistemas para Internet na FATEC de Carapicuíba, onde mora. É também membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e responsável pelo blog Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cultura pop, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados e misturas. Toca piano e teclado nas horas livres.
Mais matérias de Victor de Andrade Lopes.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS