Matérias Mais Lidas

imagemOzzy Osbourne é visto caminhando com dificuldade ao sair de estúdio

imagemA simpatia de James Hetfield ao conversar com pais de bebê que nasceu durante show

imagemMalmsteen ameaça cancelar show por que vocalista Jeff Scott Soto estava no local

imagemComo Max Cavalera aprendeu inglês tendo abandonado a escola aos 12 anos de idade

imagemJonathan Davis, do Korn, explica qual seu problema com o Cristianismo

imagemConfira as músicas que o Iron Maiden está ensaiando para turnê que passa pelo Brasil

imagemMetallica faz doação para complexo de saúde e educação em Curitiba

imagemVocalista do Gwar diz que integrantes do Maiden são "um bando de velhas britânicas"

imagemNovo álbum de Ozzy será lançado em setembro, de acordo com Sharon Osbourne

imagemFoto feita após fim da turnê mostra todos do Ghost sem máscaras, incluindo "Ghoulettes"

imagemLuciano Hang processa vocal do Fresno e quer indenização de R$ 100 mil por danos morais

imagemGuitarrista diz que não entrou na banda de Ozzy por não ter cabelo loiro

imagemMalmsteen diz que Jeff Scott Soto foi expulso de seu show porque não pagou entrada

imagemAdrian Smith e a volta ao Maiden: "queriam o Bruce e já tinham dois guitarristas"

imagemGrave Digger: veteranos do metal em clipe com cavaleiro templário e capirota


PRB

Bloodwork: retorno esporrento dos mestres do goregrind nacional

Resenha - Feed On The Dead - Bloodwork

Por Fabio Pitombeira
Em 22/11/17

Nota: 9

O BLOODWORK já tinha chamado a atenção da cena com o seu debut álbum, principalmente por conta das letras que, de tão esporrentas e sujas, se tornaram divertidas ao extremo, mais ou menos o que o Cannibal Corpse compunha no seu início de carreira, na fase Chris Barnes.

Neste "Feed Of The Dead" a porradaria continua a mesma, sendo que a produção ficou muito melhor definida do que a do seu antecessor. Ouvir músicas como "Raped By Pigs", "Your Dildo Is A Pieace Of Leg" e "Taste My Dick Cheese", todas soando extremamente bem definidas é de se aplaudir de pé, porque a afinação baixa, se não for bem trabalhada na pós produção, pode vir a transformar tudo em uma maçaroca sonora inaudível.

Partindo dai, o único defeito que continua persistindo nos trabalhos do BLOODWORK é a curta duração dos mesmos. Neste aqui, quando o ouvinte ainda está comprando a ideia do material, após "Chainsaw Masturbation", o disco acaba de forma abrupta, o que acaba forçando uma segunda audição. Tudo bem, esta afirmativa tem o seu lado bom e o seu ruim, mas que eu preferia mais umas quatro faixas, eu preferia com toda certeza.

"Feed Of The Dead" é um álbum indispensável pra quem curte Death Metal e Grindcore, de nomes como o já citado Cannibal Corpse, Nasum, Repulsion e Cattle Decapitation. Vale a pena conferir…

Eternal Hatred Records - 2017

Track List:
01. Anal Roto Rooter
02. Your Dildo is a Piece of Leg
03. Raped by Pigs
04. Dead Body Affair
05. Taste my Dick Cheese
06. Mayhem Hysteria
07. Needlework
08. Keep my Meal Alive
09. Excremental Ecstasy
10. Chainsaw Masturbation

Formação/Formation:
Fabiano Werle: vocalista/vocalist
Deleon Vith: guitarrista/guitarist
Rafael Lubini: guitarrista/guitarist
Henrique Joner: baixista/bass player
Felipe Nienow: baterista/drummer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Fabio Pitombeira

Trabalha desde 2002 com produção de shows em Teresina. Teve a oportunidade de trabalhar com grandes nomes do Heavy Metal e Rock and Roll como Paul Di Anno, Ira!, Hangar, Angra, Shaman, Andralls, Drowned, Clamus, Dark Season, Megahertz, Anno Zero Empty Grace, Mordydia, Káfila, entre outros.

Mais matérias de Fabio Pitombeira.