Hammerfall: Sempre cultuando o poder do Heavy Metal

Resenha - Threshold - Hammerfall

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Sobreira
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Observando de longe, os anos 90 (a respeito do que muitos dizem), foram muito produtivos musicalmente para o Metal, pois em cada período, uma vertente foi “beneficiada”. O Black e o Death Metal no início da década, Progressive, Industrial, Gothic, Symphonic e o Power, da segunda metade em diante, somando assim, inúmeros praticantes e admiradores. Formada em 1993, mas lançando o “debut” apenas em 1997, a banda sueca Hammerfall, integrou o grupo daquelas centenas de bandas que buscavam por seu espaço na cena mundial, e ao longo dos seus trabalhos, conseguiu consolidar um nome forte e bem conhecido, deixando muitos de seus “concorrentes”, para trás.

1653 acessosHammerfall: preços de ingressos para shows no Brasil5000 acessosBateristas: os trinta mais ricos do mundo

Disponibilizado no dia 20 de outubro de 2006, mais uma vez pela Nuclear Blast, o sexto álbum trouxe tudo aquilo que os diferenciaram: peso, qualidade e profissionalismo, em músicas fortes. Entretanto, se o Power Metal, com ares de Tradicional e alguns discretos de Hard, nunca escondeu influências dos anos 80, a desenvoltura e a vontade de cultuar o estilo são empolgantes e merecem ser ouvidas, em alto e bom som!

Na época, a formação estava junta a mais de cinco anos e o entrosamento entre os integrantes é sempre importante para resultar em composições naturais. Mas, algum tempo depois, foram anunciadas as saídas do baixista Magnus Rosén (por problemas internos) e do guitarrista Stefan Elmgren (para se dedicar à aviação).

Com produção, mixagem, engenharia e masterização do experiente Charlie Bauerfeind, a sonoridade se apresenta limpa e valoriza cada passagem de cada músico, como não poderia deixar de ser, para “acompanhar” as 11 faixas possuidoras de seus próprios atrativos, em agradáveis 50 minutos de duração.

Como destaques, desde a abertura com “Threshold”, passando por “The Fire Burns Forever”, até “Dark Wings, Dark Words”, “Howlin’ With the ‘Pac” e seu refrão marcante, a “Genocide”, são todas um prato cheio pra quem curte um Metal muito bem feito! Em suma: um trabalho muito bom!

Algumas curiosidades: A arte de capa, foi feita por Samwise Didier, responsável pelo trabalho gráfico nos jogos ‘Warcraft’,’ StarCraft’ e ‘Diablo’, além de ter feito várias artes para o Hammerfall.

A faixa “Dark Wings, Dark Words” é um provérbio usado na série de livros “As Crônicas de Gelo e Fogo” (“Game of Thrones”, no seriado), do escritor George R.R. Martin, fazendo alusão ao mau agouro das (muitas) notícias recebidas através de corvos.

Quase um ano após “Threshold”, em 2007, a banda fez uma única apresentação aqui no Brasil, na cidade de São Paulo, com a banda Gótica alemã Lacrimosa, em uma união de estilos bastante diferentes entre si.

Formação:
Joacim Cans (vocal);
Stefan Elmgren (guitarra solo, programação de teclado e vocal de apoio);
Oscar Dronjak (guitarra, programação de teclado e vocal de apoio);
Magnus Rosén (baixo);
Anders Johansson (bateria).

Faixas:
01 – Threshold
02 – The Fire Burns Forever
03 – Rebel Inside
04 – Natural High
05 – Dark Wings, Dark Words
06 – Howlin’ With the ‘Pac
07 – Shadow Empire
08 – Carved in Stone
09 – Reign of the Hammer (Instrumental)
10 – Genocide
11 – Titan.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Threshold - Hammerfall

4793 acessosHammerfall: optando pelo caminho da burocracia3560 acessosResenha - Threshold - Hammerfall

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 15 de setembro de 2017

1653 acessosHammerfall: preços de ingressos para shows no Brasil905 acessosHammerfall: jornalista divulga datas e locais de shows da turnê0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Hammerfall"

Power metalPower metal
Os 10 discos essenciais segundo o TeamRock

MascotesMascotes
Blog elege o top 10 dos mais imponentes do Metal

Power MetalPower Metal
Os dez álbuns essenciais do gênero

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Hammerfall"

BateristasBateristas
Celebrity Networth lista os trinta mais ricos do mundo

Iron MaidenIron Maiden
Bruce Dickinson diz não haver muito diálogo na banda

VídeoVídeo
Ex-rockeiro explica o real significado da mão chifrada

5000 acessosJohnny Ramone: "Não era bom abrir o show do Black Sabbath"5000 acessosBonnie Rotten: estrela pornô fala do amor ao Metal5000 acessosMegadeth: Dave Mustaine elege seu top 5 da Austrália e UK5000 acessosGuns N' Roses: comediante amigo dos caras diz que ajudou na reunião5000 acessosIgor Cavalera: "quem reclama da música atual é preguiçoso"5000 acessosLoudwire: os 25 melhores álbuns de metal extremo da história

Sobre Vitor Sobreira

Moro no interior de Minas Gerais e curto de tudo um pouco dentro do maravilhoso mundo da música pesada, além de não dispensar também uma boa leitura, filmes e algumas séries. Mesmo não sendo um profissional da escrita, tenho como objetivos produzir textos simples e honestos, principalmente na forma de resenhas, apresentando e relembrando aos ouvintes, bandas e discos de várias ramificações do Metal/Heavy Rock, muitos dos quais, esquecidos e obscuros.

Mais matérias de Vitor Sobreira no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online