RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemO hit da Legião Urbana que traz crítica contra "Escolinha do Professor Raimundo"

imagemBanda cancela show porque perdeu laptops e Sebastian Bach alfineta; "Isso é uma piada?"

imagemDigão diz a Jão que não quer treta mas não tem sangue de barata

imagemSe Kiko voltar, o Angra vai imitar o Iron Maiden e ter três guitarristas?

imagemO músico incrível que foi induzido três vezes ao Hall da Fama do Rock

imagemMustaine revela os critérios avaliados na hora de escolher um integrante do Megadeth

imagemJão, do Ratos de Porão, chama Digão para resolver as diferenças em um ringue

imagemO hit regravado pelo Jota Quest que na época derrubou Roberto Carlos do 1º lugar

imagemO músico que desprezou a Rainha no Live Aid e jamais iria ao funeral da Rainha

imagemBlack Sabbath: A opinião de Dio sobre "Heaven & Hell" e "Mob Rules"

imagemMais uma vez! Confira os 5 artistas que mais tocaram no Rock in Rio

imagemA banda que desbancava Roberto Carlos na época da Jovem Guarda, segundo Miguel Plopschi

imagemComo um amigo cego inspirou o hit "Sound Of Silence", de Simon & Garfunkel

imagemA curiosa analogia de Kiko Loureiro sobre Uber e F1 para explicar importância da prática

imagemNovo produtor do Slipknot esperava mais do grupo, afirma guitarrista


NFL Steve Harris

Pagan Throne: Pagan/Viking metal agressivo e épico

Resenha - Swords of Blood - Pagan Throne

Por Junior Frascá
Em 03/02/16

Nota: 8

O quinteto carioca PAGAN THRONE ficou um bom tempo parado, pois já se vão cinco anos desde que lançaram o debut "The Way to the Northern Gates". Todavia, esse tempo sem novos lançamentos fez bem à banda, pois nesse retorno os caras nos apresentam uma obra densa, coesa e madura, embora mantendo toda a essência de sua sonoridade.

Para quem não conhece o som dos caras, como o próprio nome da banda indica, temos aqui um pagan/viking metal de extrema qualidade, brutal e ríspido, calcado na escola do black e do death metal, e um clima épico de guerra dos mais impressionantes.

E tudo isso graças a uma diversidade sonora muito bem criada e executada, com arranjos melódicos excelentes, mesmo diante do caos sonoro que permeia todo o trabalho. Alias, a produção, a cargo do baixista Eddie Torres, também foi de suma importância nesse ponto, pois fez com que a banda soasse orgânica em sua essência, sem excessos de modernidade, e criando um clima propício para tudo fluir solto, sem amarras.

Dentre os destaques do trabalho, a épica "Northern Forests" (uma das mais longas) e excelente "Kingdom Rises", que conta com a participação de Vivi Alves (MORTARIUM), e retrata bem essa grandeza do som da banda, com coros de vozes muito bem construídas, são alguns dos bons exemplos de como a banda evoluiu com o tempo de carreira, com uma maturidade de veterana.

Eis, pois, um trabalho que prova mais uma vez a força do metal nacional, em todas as suas vertentes, e que coloca o PAGAN THRONE no esquadrão de frente do seu lado mais extremo e épico.

Swords of Blood - Pagan Throne
(Eternal Hatred Records - 2015 - Nacional)

1. Invasion
2. Swords of Blood
3. Rites of War
4. Fallen Heroes
5. Northern Forests
6. Beast of the Sea
7. Kingdom Rises
8. Dark Temples
9. Path of Shadows
10. Pagan Heart


Outras resenhas de Swords of Blood - Pagan Throne

Resenha - Swords of Blood - Pagan Throne

Resenha - Swords of Blood - Pagan Throne

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá.