Symphony X: "Underworld" é um dos melhores discos de sua carreira

Resenha - Underworld - Symphony X

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá, Fonte: Entrou na Sala
Enviar Correções  

9


Após lançar o disco mais pesado de sua carreira ("Paradise Lost"), e um ótimo álbum duplo ("Iconoclast"), os americanos do SYMPHONY X retornam com seu novo trabalho, denominado "Underworld", cujo título tem ligação com um dos elementos de "O Inferno", primeira parte da "Divina Comédia", de Dante Alighieri.

Symphony X: show em Limeira (SP) será com abertura da banda Trend Kill Ghosts

Bruce Dickinson: deixando o cabelo crescer novamente em ato de rebeldia

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

E sem sombra de dúvidas estamos diante de uma das obras mais intensas e variadas de Michael Romeo (Guitarra), Russell Allen (Vocal), Michael Lepond (Baixo), Michael Pinnella (Keyboards) e Jason Rullo (Bateria).

Instrumentalmente, é notória a evolução da banda no decorrer de sua carreira, embora sempre tenham primado pela excelência nesse quesito. Mas é possível notar como os arranjos, mesmo os mais elaborados, se encaixam de forma coesa e harmônica, e as melodias soam mais densas, mas sem deixar de cativar o ouvinte.

Russell Allen também está em uma crescente fantástica em sua carreira, com performances cheias de emoção, variando entre momentos mais líricos e outros mais rasgados, sempre com maestria.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No começo, com a apocalíptica "Overture", e o progressivo single "Nevermore", temos a impressão de que "Underworld" é uma continuação de "Iconoclast", mas já na faixa título somos surpreendidos com um lado mais obscuro e carregado, com uma rifferama de Romeo de fazer qualquer pescoço sofrer intensamente.

O outro single do álbum, "Without You", talvez seja a faixa mais melódica do disco, uma semibalada bem interessante e até com alguns elementos mais psicodélicos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Kiss of Fire" é outra faixa bem brutal, cujo começo até lembra um pouco as bandas de black metal sinfônico, mas logo a banda coloca as coisas nos lugares, com um peso cavalar, remetendo diretamente ao já clássico "Paradise Lost".

Os outros destaques do trabalho ficam para "Hell and Back", uma mistura de hard rock com metal moderno, e com um grande refrão; "Run With the Devil", um hard progressivo (se é que isso existe!) bem energético e variado; e "Swansong", uma epopéia melódica belíssima e emocionante.

Portanto, trata-se de um trabalho variado e intenso, cheio de influências diversas e que, no geral, fogem do lugar comum, e, nessa toada, demanda algumas audições mais apuradas para ser compreendido em toda sua essência.

Mas não há dúvidas que temos aqui mais um discaço do quarteto, já consagrado como uma das melhores bandas do metal contemporâneo, e que cada vez galga degraus ainda mais altos em sua carreira. Forte candidato a melhore disco de 2015, e já na lista dos 3 melhores discos da banda, ao lado de "Paradise Lost" e "The Divine Wings of Tragedy".

Underworld - Symphony X
(Nuclear Blast - Importado - 2015)

1. Overture
2. Nevermore
3. Underworld
4. Without You
5. Kiss of Fire
6. Charon
7. Hell and Back
8. In My Darkest Hour
9. Run with the Devil
10. Swansong
11. Legend


Outras resenhas de Underworld - Symphony X

Symphony X: "Underworld" é um álbum essencialmente heavy metal

Symphony X: Uma obra prima moderna

Symphonyx: Álbum conquista mesmo sem mostrar evolução musical

Symphony X: Mais uma paulada digna de mestres do progressivoSymphony X
Mais uma paulada digna de mestres do progressivo




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Symphony X: show em Limeira (SP) será com abertura da banda Trend Kill Ghosts

Symphony X: turnê pela América Latina é adiada para 2021

Deja Vu Do Rock: Edgar Allan Poe e o Heavy Metal (vídeo)


Metal Progressivo: os dez melhores álbuns do estiloMetal Progressivo
Os dez melhores álbuns do estilo

Symphony X: Não soamos como o Dream Theater, mas não há muitas com quem nos compararSymphony X
"Não soamos como o Dream Theater, mas não há muitas com quem nos comparar"


Bruce Dickinson: deixando o cabelo crescer novamente em ato de rebeldiaBruce Dickinson
Deixando o cabelo crescer novamente em ato de rebeldia

Guns N' Roses: Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?Guns N' Roses
Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280 GooInArt