DragonForce: Quem não é fã pode se surpreender

Resenha - Maximum Overload - DragonForce

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Carlos Lazzarotto
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Se você é um fã do DragonForce, pode ouvir esse cd sem medo. Agora, se você sempre olhou meio mesquinho para os discos dessa banda, o convido a ouvir o material. Tenho certeza que ficará surpreso.
2691 acessosDragonforce: vocalista salva a pele ao saltar de carro a 48 km/h5000 acessosIntrigas: Bandas em família que terminaram mal

Confesso que não sou um dos maiores fãs do DragonForce. Gosto bastante de algumas músicas e seu primeiro álbum é bem interessante. Porém, com suas melodias insanamente (e até artificialmente) rápidas e, de certo modo, repetitivas, acabaram por me cansar da banda, como muitos outros ouvintes.

Entretanto, com o conhecimento de que o vocalista havia sido trocado (vejam, eu não estava mais acompanhando a banda), e com a proximidade do show no Brasil, fiquei curioso para ouvir a voz do novo membro do grupo, e, claro, seu novo disco. E foi uma decisão correta ouvi-lo. Ele me fez apaixonar pelas músicas, como nenhum outro cd da banda havia conseguido até então.

A primeira música “The Game” já começa rapidíssima como não podia ser diferente para um álbum do DragonForce. Já imaginei que seria mais um álbum “normal” deles. Porém, percebi que, apesar da velocidade, a música é muito boa e, principalmente, que o vocalista manda muito bem. Música para ser ouvida muitas vezes. "Tomorrow's Kings" segue bem rápida também (afinal estamos num cd do Dragonforce), e possui um refrão bem cativante. Uma música alegre, digamos assim.

“No More” tem o início que lembra algumas antigas músicas do grupo. Com um pouco menos velocidade, e uma bateira interessante, é uma boa música. "Three Hammers” chega para pisar o pé no freio e segurar a velocidade. Acho uma canção bem interessante, bem interpretada, e com o refrão que agrada aos amantes de agudos.

“Symphony of the Night” para mim uma das melhores do álbum (junto com The Game). Rápida e de um refrão marcante. Com essas 5, já fez eu gostar bastante da troca de vocalista que ocorreu na banda (sem desrespeitar o ZP) e daria nota 10 para o cd. Entretanto, na segunda metade o nível caí um pouco. Temos "The Sun Is Dead" que não vi tanta graça, mas também não estraga. "Defenders" é uma música também boa, com o refrão que relembra bem os primórdios do DragonForce. Já "Extraction Zone" é uma música razoável, que não destaca. Talvez a mais fraca do cd.

"City of Gold" é outra música boa, com a rapidez voltando ao disco. E o veloz cover de Johnny Cash, "Ring of Fire", encerra o CD. Para mim, Maximum Overload é álbum com as cinco primeiras músicas iniciais muito boas, que se destacam, e com as restantes que não comprometem o disco, mas que baixaram a nota dele. E apesar de não termos velocidades alucinantes no CD (comparando com algumas músicas dos álbuns anteriores), também não temos nenhuma balada, como já era esperado. Acredito que ao vivo elas serão bem interpretadas.

Convido a todos que não são fãs do DragonForce a ouvirem o Maximum Overload e quem sabem se surpreender. Não irão se arrepender. E aos fãs, bom, aí é claro que a ouvida é obrigatória.

Músicas:

Track-list:
1. "The Game"
2. "Tomorrow's Kings"
3. "No More"
4. "Three Hammers"
5. "Symphony of the Night"
6. "The Sun Is Dead"
7. "Defenders"
8. "Extraction Zone"
9. "City of Gold"
10. "Ring of Fire"

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Maximum Overload - DragonForce

3029 acessosDragonForce: Um álbum intenso e marcante

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 09 de março de 2015

DragonforceDragonforce
Vocalista salva a pele ao saltar de carro a 48 km/h

480 acessosDragonForce: Ouça versão de "Through The Fire and Flames" em baixo1000 acessosHerman Li: a técnica de guitarra que ninguém parece ensinar hoje390 acessosDragonForce: Reaching Into Infinity atinge paradas da Billboard0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Dragon Force"

DragonforceDragonforce
Herman Li elege seus cinco riffs favoritos

GuitarrasGuitarras
As 15 músicas mais complicadas para tocar

Sempre a mesma coisaSempre a mesma coisa
12 bandas que nunca mudam

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Dragon Force"

IntrigasIntrigas
Bandas em família que terminaram mal

NirvanaNirvana
Vinte coisas que você não sabia sobre "Nevermind"

Galeria de fotosGaleria de fotos
13 motivos para gostar de Rock N Roll

5000 acessosDream Theater: os segredos do álbum Octavarium5000 acessosBon Jovi: o mistério de Tommy e Gina em "Livin' On A Prayer"5000 acessosJudas Priest: 10 fatos que comprovam que eles são Heavy Metal4053 acessosBlack Sabbath: sinos no final de "Dear Father" ficaram bregas?5000 acessosMegadeth: as 10 melhores faixas segundo o Loudwire5000 acessosPolêmica: as músicas mais controversas da história do Rock

Sobre Carlos Lazzarotto

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online