[an error occurred while processing this directive]

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Korzus: Ainda melhorando a sonoridade após tantos anos

Resenha - Legion - Korzus

Por Júlio César Tortoro Ribeiro
Fonte: Blog Its Electric
Postado em 28 de novembro de 2014

Nota: 8

Korzus é um dos patrimônios do Heavy Metal brazuca, na ativa desde o a metade dos 80's a banda de São Paulo já passou por todas as experiências possíveis dentro de um cenário totalmente adverso para quem se aventura no universo da música pesada, sobrevivendo e construindo uma carreira sólida, eles chegaram a um dos pontos mais altos de sua jornada com o excelente Legion.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Os memoráveis Ties Of Blood (2004) e Discipline Of Hate (2010) foram sucedidos por um grande registro, Legion é um petardo, uma aula de vigor e profissionalismo, a produção assinada pelo guitarrista Heros Trench é crua mas cuidadosamente bem acabada nos timbres potentes, a mixagem de Marcelo Pompeu coloca tudo no devido lugar.

Musicalmente as coisas fluem com naturalidade, sim aquele Thrashão com a boa e velha influência de Slayer continua sendo a orientação principal, mas notamos momentos mais melódicos combinados com muito peso e intensidade.

A banda mostra que a experiência faz diferença, Marcelo Pompeu vocifera com fúria e emoção, a dupla Heros Trench e Antonio Araújo dão uma aula de guitarras, paredes de riffs, duetos e solos enlouquecidos, Dick Sibert segura as pontas com seu baixo pulsante e Rodrigo Oliveira é um baterista técnico que não pensa duas vezes ao espancar sua bateria.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

Toda brutalidade habitual de seu Thrash Metal estão presentes,as massas sonoras de Lifeline, Lamb e Vampiro (esta última cantada em português) são demonstrações da mais pura forma de agressividade sonora, fazendo a alegria dos fãs que sempre esperam um recado direto.

Entretanto, um dos maiores destaques da nova empreitada do Korzus é a adição muito bem sacada das melodias como em Broken e Self Hate, ambas contém solos memoráveis e uma dose muito bem vinda de um groove arrebatador.

Explodindo cabeças Bleeding Pride é um tapa na orelha. O disco fecha com espetacular Legion, uma música grandiosa, com grandes melodias, Pompeu soa muito bem com vocais agressivos e melodiosos, Trench, Araújo e Sibert criam paredes sonoras intensas e Rodrigo implode tudo com uma levada arrasadora, uma música ambiciosa, um épico que encerra o disco de maneira sensacional.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

É impressionante e surpreendente como o Korzus mesmo após tantos anos continua melhorando sua sonoridade, compondo de maneira certeira e excetuando tudo com maestria.

Compre e divirta-se!

Legion (2014)

Lifeline
Lamb
Six Seconds
Broken
Vampiro
Die Alone
Aparatus Belli
Time Has Come
Purgatory
Self Hate
Belleding Pride
Devil's Head
Legion

A Banda

Marcelo Pompeu (Vocais)
Heros Trench (Guitarra)
Antônio Araújo (Guitarra)
Dick Sibert (Baixo)
Rodrigo Oliveira (Bateria)

Fonte Blog Its Electric
http://itselektric.blogspot.com.br/2014/11/korzus-legion.html

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 4

Outras resenhas de Legion - Korzus

Korzus: Entre os melhores álbuns de Thrash Metal do ano

Korzus: O Heavy Metal brasileiro é uma realidade

Korzus: Não existem momentos ruins ou medianos no álbum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Nebro - Vesperaseth

Sepultura: Em plena forma e com mais um disco brilhante

Deep Purple: Who Do We Think We Are é um álbum injustiçado?

Deep Purple: Stormbringer é um álbum injustiçado?

Megadeth: recuperando a fúria que faltava


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Júlio César Tortoro Ribeiro

Paulistano fanático por música e lutas, não sou jornalista, mas sempre gostei de escrever como Hobby, e por isso mantenho um blog totalmente amador chamado Its Electric no qual discorro sobre esses assuntos. Sou contra o radicalismo e apóio quem como eu ainda compra material das bandas e escreve sobre as mesmas por puro gosto.
Mais matérias de Júlio César Tortoro Ribeiro.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS