Matérias Mais Lidas

imagemJames Hetfield e esposa Francesca se divorciam após 25 anos de união

imagemNando Reis e a linda música que Samuel Rosa dispensou por ter recebido na hora errada

imagemAs seis músicas do Metallica que Dave Mustaine ajudou a escrever

imagemO comovente relato de Kiko sobre como foi gravar em meio ao câncer de Mustaine

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemAs faixas do "Black Album" que James Hetfield e Lars Ulrich não curtem

imagemNando Reis relembra curioso único game que jogou na vida, durante gravação dos Titãs

imagemJanis Joplin: última gravação dela em vida foi feita para um Beatle

imagemAC/DC: Rick Rubin recorda a problemática produção de "Ballbreaker"

imagemAs 10 melhores versões metal de músicas pop dos anos 1980, em lista da Metal Hammer

imagemRaul Seixas: o clássico que presta homenagem ao brega e foi feito com Paulo Coelho

imagemA opinião de Brian May sobre Lemmy Kilmister e o Motörhead

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemJoão Gordo relembra proposta de fazer propaganda de calmante com Dado Dolabella


Dream Theater 2022

Voodoopriest: O surgimento de um gigante do metal nacional

Resenha - Mandu - Voodoopriest

Por Junior Frascá
Em 06/10/14

Nota: 9

Se o EP "Voodopriest" já dava mostras de que a nova banda de Vitor Rodrigues (ex-TORTURE SQUAD), o VOODOOPRIEST, tinha tudo para se tornar uma das grandes bandas do cenário nacional, com seu primeiro disco, "Mandu", que acaba de ser lançado no formato físico pela Diehard Records estas previsões se concretizam, pois certamente temos aqui o melhor disco nacional de 2014 até o momento.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Com uma proposta calcada no thrash metal moderno e brutal, com algumas doses precisas de death metal, o quinteto se destaca pela facilidade em empolgar o ouvinte em cada uma das 09 faixas, que embora sejam sujas e agressivas, cativam com muita facilidade, graças à competência da banda em compor temas coesos e muito bem estruturados, sabendo aliar técnica com felling na medida certa.

Os grandes destaques do trabalho ficam para os riffs fantásticos de Renato de Luccas e César Coveiro, realçados ainda mais pelos excelentes timbres e pela ótima produção de Brendan Duffey e Adriano Daga, dando uma aula de agressividade e precisão.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Já Vitor Rodrigues mostra mais uma vez o porque de sua fama na cena, pois suas performances são assustadoramente fantásticas, transmitindo toda a fúria que as letras do álbum retratam. Alias, nesse ponto Vitor dá outro show, compondo todas as letras do álbum, que é conceitual, que conta a história verídica de Mandu Ladino, índio que liderou a resistência contra o extermínio de tribos indígenas e invasão de suas terras pelo homem branco na região do estado do Piauí, no início do século 18.

"Dominate and Kill", que trata do massacre sofrido pelos índios com a chegada dos Portugueses em nossas terras, e traz um dos melhores refrãos do álbum; "Trail of Blood", uma das mais agressivas do disco, com forte influência de death metal; e "Mandu", bem moderna e brutal, e que trata do ataque da Mandu e sua trupe em oposição à escravidão; são apenas alguns exemplos de um disco em que todas as faixas se destacam, e devem ser ouvidas com a máxima atenção.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Assim, o VOODOOPRIEST estreia com o pé direito, com um trabalho muito acima das expectativas (que não eram baixas, tendo em vista os músicos envolvidos), moderno mas sem abrir mão das raízes da música pesada, e que certamente trará à banda ótimos frutos, e o merecido reconhecimento. Compre já o seu!

Mandu - Voodoopriest
(2014 – Diehard Records - Nacional)

Formação:
Vítor Rodrigues (Vocal)
Renato de Luccas (Guitarra)
César Covero (Guitarra)
Bruno Pompeo (Baixo)
Edu Nicoline (Bateria)

Tracklist:
1. Dominate And Kill
2. Religion In Flames
3. Warrior
4. Eye For An Eye
5. Trail Of Blood
6. Mandu
7. Warpath
8. Swallowed By The Waters
9. We Shall Rise

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


Outras resenhas de Mandu - Voodoopriest

Resenha - Mandu - Voodoopriest

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Vitor Rodrigues: "Walk on home, Phil!"

Thrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável

Kiss: como foi demitir Eric Carr em seu leito de morte

O Whiplash.Net protege algumas bandas e prejudica outras?


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá.