Demon Hunter: Eles não falham!

Resenha - Extremist (Deluxe Edition) - Demon Hunter

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Márllon Matos
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Até o momento, este foi o álbum do DEMON HUNTER que eu mais esperei para ser lançado e, mais uma vez, não fui decepcionado pelos gringos.

5000 acessosMetallica: banda passa dificuldades financeiras, dizem biógrafos5000 acessosSlash: "grunge não teve nada a ver com o fim do Guns"


Pra variar peguei a edição deluxe de “Extremist” e dá pra afirmar que é o melhor lançamento deles neste formato. O Box veio em formato livro onde encontramos cd (com 2 bônus), dvd, letras e suas respectivas explicações, fotos, fotos da gravação e um vinil 7” com 2 faixas acústicas (que é a cereja desse “bolo”)

“Extremist” tem 14 faixas nesta edição e tinha um trabalho complicado em superar o marcante “True Defiance”. Bem, pelo menos para mim o desafio foi vencido.

Muitos esperavam um álbum mais extremo pro causa do nome, mas a banda preferiu que este conceito ficasse apenas nas letras enquanto o álbum em si traz as músicas mais melódicas e cativantes da sua história (aliadas a uma das mais brutais).Uma única escutada já é suficiente para saber cantar os refrões da maioria das músicas e todas elas tem grande potencial para se saírem bem ao vivo.

É possível que muitos reclamem da alta concentração de “baladas” e faixas com vocais limpos e para estes eu recomendo uma audição especial de “Cross To Bear” que é uma das mais agressivas do Demon Hunter. É pra moshar até perder os braços ! Outra bem agressiva (apesar do seu refrão melódico) é “Artificial Light”, na metade de música você já estará preparado para cantá-la.

Vale uma audição atenta também nas baladas “The Last One Alive”, “I Will Fail You” e na totalmente contagiante e com acentos pop e country “The Heart Of Graveyard”.

Para aqueles que não tem intimidade com um som muito pesado e querem começar a ouvir a banda, este é um bom álbum para se indicar.

OBS: As faixas acústicas (I Will Fail You e Hell Don't Need Me) são perfeitas e só reforçam a idéia de que eles precisam de algo exclusivamente nesse formato em breve !

OBS 2: As 02 bônus, na minha opinião, são as mais fracas do álbum ...

Favoritas: TODAS !!!

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Demon Hunter"

MetallicaMetallica
Homem que matou Bin Laden usou faixas em tortura

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Demon Hunter"

MetallicaMetallica
Banda está passando por dificuldades financeiras, dizem biógrafos

Guns N RosesGuns N' Roses
Slash: "Decidi dar um descanso para o meu nariz!"

Bruce DickinsonBruce Dickinson
Ver as Iron Maidens foi uma experiência estranha

5000 acessos1986: O ano definitivo da música pesada5000 acessosRolling Stone: as 10 melhores bandas de Heavy Metal5000 acessosMetal Extremo: os logos mais ilegíveis já criados2433 acessosPantera: bebê de sete meses agitando com "Cowboys From Hell"2964 acessosRock x Política: quem disse que não sai coisa boa dessa mistura?5000 acessosLamb of God: a simplicidade dos caras do Metallica

Sobre Márllon Matos

Nascido em 1990, despertou para o rock em 2002 e desde lá vem sendo o terror dos vizinhos, seja tocando bateria ou ouvindo Metal no mais alto volume. Cristão convicto, curte de Palavrantiga a Crimson Moonlight, e o seu sonho é conseguir ir para a Austrália ver algum show do Mortification.

Mais matérias de Márllon Matos no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online