Nocturnal: Vocalista demoníaca no Black/Thrash Metal

Resenha - Storming Evil - Nocturnal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade


Desde 2000 na ativa, os alemães do Nocturnal mostram-se uma banda prolífica. Pois, apesar deste ser apenas o terceiro full-length, a banda soltou mais de 20 trabalhos nos mais diversos formatos. Pela primeira vez, a banda lança um disco na América do Sul pelo selo brasileiro Kill Again Records.

A sonoridade rústica da banda se contrasta com uma boa produção sonora (nada artificial, porém) em um Thrash/Black Metal nervoso. Mérito do produtor Mersus, que gravou, mixou e masterizou o novo disco no Underworld Studio.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Velocidade impera na maioria do tempo, com guitarras raivosas, cozinha direta sem perdão. O Nocturnal bebe em fontes enraizadas, mas consegue manter uma pegada atual, porém totalmente anticomercial. Essa rusticidade fica ainda mais evidente com os vocais rasgados de Tyrannizer que explora os ‘falsetes’ muito bem. Ah, trata-se de uma mulher completamente ‘endiabrada’ na linha de frente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A pouca variação das composições às vezes deixa a impressão de que estamos ouvindo quase sempre a mesma música, o que faz com que faixas diferenciadas como Storm from the Graves, Tyrants of Damnation, Taken by Fire e Blessed Death sejam os destaques.

Um trabalho extremamente indicado a fãs de Toxic Holocaust, Desaster e derivados. Vale lembrar que "Storming Evil" também foi lançado em formate k7 limitado a 300 cópias pela Into Dungeons Records. Completam o time Avenger (guitarras), Vomitor (baixo) e Skullsplitter (bateria).

http://www.unholythrashmetal.de.vu/
https://www.facebook.com/nocturnalunholythrash

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


E-Farsas: Papa Francisco era fã do Black Sabbath?E-Farsas
Papa Francisco era fã do Black Sabbath?

Guns N' Roses: a família brasileira de Axl RoseGuns N' Roses
A família brasileira de Axl Rose


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin Goo336 GooInArt Cli336